quarta-feira, 29 de junho de 2011

PIS/PASEP: Abono salarial 2011/2012 começa a ser pago no dia 18 de julho

O Codefat (Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador) aprovou nesta terça-feira o calendário de pagamento do abono salarial do exercício 2011/2012, ano-base 2010.

De acordo com o Ministério do Trabalho, 19,6 milhões de trabalhadores poderão receber o benefício, cerca de 6% a mais que no ano anterior. No total, serão pagos cerca de R$ 10,7 bilhões provenientes do FAT (Fundo de Amparo ao Trabalhador).

Os pagamentos começarão em julho, quando trabalhadores que possuem conta corrente ou poupança na Caixa Econômica Federal ou no Banco do Brasil terão o benefício creditado direto na conta.

O depósito do benefício para os 5,4 milhões de trabalhadores de empresas que têm convênio será feito no dia 18 do próximo mês.

Já os saques poderão ser feitos diretamente nas agências bancárias a partir do dia 11 de agosto, de acordo com o mês de aniversário do beneficiário, no caso dos trabalhadores cadastrados no PIS (Programa de Integração Social), ou pelo final da inscrição no Pasep (Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Púbico).

Já podem sacar o benefício em agosto trabalhadores nascidos em julho, agosto e setembro. Os inscritos no Pasep com final entre 0 e 7 também poderão sacar neste mês. O prazo para realizar o saque termina em 29 de junho de 2012.

Têm direito a receber o benefício pessoas que trabalharam com vínculo empregatício por pelo menos 30 dias em 2010, recebendo, em média, até dois salários mínimos, que naquele ano teve o valor de R$ 510. Também é preciso estar inscrito no PIS ou no Pasep há cinco anos, ou seja, pelo menos desde 2006, e ter sido informado corretamente pelo empregador na Rais 2010 (Relação Anual de Informações Sociais).


Calendário PIS - pagamento na Caixa Econômica Federal:


Nascidos em julho: de 11 de agosto de 2011 a 29 de junho de 2012
Nascidos em agosto: de 17 de agosto de 2011 a 29 de junho de 2012
Nascidos em setembro: de 24 de agosto de 2011 a 29 de junho de 2012
Nascidos em outubro: de 14 de setembro de 2011 a 29 de junho de 2012
Nascidos em novembro: de 21 de setembro de 2011 a 29 de junho de 2012
Nascidos em dezembro: de 28 de setembro de 2011 a 29 de junho de 2012
Nascidos em janeiro: de 18 de outubro de 2011 a 29 de junho de 2012
Nascidos em fevereiro: de 20 de outubro de 2011 a 29 de junho de 2012
Nascidos em março: de 27 de outubro de 2011 a 29 de junho de 2012
Nascidos em abril: de 10 de novembro de 2011 a 29 de junho de 2012
Nascidos em maio: de 17 de novembro de 2011 a 29 de junho de 2012
Nascidos em junho: de 22 de novembro de 2011 a 29 de junho de 2012


Fonte: Folha.com


Odete Roitman: Relembre as frases marcantes da vilã

Falem mal, mas falem dela. Odete Roitman (Beatriz Segall), a vilã que todo autor gostaria de ter em sua novela, será assassinada nesta quarta-feira (29) na reprise de “Vale Tudo” no Canal Viva, e deixa – mais uma vez - um legado de frases que ficarão para a história da teledramaturgia brasileira.

Longe de qualquer um dizer que tais frases são educativas, porém o sarcasmo da matriarca da família Roitman chegou a conquistar os telespectadores que não se conformam com o Brasil. Ao insultar o país e suas mazelas, Odete parecia dar uma “tapa na cara da sociedade”, com muita sofisticação, é claro!

Por isso, resolvemos reunir as frases mais marcantes ditas pela vilã de “Vale Tudo” e mostrar por que Odete Roitman merece ser odiada – ou até mesmo amada. Confira nas próximas páginas!

- “Se eu encontrasse minha mãe vendendo sanduíche na praia, eu não viraria a cara para ela. Eu enterraria a cara inteira na areia. Minha mãe era uma jeca, mas não vendia sanduíche na praia.”

- “Às vezes eu tenho a sensação que as pessoas não viajam, não aprendem, não vão à Paris. Aliás, não vão nem à Buenos Aires.”

- “Eu gosto do Brasil. Acho lindo, uma beleza. Mas de longe, no cartão postal. Essa terra aqui não tem jeito. Esse povo daqui não vai pra frente, é preguiçoso. Só se fala em crise e ninguém trabalha?”

- “A única solução para a violência é a pena de morte. Para ladrão e assaltante, cortar a mão em praça pública. E se cortasse a mão dessa gente, diminuiria o índice de violência nesse país. Não tenha dúvida.”

- “Roma é a cidade eterna, mas eu continuo preferindo Paris. Aliás, Paris é minha pátria, assim como é de todas as pessoas civilizadas.”

- “Você acha que eu vou pegá-los no aeroporto? Eu acho a coisa mais jeca dar plantão em aeroporto. Eles até colocaram vidro para as pessoas não verem quem está chegando, mas mesmo assim as pessoas colocam o nariz no vidro, penduram criancinha pra dar 'tchau'. Eu vou mandar o chofer.”

- “Nunca vi gostar tanto de fazer hora extra como trabalhador brasileiro.”

- “Nosso jantar é muito simplesinho. O primeiro prato é de uma simplicidade franciscana. Temos uma lagostazinha.”

- “Chinelo, chinelo... Que palavra horrível! Português é uma língua tão chinfrim.”

- “E eu que pensei que alguma coisa tinha mudado nesse país. Foi só botar o pé aqui que você começa a sentir esse calor horroroso, uma gente horrível no caminho, gente feia esperando ônibus caquéticos no ponto.”

- “O Brasil é um país de jecas. Ninguém aqui sabe usar talher de peixe.”

- “Você reserva pra mim um desses hotéis limpinhos que tem aí? De preferência um que não tenha um bando de mendigos na porta tentando agarrar a gente. Avisa também na recepção do hotel que eu detesto ver um monte de brasileiros na porta do meu apartamento falando português. Quanto menos eu ouvi falando português, melhor.”

- “Você pode imaginar uma menina inteligente e sensível como a Maria de Fátima [Glória Pires] morando em uma cidadezinha de interior ao lado da mãe? No dia do aniversário ganhando bolinho com velhinhas, olhinho de sogra, cocadinha, docinho de leite, salgadinho enfeitado com florzinha de tomate?”

Fonte: Famosidades

Links da Semana

O Filtro
http://colunas.epoca.globo.com/ofiltro/

Blog Eu Sou Luz
http://eu-sou-luz.blogspot.com/

Zeca Blog
http://zecabarroso.blogspot.com/

Site do Sidicato dos Trabalhadores dos Correios
http://www.sintectgo.org.br/

Site FaSeM - Faculdade Serra da Mesa
www.fasem.edu.br

terça-feira, 28 de junho de 2011

Brasileiro José Graziano, Ex-Ministro do Fome Zero é eleito Diretor Geral da FAO/ONU


José Graziano da Silva, ex-ministro do Fome Zero foi eleito Diretor Geral da FAO/ONU


José Graziano da Silva foi eleito, no dia 26 de junho, diretor-geral da Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura (FAO), após 18 anos de mandato do senegalês Jacques Diouf.

Ex-ministro da Segurança Alimentar e coordenador do programa Fome Zero no governo Lula, o agricultor e professor da Universidade Estadual de Campinas disputou votos com outros cinco candidatos - Espanha, Áustria, Indonésia, Irã e Iraque.

Pela primeira vez desde que foi fundada, em 1945, a FAO será presidida por um latino-americano, que terá o desafio de erradicar ou pelo menos reduzir a fome no mundo.

O brasileiro, que obteve 92 votos contra 88 do ex-chanceler espanhol Miguel Angel Moratino, assumirá em um momento em que a alta nos preços dos alimentos tornou-se uma preocupação global, discutida nos principais foros internacionais.

Outro problema com o qual Graziano deve lidar são as divergências quanto à produção de biocombustíveis (apontados por algumas nações como causa da inflação nos alimentos).

Nascido em 17 novembro de 1949, Graziano ocupa o posto de representante regional e vice-diretor da FAO desde março de 2006. Durante sua permanência na Organização, o brasileiro conseguiu que os países de América Latina e Caribe fossem os primeiros a assumir o compromisso de erradicar a fome antes de 2025.

Graziano focará sua gestão em cinco pilares: além de eliminar a fome no mundo, propõe o engajamento da FAO na produção sustentável de alimentos; atenção aos recursos renováveis de energia e segurança alimentar; mais eficiência nos processos e autonomia de escritórios regionais; e incentivo às relações Sul-Sul.

Na apresentação de seu programa, Graziano admitiu que "houve um longo período de negligência com a agricultura, a pesca, as florestas, desenvolvimento rural e segurança alimentar" no mundo.

"A recente crise econômica global e a crise de alimentos é um alerta para que acordemos. Lembra-nos que estamos interconectados", afirmou ao apresentar sua propostas.

Criada em 16 de outubro de 1945, a FAO concentra esforços de 191 países, mais a Comunidade Europeia, pela erradicação da fome e da insegurança alimentar. A agência funciona como um fórum neutro onde os países desenvolvidos e em desenvolvimento se reúnem para para negociar acordos e debater políticas para a área.

O orçamento enxuto da FAO, se comparado ao de outras órgãos da Organização das Nações Unidas (ONU), é considerado entrave à uma atuação mais abrangente. Para o biênio 2010/2011, a FAO conta com US$ 1 bilhão (R$ 1,6 bilhão), e com mais US$ 1,2 (R$ 1,9 bilhão) advindos de doações voluntárias.



domingo, 26 de junho de 2011

Diocese de Uruaçu - Ordenações 2011

A Diocese de Uruaçu convida os diocesanos para participar, no dia 10 de julho, às 9 horas, das ordenações diaconais e sacerdotais. As ordenações acontecerão no ginásio do Seminário São José (Uruaçu). Serão ordenados diáconos os seminaristas: Elias, Beneval e Giovani, e serão ordenados sacerdotes os diáconos: Pedro e Thiago.



quinta-feira, 23 de junho de 2011

Você é sincero ou grosso?

Um alemão decidiu passar 40 dias falando apenas a verdade. Sua experiência levou ao questionamento: a verdade é sempre essencial?




Verônica Mambrini, fonte: iG São Paulo


Imagem: Getty Images


Já imaginou passar 40 dias sem fingir nada?


Para a maioria das pessoas, ser totalmente sincero durante o dia a dia é uma experiência quase impossível: é comum mentir cerca de 200 vezes por dia, de acordo com o livro “Sincero” (editora Verus), do jornalista alemão Jürgen Schimieder. Nele, o autor relata sua experiência de ficar 40 dias sem mentir: colegas se afastaram, ele discutiu com a mulher, perdeu dinheiro e teve as costelas quebradas pelo melhor amigo. “Foi muito doloroso e me ensinou a não fazer isso de novo nunca mais: amigos são mais importantes do que ser sincero”.




As costelas quebradas se devem ao fato de Jürgen ter contato à namorada do melhor amigo que ela estava sendo traída – o amigo perdeu a namorada e respondeu com um soco quando soube que foi por causa da sinceridade de Jürgen. No trabalho, muitas pessoas se ofenderam com a experiência do jornalista. “Alguns colegas ainda não falam comigo porque eu disse que eles são maus funcionários e deveriam ser mandados embora”, conta Jürgen.


O banho de honestidade não tem só de maus momentos: numa partida de pôquer com os amigos, ele contou quais cartas estavam na sua mão e ninguém acreditou. “Foi muito divertido – e ganhei um monte de dinheiro. Recomendo ser sincero por uma noite com seus amigos, você vai se divertir muito”. Mas ele confessa que, no geral, se sentiu um idiota quase todos os dias do projeto. “Tive que dizer coisas que normalmente ninguém ousaria dizer. Fiquei constrangido o tempo todo.”


Precisa ser grosso?


Descontados os exageros, ele aprovou a experiência. “Descobri o quanto a mentira realmente magoa as pessoas. Se todos fossem um pouquinho mais sinceros, o mundo seria melhor”, diz Jürgen. “Acredito que podemos parar de mentir pelo menos metade do tempo.”


O experimento passou por várias fases: sinceridade grosseira, sinceridade dita de forma gentil, fria, e até como uma crítica construtiva. Envolveu desde dizer que não gostou da comida num jantar a não omitir nenhum tipo de informação na declaração de imposto de renda, ainda que isso significasse ter uma restituição menor.




Uma das lições aprendidas por Jürgen é que há vários jeitos de ser sincero. “Se um colega não é muito bom no seu trabalho, você não precisa insultá-lo, mas pode dizer a verdade de forma respeitosa.” Para Maria Luiza Bustamante Pereira de Sá, professora da Faculdade de Psicologia da Universidade Estadual do Rio de Janeiro, o problema não está na verdade, mas na maneira como ela é dita. “Verdade é sempre benéfica e faz bem. Mesmo que a pessoa não goste de ouvir, é preciso para que ela tenha um espelho do que faz”, acredita.


Verdade como agressão


Muito do que é chamado de falta de sinceridade são apenas filtros sociais que tornam a convivência possível, para Antonio Carlos Amador Pereira, professor do curso de Psicologia da Pontifícia Universidade Católica. “Somos educados para tê-los, para evitar situações constrangedoras, como não afetar o astral ou autoestima do outro. E quem é extremamente sincero e se gaba disso geralmente não tem essa sensibilidade.”

Em outras palavras, vai além de dizer a verdade: muitas vezes, a informação crua está permeada de impressões pessoais. Um vestido pode ser bonito, mas ficar péssimo no corpo da pessoa que está pedindo opinião. Aí é preciso ter tato; mas mentir ou omitir uma opinião sincera não ajuda em nada. “Sinceridade e verdade são diferentes, mas existem pessoas que usam a verdade como arma para agredir o outro, e não para informá-lo”, diz Maria Liza. “Tanto quem usa a verdade como quem usa a mentira para causar sofrimento é perverso”.

Segundo Jürgen, um dos maiores benefícios da experiência foi ter conquistado a confiança de sua família e amigos. “As pessoas confiam em mim agora porque sabem: se pedirem minha opinião, vão ter uma opinião sincera. Entre meus amigos, eu sou a pessoa em quem eles confiam. E confiarem em você é uma das coisas mais fantásticas da vida”, afirma.

Ele afirma que também ficou mais aberto à sinceridade dos outros. “As pessoas querem ouvir a verdade desde que ela seja positiva. Eu descobri que mentia muito sobre mim, dizendo a mim mesmo que era atraente, bem-sucedido e bacana. Mas percebi que talvez as pessoas não achem”, diz.


Apesar de destacar seus piores momentos no livro – “achei que seriam mais engraçados de ler”, diz Jürgen – ele afirma que a relação com as pessoas ao redor melhorou, principalmente com a esposa. “Não sei se me tornei uma pessoa melhor, mas certamente uma pessoa diferente de quem eu era. Ainda sou um babaca às vezes, e às vezes um cara legal”, diz.

Para Maria Luiza, da UERJ, vale a pena insistir na sinceridade. “A humanidade acaba colocando panos quentes na mentira, por meio do cinismo perverso. Aos poucos, isso mina seus relacionamentos afetivos. As pessoas param de confiar umas nas outras, você não sabe nunca qual a intenção da pessoa, e as relações sociais ficam muito ruins”, afirma.

Ou seja, é um investimento de longo prazo. “Aprendi que, ao ser sincero, num primeiro momento as pessoas ficam loucas, mas acabam gostando, porque passam a confiar em você mais do que antes”, acredita Jürgen.



quarta-feira, 22 de junho de 2011

quarta-feira, 15 de junho de 2011

Convite XXVII CONESP

Links da Semana

Santuários Marianos
http://www.louvoresamaria.com.br/santuar/santuar.htm

Site Santuário de Nossa Senhora D'Abadia do Muquem
http://am15.com.br/index.php

Blog Gritos de Alerta
http://gritosdealerta.blogspot.com/

Blog Críticas & Pensamentos
http://hallisonliberato.blogspot.com/

Site Coopermar - Cooperativa dos Produtores de Peixe de Ariquemes Ltda
http://coopermar.com.br/

15 de Junho - Dia Mundial de Conscientização da Violência contra a Pessoa Idosa



O dia 15 de junho marca o Dia Mundial de Conscientização da Violência contra a Pessoa Idosa, data instituída em 2006, pela ONU e pela Rede Internacional de Prevenção à Violência contra a Pessoa Idosa. Todos os anos a data é marcada por eventos no mundo todo, visando mobilizar e sensibilizar a sociedade.

O objetivo da data é criar uma consciência mundial, social e política da existência da violência contra a pessoa idosa, e, simultaneamente, disseminar a idéia de não aceitá-la como normal.

De acordo com o Estatuto do Idoso, “quem sabe da agressão ao idoso e omite o fato às autoridades competentes também comete um crime”.

A violência se define como qualquer ato, único ou repetitivo, ou omissão, que ocorra em qualquer relação supostamente de confiança, que cause dano ou incômodo à pessoa idosa.

Estima-se que em 2020, 14,2% da população brasileira será idosa. O artigo 46 no Estatuto do Idoso dispõe que “a política de atendimento ao idoso far-se-á por meio do conjunto de ações governamentais e não governamentais da União, Estados e municípios”. Mesmo com a conquista do Estatuto do Idoso, ainda são poucas as instituições que o defendem e o colocam em prática.

Neste Dia Mundial de Conscientização da Violência contra a Pessoa Idosa (15/06) os Correios farão um lançamento nacional de um selo comemorativo para simbolizar a proteção, a solidariedade e o respeito às pessoas idosas. O selo retrata um casal de idosos protegidos por um guarda-chuva estampado com palavras de amor, respeito, dignidade e carinho (imagem abaixo). O selo custa R$ 1,10. Foram impressos 300 mil selos.


terça-feira, 14 de junho de 2011

Homenagem - Sinvaline Pinheiro

A escritora e poeta Sinvaline Pinheiro (Uruaçu) foi homenageada na noite de 13 de junho durante sessão ordinária da Câmara Municipal de Uruaçu, por uma moção de apoio à cultura e de congratulações de propositura do vereador Pr. Noraldino Antônio dos Reis e aprovada por unanimidade pelos demais vereadores.


Uma merecida homenagem para esta mulher de traços simples, mas de uma grandeza cultural invejável!


Sinvaline tem repertório e bagagem cultural que vai de uma criança aos índios, foliões e catireiros, grandes mestres e doutores da educação até a presidência da República.


Apaixonada pelo que faz, está na coordenação do Memorial Serra da Mesa, onde trabalha desde antes de sua fundação. Se me permitem, para mim ‘Sinvaline é a alma do Memorial’...


Parabéns, nobre amiga!

segunda-feira, 13 de junho de 2011

Isto Aqui, o que é ?

Caetano Veloso
Composição : Ary Barroso


Isto aqui, ô ô
É um pouquinho de Brasil iá iá
Deste Brasil que canta e é feliz,
Feliz, feliz,

É também um pouco de uma raça
Que não tem medo de fumaça ai, ai
E não se entrega não

Olha o jeito nas 'cadeira' que ela sabe dar
Olha só o remelexo que ela sabe dar (Repete)

Morena boa, que me faz penar,
Bota a sandália de prata
E vem pro samba sambar


sexta-feira, 10 de junho de 2011

Lions Clube de Uruaçu - Diretoria Eleita AL 2011/2012

Domadora Nerita e Companheiro Leão José Alves, casal presidente do Lions Clube de Uruaçu

O Lions Clube de Uruaçu, filiado ao maior clube de serviços do mundo, Lions Internacional, elegeu por aclamação, na noite de 9 de junho, a nova diretoria da entidade gestão 2011-2012.

Diretoria AL 2011/2012

Presidente:

CL José Alves Ferreira

Presidente imediato:

CªL Alfredina Leonor da Silva

1º Vice-presidente:

CªL Ana Maria Oliveira Araújo

2º Vice-presidente:

CL Firmino Ribeiro dos Santos Neto

Secretário:

CL Carlos de Oliveira

Tesoureiro:

CL Abrão Gundim de Araújo

Diretor Social:

CªL Maura Pereira Lemes

Diretor de Campanha:

CL João Batista de Oliveira

Diretor de Patrimônio:

CL Pedro Gonçalves Moreira

Diretor Animador:

CªL Carmem Almeida de Ávila

Comissão de Sócios:

CL Carlos de Oliveira - Presidente
CL João Batista de Oliveira
CL Pedro Gonçalves Moreira

terça-feira, 7 de junho de 2011

Campanha pela dignidade dos bombeiros

Advinha quem está em primeiro da lista ???? Cambada de fdp... e o Rio é um dos estados, se não for o 1º, que dá mais dinheiro pro país.. foda..

AMIGOS EIS O MOTIVO PELO QUAL DEVEREMOS ESTAR UNIDOS


Tabela Salarial BRUTA dos Soldados dos Bombeiros Militares do Brasil
EM ORDEM DO MAIOR PARA O MENOR SALÁRIO PAGO:
01º - Brasília - R$ 4.129.73
02º - Sergipe – R$ 3.012.00
03º - Goiás – R$ 2.722.00
04º - Mato Grosso do Sul – R$ 2.176.00
05º – São Paulo – R$ 2.170.00
06º – Paraná – R$ 2.128,00 1
07º - Amapá – R$ 2.070.00
08º – Minas Gerais - R$ 2.041.00
09º - Maranhão– R$ 2.037.39
10º – Bahia – inicial - R$ 1.927.00
11º - Alagoas - R$ 1.818.56
12º - Rio Grande do Norte – R$ 1.815.00
13º - Espírito Santo – R$ 1.801.14
14º - Mato Grosso – R$ 1.779.00
15º - Santa Catarina – R$ 1.600.00
16º - Tocantins – R$ 1.572.00
17º - Amazonas – R$ 1.546.00
18º - Ceará – R$ 1.529,00
19º - Roraima – R$ 1.526.91
20º - Piauí – R$ 1.372.00
21º - Pernambuco – R$ 1.331.00
22º - Acre – R$ 1.299.81
23º - Paraíba – R$ 1.297.88
24º - Rondônia – R$ 1.251.00
25º - Pará – R$ 1.215,00
26º - Rio Grande do Sul – R$ 1.172.00
27º - Rio de Janeiro - R$ 1.031,38 (sem vale transporte)

ISSO MESMO SOMOS OS ÚLTIMOS
AGRADEÇO A COLABORAÇÃO AOS AMIGOS QUE DIVULGAREM
ESTAMOS PEDINDO UM DIREITO BASICO ''DIGNIDADE''

Vista a camisa vermelha conosco.


segunda-feira, 6 de junho de 2011

Receita vai parar de emitir cartão CPF em formato plástico

A Receita Federal não vai mais emitir o cartão CPF em formato plástico a partir de 6 de junho.


Agora, o órgão só vai emitir o comprovante de inscrição no CPF, gerado quando o documento é solicitado. Também será possível imprimir o CPF na página da Receita Federal na internet (www.receita.fazenda.gov.br).


"Órgãos públicos e pessoas jurídicas em geral não devem solicitar ao cidadão a apresentação do cartão CPF em formato plástico para efeito de comprovar a sua inscrição no cadastro CPF", informou a Receita.


Essa comprovação poderá ser feita por meio da apresentação de documentos como carteira de identidade, habilitação, carteira de trabalho, carteira de identidade profissional, carteiras funcionais emitidas por órgãos públicos, cartão bancário, talão de cheques e outros documentos que tenham o número de inscrição no CPF.


Também poderão ser aceitos comprovantes de inscrição no CPF. Os cartões que já foram emitidos também poderão ser usados.


De acordo com a Receita, a segunda via do comprovante de inscrição no CPF pode ser impressa quantas vezes forem necessárias, sem custo, no site da Receita. A autenticidade do documento também pode ser checada via internet, por qualquer pessoa.


Fonte: Folha.com



quinta-feira, 2 de junho de 2011

Novas regras para Cartão de Crédito

Como tirar vantagem das mudanças nas regras do cartão de crédito. Está na hora de chamar o seu cartão de crédito para discutir a relação.
Entrou em vigor, dia 1º de julho, diversas mudanças nas normas de uso dessa ferramenta que podem significar mais tranqüilidade e melhores compras se o consumidor souber aproveitá-las.
Os especialistas ensinam como extrair os benefícios de cada regra:


1 – Passam a existir dois tipos de dinheiro de plástico: básico e diferenciado
O mais simples pode ser nacional ou internacional, realiza todas as operações de compras e pagamentos de contas, mas deve ter a menor anuidade entre os cartões emitidos por determinada instituição.
O avançado oferece mimos adicionais, como seguros, prêmios e participação em programas de milhagem.
Deve-se analisar, individualmente, se esses privilégios são de fato úteis ou atrapalham em vez de ajudar. Por exemplo, a proteção para viagens oferecida pelos plásticos nem sempre é ampla o suficiente e adequada a todos os passeios da família. E uma grande parcela dos clientes simplesmente não acompanha e não converte a sua pontuação do plano de fidelidade, porém está pagando por esses penduricalhos.
Nesses casos, o cartão despojado é a opção indicada para o consumidor, que gasta menos para tê-lo, não sente culpa por estar perdendo algum mimo e somente vai contratar os serviços extras necessários a cada momento.
Outra ideia é, para quem tem mais de um cartão, trocar todos menos um pelo básico, fazendo uma pesquisa de atrativos e taxas para selecionar o diferenciado que vai permanecer na carteira.


2 – Apenas cinco tarifas poderão ser cobradas: anuidade; para emissão de segunda via do cartão; para saques em dinheiro; no uso do plástico para o pagamento de contas; quando do pedido de avaliação emergencial do limite de crédito
Essa limitação vale para os cartões emitidos a partir de 1º. de junho de 2011. Os antigos somente serão contemplados a partir de junho de 2012.
Mesmo assim, aí está uma ótima oportunidade para diminuir já as taxas desembolsadas. Como o número de encargos é pequeno, ficou muito fácil levantar, entre as instituições financeiras, a que cobra menos. As informações serão publicadas nas páginas dos emissores na internet e afixadas nas agências de atendimento. Ameaçando trocar o seu cartão atual por outro mais barato, certamente o gerente do seu banco vai lhe oferecer as mesmas condições. Senão, basta cancelar os velhos e mudar.


3 – Devem constar da fatura os seguintes dados: limite de crédito total e limites individuais para cada tipo de operação disponível; gastos realizados com o cartão, por evento, inclusive parcelamentos; identificação das operações de crédito contratadas e respectivos valores; montantes relativos aos encargos cobrados, informados de forma separada de acordo com os tipos de operações realizadas com o cartão; valor dos encargos a serem cobrados no mês seguinte, no caso de o cliente optar pelo pagamento mínimo da fatura; custo efetivo total (CET), para o próximo período, das operações de crédito existentes
Novamente, torna-se mais prática a comparação entre os cartões de diferentes bancos.
“A transparência no relacionamento entre operadoras e clientes é um ganho notável da reforma”, diz Ricardo Pereira, consultor do programa Consumidor Consciente, da MasterCard. “Como estamos em uma época de aprendizado financeiro no país, esta é uma ótima chance de o brasileiro entender melhor as alternativas de crédito para lançar mão das que mais apropriadamente lhe servem. Um chamado à reflexão.”


4 – O montante mínimo exigido para pagamento da fatura, até ontem de 10%, vira 15%. Em 1º. de dezembro de 2011, 20%
O objetivo do Banco Central ao estabelecer essa providência é limitar o superendividamento. No entanto, a elevação é pequena demais para produzir tal efeito.
Como os juros cobrados na rolagem da dívida no cartão de crédito são os mais altos entre todas as modalidades de financiamento, superando 10% ao mês, sempre é mau negócio postergar o pagamento.
“A fim de se organizar, o consumidor precisa estabelecer como seu ‘mínimo’ particular o máximo que consegue quitar por mês, descontando do orçamento as suas despesas rotineiras com moradia, alimentação, transporte etc”, sugere o planejador Bruno Amaral Azevedo, sócio-fundador da consultoria Foco Financeiro. Então, se o limite oficial do plástico é de R$ 3 mil e a família só tem condições de pagar R$ 1 mil, este é o limite a ser considerado para compras, também as parceladas. Quem não se controla pode até solicitar ao banco que diminua as margens definitivamente.
“O ideal, para não extrapolar, é anotar cada passada e conferir, ao menos semanalmente, pela internet ou pelo telefone, os lançamentos”, acrescenta Azevedo.


5 – As instituições estão proibidas de enviar cartões ao cliente sem solicitação
O resultado geral das medidas é mais poder nas mãos do consumidor para escolher efetivamente os plásticos que lhe parecem interessantes – e não ser escolhido.

Fonte: Portal IG


Festas Juninas

13 de Junho - Dia de Santo Antônio


24 de Junho - Dia de São João


29 de Junho - Dia de São Pedro