sexta-feira, 27 de fevereiro de 2009

Piercing na língua

Piercing é uma forma de modificar o corpo humano, normalmente furando-o a fim de introduzir peças de metal esterilizado.

Para os esquimós do Alasca, o piercing do lábio e na língua significavam o momento da transição para o mundo adulto e significava que a criança tinha se tornado caçador.

Na época dos faraós, o piercing no umbigo era exclusivo da família real. Os antigos Maias praticavam a arte da perfuração, furando os lábios, o nariz e as orelhas.

Atualmente a mulher com mais piercings espalhados pelo corpo é a Brasileira Elaine Davidson.

Confira o piercing na boca, mas exatamente piercing na lingua:



PIERCING NA LÍNGUA


O povo da Nova-Guiné centram a sua decoração no nariz, as decorações corporais, servem para conferir ao indivíduo as virtudes do animal de que provém esses adornos. Os Kayapos, perfuram as orelhas dos recém-nascidos e o lábio inferior dos mais pequenos. O chefe Kayapo tem o direito de ostentar um adorno labial de quartzo nas cerimónias particulares, diferenciando-se dos seus congéneres.

Na Índia é muito comum, sobretudo as mulheres, furarem o nariz, o septo nasal e as orelhas.

O piercing da ala do nariz é proveniente da Índia, onde se reservava às castas mais altas, já o septo nasal perfurado é originário da Nova-Guiné.

BODY PIERCING


Cuidados para a cicatrização

Para a cicatrização nunca entrar no mar pois contém inúmeras impurezas. Deve-se evitar também álcool, água oxigenada, mertiolate e mercúrio. O ideal é lavar os piercings durante os primeiros meses com uma solução de água com sal (salmoura), ou sabonete anti-séptico. Pode ocorrer inflamação no local (vermelhidão, secreções e acumulo de pus), além de alergia. Deve-se evitar piscina, mar, sauna e relações sexuais (no caso de piercings genitais) por trinta dias. Não se deve consumir bebidas alcoólicas ou comidas gordurosas durante o período da cicatrização.

Dicas e recomendações aos usuários de piercing:

* Lave as mãos com sabonete anti-séptico antes de tocá-lo.

* Lave a boca com anti-séptico bucal após as refeições. (No caso de piercings bucais)

* Limpe o piercing de duas as três vezes por dia, na fase de cicatrização.

* Não permita que outras pessoas toquem em seu piercing sem lavar as mãos.

* Evite sauna, piscina, banho de mar, lagoa e excesso de sol.

* Atritos causados por roupas apertadas, pesadas ou movimentos excessivos podem causar quelóides, irritação da pele. Isso forma um vermelho escuro ao redor do piercing, podendo levar até à rejeição.

* O piercing só pode ser trocado ou retirado quando o local perfurado já estiver completamente cicatrizado.

* Evite roupas justas e sintéticas que fiquem em contato com o piercing, pois dificultam a respiração da pele.* Não submeta seu piercing a nenhum atrito.

* Stress, má alimentação, uso de drogas e álcool ou doença podem prolongar o período de cicatrização, pois diminuem o sistema imunológico.

* Não tenha contato com fluidos de outras pessoas, como suor, saliva, secreções, sangue, etc.

* Deixe longe de seu piercing, cosméticos, bronzeadores, perfumes, roupas de cama suja, aparelhos de telefone ou qualquer objeto de uso público. As infecções são causadas pelo contato com bactérias e fungos que podem estar em qualquer lugar.

* Para limpar o piercing, utilize um sabonete anti-séptico e a salmoura; e, aplique sobre o local, girando lentamente a jóia. Certifique-se que não ficou nenhum resíduo ou secreção.

* Só toque no piercing quando estiver limpando, e com as mãos previamente higienizadas.

* Para a cicatrização dos piercings bucais, chupe gelo e beba água gelada nos três primeiros dias. Evite beijos, alimentos apimentados, ácidos, ovos, chocolates, bem como carnes tipo suínas.

* Não aplique sobre o piercing álcool, água oxigenada, mertiolate, mercúrio e pomadas que não sejam indicadas por um profissional.

* Para piercings de língua utilize cotonetes para retirar o excesso de pus.


Quase - Fragmento

Pros erros há perdão,
Pros fracassos, chance.
Pros amores impossíveis, tempo.
De nada adianta cercar um coração vazio ou economizar alma.
O romance cujo fim é instantâneo ou indolor não é romance.
Não deixe que a saudade sufoque, que a rotina acomode,
Que o medo impeça de tentar.
Desconfie do destino e acredite em você.
Gaste mais horas realizando que sonhando, fazendo que planejando,
Vivendo que esperando, porque embora quem quase morra esteja vivo,
Quem quase vive já morreu.


Luis Fernando Veríssimo

quarta-feira, 25 de fevereiro de 2009

Por que mentimos?

Mentir é natural e faz bem, diz o filósofo David Livingstone Smith
.
É simples deste jeito: mentir é tão natural quanto respirar, e promove o bem-estar psicológico. Quem só fala a verdade corre o risco de ser doente mental. Essas afirmações – que não são mentira – vêm do doutor David Livingstone Smith, professor de Filosofia, diretor e fundador do Instituto de Ciência do Conhecimento e Psicologia Evolucionária da Universidade da Nova Inglaterra. Ele corre o assunto nas 200 páginas do livro Por que Mentimos – Os Fundamentos Biológicos e Psicológicos da Mentira (Campus), em excelente tradução para o português. O autor é especializado na estranha disciplina Engano e Auto-Engano, que estuda a capacidade de as pessoas iludirem a si próprias de forma inconsciente. Para ele, “as mentiras estão tão entranhadas em nossa existência que não dá sequer para distingui-las das verdades”. E completa: “Fazemos como os sapos e as lagartixas que se mimetizam e, com isso, garantem a sobrevivência da espécie”. Ele dá exemplos de mentiras para todos os gostos, das rotineiras às culturais. Vão desde o mito de Adão e Eva, Papai Noel, canções de ninar com cucas que pegam criancinhas, “cola” em provas, seios siliconados (parte do grupo “ilusionismo visual”) até o cavalo de Tróia e as guerras em geral.
.
A questão não é moral, mas biológica. Há correlação entre a teoria de Darwin e a psicologia evolutiva que Smith representa. Interromper o fluxo de mentira é como nadar na contramão de um tsunami. O engano, providencial eufemismo, é crucial para o relacionamento: pais e filhos, maridos e esposas, empregados e empregadores, profissionais liberais e clientes, governos e cidadãos. Aos publicitários, Smith manda recado direto: “É difícil imaginar a propaganda sem mentira. Quem quer romper a resistência a vendas precisa ser bom manipulador – ou seja, bom mentiroso”. Estudo de outro psicólogo citado no livro, Robert Feldman, mostra em dez minutos de conversa normal surgem três mentiras. No entanto, apenas uma pessoa em cada mil consegue percebê-las. Esse será pra o autor o próximo estágio da evolução humana.
.
Não pense que é um livro de auto-ajuda. Esta mais para o terreno da Ciência. Recebeu boa cobertura nos Estados Unidos, em geral da imprensa especializada ou universitária. É pena. Se Smith tivesse realizado pesquisas de campo no Brasil recente, seria bem mais popular e geraria pelo menos três benefícios. O primeiro, servir à Ciência, ávida por experiências reais atuais que comprovem teses abstratas. O segundo, satisfazer o leitor: em vez de usar exemplos requentados como o do presidente Clinton e a estagiária Mônica Lewinsky, o cientista disporia de um rico leque de fatos, principalmente os provenientes de Brasília. O terceiro: prestaria um serviço valioso aos mentirosos da moda, que contariam com subsídios científicos para justificar suas atitudes.
.

terça-feira, 24 de fevereiro de 2009

Passando a Régua - Ed. n. 776

* Coluna publicada na edição nº 776 do Jornal Diário do Norte


"Noventa por cento dos políticos dão aos dez por cento restantes uma péssima reputação".

Henry Kissinger


Receita
Entre os dias três e 10 de fevereiro o Procon-GO lançou a campanha 'Receita médica legível: dever do médico, direito do consumidor'. A iniciativa tem como objetivo conscientizar o consumidor para que exija de seu médico a emissão de uma receita compreensível por todos, principalmente no que se refere ao nome do medicamento e dosagem. Para que as pessoas não sejam expostas aos riscos de má interpretação de uma receita ininteligível, em sua primeira fase essa campanha já obteve irrestrito apoio dos Conselhos Regionais de Medicina e de Farmácia. (Fonte: www.procon.go.gov.br )
Lucro
A mineradora Vale do Rio Doce anunciou, dia 19 de fevereiro, que obteve lucro líquido de R$ 21,279 bilhões em 2008, com avanço de 6,36% sobre 2007. Trata-se do sexto ano seguido que a empresa consegue elevar seu lucro sobre o ano anterior. (Fonte: Folha On Line)
Lucro II
O lucro do Banco do Brasil em 2008 registrou um crescimento de 74% em relação ao de 2007 e ficou R$ 8,8 bilhões, estabelecendo um novo recorde. O resultado foi divulgado dia 19 de fevereiro. (Fonte: Folha On Line)
Anapool
A Anapool Segurança e Vigilância há tempos vem se destacando e ocupando o seu espaço em Uruaçu e região. Atuando no ramo de segurança armada e desarmada, privada e patrimonial e portaria de eventos e pessoal, com profissionalismo e responsabilidade. Contatos com o César (Cel.: 8137-6130 ou 9927-0672).
Conjecturas
José Gomes da Rocha (PP), prefeito reeleito de Itumbiara, poderá concorrer a vice-governador ou senador nas Eleições de 2010, segundo A Folha de Notícias [de Itumbiara]. "Zé Gomes fez uma gestão excepcional, acima da média estadual e nacional, recuperou Itumbiara e foi eleito com 85% dos votos. Sua trajetória política o credencia para chegar ao cargo máximo do Palácio das Esmeraldas, e este momento está próximo", afirmou o chefe do Executivo de Uruaçu ao informativo.
Parabéns!
Dom José Silva Chaves, bispo emérito de Uruaçu, comemorou o 41º aniversário de ordenação episcopal no dia 11 de fevereiro!
Parabéns! II
Dia 20 de fevereiro foi aniversário do Pe. Luis Carlos Guimarães, da Diocese de Uruaçu!
_______________________________________________


Carlos Henrique Alves do Rêgo – Carzem, é sócio do Lions Clube de Uruaçu; Bel. em Ciências Contábeis pela UEG/Uruaçu; e, funcionário do Banco do Brasil, agência de Uruaçu

terça-feira, 17 de fevereiro de 2009

segunda-feira, 16 de fevereiro de 2009

Passando a Régua - Ed. n. 775

* Coluna publicada na edição nº 775 do Jornal Diário do Norte


"Nada é permanente nesse mundo cruel. Nem mesmo os nossos problemas".

Charles Chaplin

Carnaval 2009
O clima de folia já está no ar: festas, camisetas multicores, carros de som por toda a cidade anunciando blocos carnavalescos, carros plotados... Ninguém duvida que a festa de Momo, versão 2009, em Uruaçu será um sucesso! O sambódromo (Av. Transbrasiliana esquina com Av. Tocantins) da alegria e da folia já está sendo preparado para receber os filhos da terrinha, bem como os turistas - e que sejam bem-vindos! Vamos à programação: dia 20 de fevereiro - Saia Amassada; dia 21 - Tradição; dia 22 - Kotela Bamba; dia 23 - Maristela Muller; e, dia 24 - Banda Ciclone.

Congresso
A comunidade espírita do Estado de Goiás terá o XXV Congresso Espírita de Goiás, a realizar-se entre os dias 21 e 24 de fevereiro, no Centro de Convenções de Goiânia. O tema 'A era do espírito - tempo de fé, razão e auto-conhecimento' selará o evento, que tem a organização da Federação Espírita do Estado de Goiás. Informações e inscrições:
www.feego.org.br.

Projeto O.G.O.
Vem aí a quarta edição do Projeto O.G.O. - Ovelhas Gerando Ovelhas, da Igreja do Evangelho Quadrangular (IEG - Região 365 - Uruaçu e Norte goiano). Será nos dias de carnaval (21 a 24 de fevereiro), na IEG, em Uruaçu, sob a coordenação do Rev. Vilson Quedes.

Cormadengo
Congresso da Mocidade da Assembléia de Deus do Norte Goiano, em sua edição número 35, deverá ser mais um sucesso religioso para os dias de carnaval (21 a 24 de fevereiro), em Uruaçu. Jovens assembleianos de 15 municípios participarão desse evento religioso.

Parabéns
Aniversariou no dia 10 de fevereiro a presidente do Lions Clube de Uruaçu, Cirinéa Tamietti Durães. Nossos parabéns!

Enquete
A Subsecretaria Regional de Educação de Uruaçu e a Prefeitura Municipal de Uruaçu , promovem pesquisa de opinião pública para escolha dos projetos a serem desenvolvidos no Espaço de Convivência - Educação e Arte Coronel Gaspar. Participe escolhendo três das opções elencadas: cursinho pré-vestibular, língua estrangeira - Inglês, língua estrangeira - Espanhol, língua de sinais - Libra, pintura em tela, pintura em tecido, informática, biblioteca cidadã, dança de salão, balé, hip hop, reciclagem de roupas, reciclagem de materiais descartáveis, arte circense, fotografia, teatro, primeiros socorros e salva-vidas, karatê, Capoeira e yoga ou dê outra sugestão.


_______________________________________________


Carlos Henrique Alves do Rêgo – Carzem, é sócio do Lions Clube de Uruaçu; Bel. em Ciências Contábeis pela UEG/Uruaçu; e, funcionário do Banco do Brasil, agência de Uruaçu

domingo, 15 de fevereiro de 2009

Reflexão com Humor

Dia da Imprensa

16 de fevereiro


Masturbação é o melhor remédio para homens acima de 50 anos

Estudo pontou que a “punhetinha", quando realizada por homens mais velhos, elimina resíduos acumulados na próstata.

Sexo e masturbação após os 50 anos eliminam toxinas acumuladas na próstata

O prazer solitário pode fazer bem à saúde dos homens – ou mal, dependendo da idade. Segundo um artigo publicado no British Journal of Urology, jovens de 20 e 30 anos que se masturbam freqüentemente podem ter mais chances de desenvolver câncer de próstata, enquanto homens acima dos 50 diminuem o risco da doença quando fazem da prática uma constante.

De acordo com o estudo, o câncer de próstata é causado pela testosterona, o hormônio sexual masculino. Homens com altos níveis dessa substância tendem a ter mais desejo sexual e mais câncer de próstata, mas após os 50, a masturbação pode proteger a glândula contra doenças por remover toxinas que se acumularam durante a vida.

sábado, 14 de fevereiro de 2009

Ninguém ousa namorar as deusas do sexo

Arnaldo Jabor (O Globo - 21/09/1999)

A política está tão repulsiva que vou falar de sexo.
Outro dia, a Adriane Galisteu deu uma entrevista dizendo que os homens nãoquerem namorar as mulheres que são símbolos sexuais. É isto mesmo. Quemousa namorar a Feiticeira ou a Tiazinha? As mulheres não são mais paraamar; nem para comer. São para "ver".
Que nos prometem elas, com suas formas perfeitas por anabolizantes esilicones? Prometem-nos um prazer impossível, um orgasmo metafísico, parao qual os homens não estão preparados... As mulheres dançam frenéticas naTV, com bundas cada vez mais malhadas, com seios imensos, girando em cimade garrafas, enquanto os pênis-espectadores se sentem apavorados e murchosdiante de tanta gostosura. Os machos estão com medo das "mulheres-liqüidificador".
Essas fêmeas pós-industriais foram fabricadas pelo desejo dos homens ou,melhor, pelo desejo que eles gostariam de ter ou, melhor ainda, pelo poderfálico que as mulheres pensam que os homens possuem.
O modelo da mulher de hoje, que nossas filhas almejam ser, é a prostitutatranscendental, a mulher-robô, a "valentina", a "barbarela", amáquina-de-prazer sem alma, turbinas de amor com um hiperatômico tesão.
Antigamente, a prostituta era dócil e te servia. O homem pagava para ela"não" existir. Hoje, a cortesã moderna "existe" demais. Diante delas,todos se arriscam a brochar, apesar de desejá-las como nunca.
A brochura que advém diante destas deusas não é por moral ou culpa; é porimpossibilidade técnica.
Quem se atreve a cair nas engrenagens destes "liqüidificadores"?
Que parceiros estão sendo criados para estas pós-mulheres? Não os há. Os"malhados", os "turbinados" geralmente são bofes-gay, filhos do mesmonarcisismo de mercado que as criou. Ou, então, reprodutores como o Szafir,para o Robô-Xuxa.
A atual "revolução da vulgaridade", regada a pagode, parece "libertar" asmulheres. Ilusão à toa. A "libertação da mulher" numa sociedade escravistacomo a nossa deu nisso: superobjetos se pensando livres, mas aprisionadasnuma exterioridade corporal que apenas esconde pobres meninas famintas deamor e dinheiro. São escravas aparentemente alforriadas numa grandesenzala sem grades.
Mas, diante delas, o homem normal tem medo. Elas são areia demais paraqualquer caminhão. Por outro lado, o sistema que as criou enfraquece oshomens que trabalham mais e ganham menos, têm medo de perder o emprego,vivem nervosos e fragilizados com seus pintinhos trêmulos, cadentes, ameia-bomba, ejaculando precocemente, puxando sacos, lambendo botas,engolindo sapos, sem o antigo charme jamesbondiano dos anos 60. No sexoneoliberal, o homem brasileiro perdeu o machismo orgulhoso do tempo dasmulheres-objeto artesanais.
A mulher pós-industrial o assusta. Não há maiso grande "conquistador".
Temos apenas alguns "fazendeiros de bundas" como o Huck, enquanto amaioria virou uma multidão de voyeurs, babando por deusas impossíveis. Diz uma amiga:
"Não tem mais homem na praça. Só tem casado, "roubada" e "veado".
O messias-viagra

Esta super-oferta de sexo rápido e maquinal está matando o mercado. Ademanda diminui com o freguês inseguro, incapaz de consumir amercadoria, ele se ventindo devorado pelo sanduíche que comprou.
Vem aí uma recessão de corpos, com os preços caídos. Ninguém confessa noOcidente, mas os homens estão brochando em massa. Pesquisas nos EUA mostram que se transa cada vez menos no "turbo-capitalismo".
Como amar entre celulares e Internets, com mulheres digitalizadas? Diantedesta velocidade, o sexo se esvai. A verdadeira sensualidade é lenta.
Precisa do sossego, da meia-luz, do abandono, do tempo vago. A volúpiaprecisa da calma.
Daí, a chegada do "messias" dos paus: o Viagra. Não é para velhinhostristes. Mentira. O Viagra vem preencher o buraco que a globalização abriu, poluído por Aids e angústias de castração. Mais que um remédio, o Viagra está virando um amuleto; só de carregá-lo no bolso, o macho já sesente mais forte.
O Viagra no Brasil virou o anabolizante dos pênis fracos, a contrapartidapara as "mulheres-tchan". A rapaziada está tomando Viagra para festinhasde embalo, para ser uma superoctanagem, um carburador-extra dos homenstímidos, possibilitando trepadas robóticas, onde os corpos se entrechocamsem ninguém dentro.
Ninguém está ali na cama, a não ser dois competidores aerodinâmicos, duas"coisas" sexuais. Só com ajuda de Ecstasy, Viagra, calmantes e coquetéisde chifre-de-rinoceronteé possível o encontro de corpos separados por "camisas-de-vênus", prótesese inibições.
Os casais, hoje, querem ser "coisas sexuais", eficientes, com umaliberdade física total que possa excluir um inconsciente cheio deproblemas.
Esta é a idéia: "- Sou tão mais livre e feliz quanto mais usável! Uso omeu corpo como se fosse uma prótese, um 'outro' que não sou eu, umaterceira-coisa na prateleira do supermercado".
Nosso ideal é sermos desejados como um bom eletrodoméstico. Ninguém querser livre; queremos ser consumidos. Infelizmente, o mito da liberdadetotal mata o desejo. A fé na carne como "coisa" sem lei acaba em camas semprazer. O mercado está banalizando a perversão, numa espécie de "fetichização" do fetiche.
Me explico. O fetiche depende do segredo, do perigo, da escura experiênciada transgressão à lei. Agora, o fetiche se "fetichizou" como mercadoria.
Assim como a um tempo atrás tudo ganhava o emblema da "revolução", hoje tudo caminha para uma "naturalização" banal.
Tudo pode; nada se consegue. O pecado faz muita falta. As hiper-gostosas não têm namorado. - "Ô, coitadas...!"
Fonte: Ética

sexta-feira, 13 de fevereiro de 2009

quarta-feira, 11 de fevereiro de 2009

Os trapalhões

GOVERNAM PARA A TELEVISÃO. Fazem legislação para as sondagens. Tomam medidas para mostrar trabalho feito. São peritos em encenação. Vivem obcecados com a propaganda. Anunciam a ideia, anunciam o projecto, anunciam a correcção, anunciam a revisão, anunciam o concurso, anunciam a adjudicação, anunciam a decisão prévia, anunciam a nova correcção, anunciam a primeira inauguração, anunciam a segunda inauguração... As suas decisões servem para afirmar autoridade, sem que o seu conteúdo ou a sua bondade tenham qualquer relevo. Fazem obra para criar emprego, satisfazer os amigos, colocar os correligionários e gastar dinheiro. Como disse o bastonário da Ordem dos Engenheiros, Fernando Santo, o governo tem cada vez menos capacidade técnica e científica para preparar e tomar decisões. Os ministros confiam nos amigos, no partido e nas empresas complacentes e desprezam as opiniões técnicas e independentes. Os directores-gerais e os presidentes de institutos têm de ser de confiança política, também eles trabalham para as eleições. E o Parlamento? Poderá perguntar-se. Esse vive em sabática de competência. E em jejum de qualificações. Só nos resta acreditar no aforismo: quem governa pela propaganda, pela propaganda morre.

domingo, 8 de fevereiro de 2009

Passando a Régua - Ed. n. 774

* Coluna publicada na edição nº 774 do Jornal Diário do Norte

"Bom de briga é aquele que cai fora".
Adoniran Barbosa

‘Goianaço’
O senador Marconi Perillo é o primeiro goiano a ter espaço na Mesa Diretora em 16 anos. O tucano conquistou no dia 3 de fevereiro a vice-presidência do Senado Federal. Ele é o terceiro goiano a sentar-se na cadeira de vice-presidente da casa. Iram Saraiva (PMDB) e Pedro Ludovico Teixeira (no antigo MDB) também estiveram lá. Parabéns, senador! Parabéns, Goiás!

Bombeiros
Boas vindas ao 2º Tenente Rhevysson Martins de Oliveira Brito e equipe do 1º Pelotão Bombeiro Militar do Corpo de Bombeiros Militar do Estado de Goiás (CBMGO), inaugurado em Uruaçu no dia 5 de fevereiro. Uma importante conquista para a população local.

Carnaval 2009
O Carnaval de Rua 2009 em Uruaçu promete! Primeiro, continuará sendo carnaval de rua, apesar de muito disse-que-disse que o mesmo seria transferido para o Parque de Exposição Agropecuária de Uruaçu, o carnaval de rua continuará, pelo menos mais este ano, sendo de rua! O sambódromo vai ser no endereço de sempre: Av. Transbrasiliana esquina com Av. Tocantins. Segundo, terá uma programação fora de sério: dia 20 de fevereiro com Saia Amassada; dia 21 com Tradição (do Mato Grosso do Sul); dia 22 com Kotela Bamba; dia 23 com Maristela Müller; e, dia 24 com Banda Ciclone. Dizer mais o quê?

Parabéns!
Simone Portela, aniversariante do dia três de fevereiro; Pe. Antônio Teixeira Sobrinho, dia quatro; José Marcelo Lopes dos Reis - Jota Marcelo, dia cinco; e, Carlos Henrique Leonis - Kadique, dia seis!

Hidrelétricas
Anunciado no O Popular (2/2/09) a construção de 15 novas usinas hidrelétricas em Goiás, entre 2009 e 2017. Sem dúvida nenhuma que, com tal feito, Goiás terá lugar privilegiado no País na geração de energia elétrica. No entanto, uma grande preocupação ronda várias cabeças: o impacto ambiental! Oito rios do nosso Estado estarão se transformando em reservatórios. Como exemplo, a Chapada dos Veadeiros e o Parque Nacional das Emas estarão ameaçados, respectivamente, pelas usinas de Mirador e Salto; e mais de 20 sítios arqueológicos serão inundados na região de Rio Verde, Caçu e Itarumã, no Sudoeste goiano, com a construção das usinas hidrelétricas Salto e Salto do Rio Verdinho. O discurso político de sempre: a necessidade da geração e oferta de energia.

Horário de Verão
E fique ligado: o horário brasileiro de verão terminará neste final de semana: a zero hora (00h00) do dia 15 de fevereiro os relógios deverão ser atrasados em uma hora nas regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste.

_______________________________________________


Carlos Henrique Alves do Rêgo – Carzem, é sócio do Lions Clube de Uruaçu; Bel. em Ciências Contábeis pela UEG/Uruaçu; e, funcionário do Banco do Brasil, agência de Uruaçu

Centenário de nascimento

Cem anos de Dom Hélder,
o Dom da Paz



Por Eduardo Ferraz


Neste sábado (7), toda a mídia lembrou-se de uma pessoa de grande importância na história do Brasil - Dom Helder Câmara. Foi um dos fundadores da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil, grande defensor dos direitos humanos durante o regime militar brasileiro e integralista.

Há cem anos nascia em Fortaleza, no Ceará, Dom Hélder Câmara, o religioso que defendeu os pobres, a justiça e a paz entre os povos. Tornou-se líder contra o autoritarismo e pelos direitos humanos. Pregava no Brasil e no exterior uma fé cristã comprometida com os anseios dos empobrecidos. Foi perseguido pelos militares por sua atuação social e política, sendo acusado de comunismo. Foi-lhe negado o acesso aos meios de comunicação social durante o governo militar. Apesar disto, foi um grande orador, tornando-se conhecido, sobretudo no exterior, onde divulgou amplamente suas idéias.

Em 1932, aderiu ao Integralismo, movimento que viria a abandonar cinco anos depois, quando se instaurou a ditadura Vargas, golpe que pôs na ilegalidade todos os partidos políticos. Ainda vestindo a camisa verde integralista foi trabalhador ativo da Liga Eleitoral Católica do Ceará, foi secretário do Departamento de Educação do Estado, cargo equivalente ao de Secretário Estadual e nomeado pelo governador do Ceará.

Em 1936, padre Hélder vai morar no Rio de Janeiro, onde é nomeado assistente técnico do Secretariado de educação do então Distrito Federal. É nomeado pelo arcebispo do Rio, Dom Sebastião Leme, diretor do Ensino Religioso e da Renovação Catequética do arcebispado e, em seguida, torna-se inspetor de ensino do Ministério da Educação. Posteriormente, torna-se membro do Conselho Superior de Ensino. Enquanto esteve no Ministério da educação, paralelamente é conselheiro da Nunciatura Apostólica.

Com o fechamento da Ação Integralista Brasileira Dom Hélder foi duramente perseguido e teve que ser escondido várias vezes pelos amigos para não sofrer atentados dos seus ex-correligionários, que chegavam a matar os dissidentes. Isso ajudou a formar a sua convicção pacífica e democrática, serena e favorável ao diálogo entre os diferentes que caracterizou a sua trajetória seguinte, marcada também pela defesa do engajamento dos católicos na busca de melhores condições de vida para as classes populares, de justiça e de paz em nosso país.

Sua militância no Integralismo é freqüentemente escondida pelos historiadores e pela imprensa, que vêem o período como uma suposta fase sombria na história de Dom Hélder, mas estes mesmos ao omitir a participação de Dom Hélder no Integralismo não conseguem explicar de onde vieram suas convicções humanistas e pacifistas. Basta ver que o Integralismo, um movimento que já nas primeiras décadas do século XX significava a soma de todas as raças e povos, era pacifista e aceitava em suas fileiras mulheres e judeus, muito além de seu tempo, sintetizava bem o pensamento de Dom Hélder.

Morreu em sua casa, no Recife, às 22h20 de 27 de agosto de 1999, vítima de insuficiência respiratória aguda, decorrente de uma pneumonia, depois de haver passado cinco dias hospitalizado. Uma multidão acompanhou o seu corpo que foi conduzido, em carro do Corpo de Bombeiros, até a Igreja da Sé, em Olinda, onde foi sepultado. Pregava uma igreja simples voltada para os pobres e a não-violência. Por sua atuação, recebeu diversos prêmios nacionais e internacionais. Foi indicado quatro vezes para o Prêmio Nobel da Paz.


sábado, 7 de fevereiro de 2009

Estatuto do Idoso, Estatuto da Criaça e do Adolescente, Lei de Cotas Para Negros, Lei do Desarmamento, etc...

"O que sempre fez do Estado um inferno foram justamente as tentativas de torná-lo um paraíso."
Holderlin

quinta-feira, 5 de fevereiro de 2009

Gafes papais

Arnaldo Jabor


O Papa João Paulo II era para fora. Bento XVI é para dentro.


Joao Paulo levou a Igreja ao mundo. Bento quer que o mundo caiba na Igreja.

O Papa Bento XVI é um “des-reformador” e como todos os conservadores, ele quer que tudo esteja igual, que não haja marolas, nem discordâncias, nem heresias. E aí comete gafes papais.

Este bispo Williamson, excomungado há 20 anos, criava um rasgão, um buraco na totalidade, era melhor integrá-lo… E aí resolveu chamar a ovelhinha negra que dias antes tinha dito que o Holocausto não houve.

Bento é um burocrata dogmático que já falou que o homosexualismo é uma tendência ao mal moral. Depois, em 2006, citou um imperador bizantino que tinha tido que Maomé só trouxe o mal e a violência ao mundo. Lembram do “auê” no islã? Lá foi o papa se retratar: “Não foi bem isso que eu quis dizer…”.

Depois errou de novo ao batizar um ex-islamita que hoje defende Israel. Outro “auê” mesopotâmico…

Agora a reabilitação do Williamson que nega a morte de seis milhões de judeus. “Ah…”, geme o porta voz do Vaticano: “O Papa não sabia que o cara tinha dito isso…”.

Mas, como não? O Papa não é infalível?

Fonte: Coluna Arnaldo Jabor - Jornal da Globo On Line

Marconi Perillo é vice-presidente do Senado

Marconi conquista 1ª vice-presidência

Rodrigo Viana

Marconi Perillo na primeira sessão que presidiu no Senado. Promete “lutar pelas causas justas dos trabalhadores e agir com Justiça”


O senador Marconi Perillo é o primeiro goiano a ter espaço na Mesa Diretora em 16 anos. O tucano conquistou ontem a vice-presidência do Senado Federal. O ex-governador de Goiás foi a indicação do partido para atuar ao lado do novo presidente do Congresso Nacional, José Sarney (PMDB-AP). Mal a escolha foi formalizada, Marconi já colocou as mãos na massa e presidiu a Sessão Ordinária do Senado na ausência do presidente, que cumpria agenda fora do Congresso.

Marconi Perillo agora faz parte de um pequeno grupo de políticos que tiveram cadeira cativa no Senado. Apenas cinco deles conseguiram tal façanha, sendo que somente Iram Saraiva (PMDB) e Pedro Ludovico Teixeira (no antigo MDB) chegaram à vaga de vice. Além deles, Henrique Santillo foi primeiro-secretário em 1983; Benedito Vicente Ferreira foi quarto-secretário, em 1973; e José Feliciano Pereira foi quarto-suplente, em 1970.

O senador já elege as prioridades para a atuação no Senado nos próximos dois anos. “Estou pronto para elevar o Estado de Goiás em termos de importância política.” Ele também ressalta o importante trabalho que terá dentro do Senado. “Vamos comandar discussões em plenário, as reuniões do colegiado de líderes e discutir temas importantes para a sociedade. Assim, iremos representar bem o Senado no Brasil e no exterior.”

A relação do Senado com o Executivo também não será esquecida por Marconi. O parlamentar promete lutar por uma maior autonomia da Casa e quer combater a “enxurrada” de medidas provisórias que trancam a pauta do plenário. “Vamos ainda lutar pelas causas justas dos trabalhadores e agir com Justiça, representando bem o povo.”

Também agradeceu aos números conseguidos na votação de seu nome para o cargo. “Tivemos quase unanimidade dos votos e agradeço aos colegas. Tenho que agradecer também à bancada, que trabalhou unida.”

Logo na primeira sessão que presidiu, Marconi recebeu elogios de 30 senadores que ressaltaram a atuação que teve frente à Comissão de Infraestrutura nos últimos dois anos. “Acredito que foi este trabalho e o fato de já ter sido governador e deputado que me levaram à indicação à vice-presidência”, explicou. O senador ainda destacou que se comoveu com todos os elogios, mas principalmente com aqueles dos colegas de bancada: Demóstenes Torres e Lúcia Vânia. Demóstenes, inclusive, está na briga para ser titular da Comissão de Constituição e Justiça.

A senadora Serys Slhessarenko (PT-MT) foi empossada na 2ª vice-presidência. Heráclito Fortes (DEM-PI) vai ocupar a 1ª Secretaria, enquanto a 2ª Secretaria será ocupada pelo senador João Vicente Claudino (PTB-PI) e a 3ª Secretaria, pelo senador Mão Santa (PMDB-PI).

José Sarney (PMDB-AP) defendeu, após escolha dos membros da mesa, a aplicação da proporcionalidade partidária, prevista no Regimento Interno, para determinar a distribuição, entre os partidos, dos cargos da Mesa. “A conduta da Presidência durante o exercício do mandato será calcada nos termos regimentais. A função do regimento é defender a minoria contra qualquer ato arbitrário da maioria no sentido de usar a votação para esmagar a minoria”, disse o senador durante a sessão preparatória para a indicação dos membros da Mesa.

COMEMORAções
A conquista do senador também é comemorada pelos colegas goianos. O deputado federal Jovair Arantes, hoje líder do PTB na Câmara, afirmou que, com Marconi na Mesa Diretora, a Casa deve dar um salto de qualidade e que isso pode também resultar em benefícios diretos para os goianos.

Novo líder do PR, deputado Sandro Mabel também comemorou a ida de Marconi para a vice-presidência do Senado. “Vai ser muito importante para o Estado a ida do senador para a cadeira. As implicações práticas desta escolha serão muitas”, explicou.


quarta-feira, 4 de fevereiro de 2009

Carnaval de Uruaçu 2009


O Carnaval de Rua 2009 em Uruaçu promete!

Primeiro, continuará sendo carnaval de rua, apesar de muito disse-que-disse que o mesmo seria transferido para o Parque de Exposição Agropecuária de Uruaçu, o carnaval de rua continuará, pelo menos mais este ano, sendo de rua!

O sambódromo vai ser no endereço de sempre:

Av. Transbrasiliana esquina com Av. Tocantins.

Segundo, terá uma programação fora de sério:

dia 20 de fevereiro com Saia Amassada;

dia 21 com Tradição;

dia 22 com Kotela Bamba;

dia 23 com Maristela Muller; e,

dia 24 com Banda Ciclone.

domingo, 1 de fevereiro de 2009

Passando a Régua - Ed. n. 773



* Coluna publicada na edição nº 773 do Jornal Diário do Norte

"Os verdadeiros vencedores na vida são pessoas que olham para cada situação com a esperança de poder resolvê-la ou melhorá-la".

Barbara Pletcher

Diretoria Aciau
Na noite de 21 de janeiro, a nova diretoria da Associação Comercial, Industrial e Agropecuária de Uruaçu (Aciau) Biênio 2009/2010, tomou posse. A solenidade foi no salão de festas 4 de Julho e os novos dirigentes são: presidente: Claudinea Braz Theodoro - empresária da educação; vice-presidente: Wander Gonçalves Silva Santos - Lojas Maranata; 1º secretário: Vânia Almeida - Art's Coração de Maria; 2º secretário: Joveny Magalhães de Sá - Centrius Hotel; 1º tesoureiro: Alécia Nogueira - Casa de Carne Tocantins; 2º tesoureiro: Lucio Baltazar Lopes Junior - Nacional Pneus; diretor para assuntos de comércio: Ronan Carlos da Costa - Pneus Forte; diretor para assuntos de indústria: Luciano Giacomelli - GPI Embalagens; diretor para relações públicas: Rosália José da S. Moreira - Morenta Supermercado; diretor para assuntos fiscais: Laides dos Santos - RB Materiais Para Construção; diretor para assuntos jurídicos: Roberto Rezende Jordão - advogado; e, diretor do SCPC: Ronnie Frank Santos - Motonasa. No Conselho Fiscal: Élio Cunha - Acepeças, Antônio Rubens da Silva - Araguaia Moto Honda, Ozires Ribeiro da Silva - Agrimax Transportes, Ozanan Divino Ferreira- Frigorífico Dom Garrote e Theodoro Genésio Antônio - UVG/EADCON.

Desabafo
Empossado no dia 28 de janeiro o novo reitor do Seminário Maior São José, em Uruaçu, Pe. Marcelo Gualberto Monteiro pelo bispo diocesano Dom Messias dos Reis Silveia. Ao meu ver, uma decisão infeliz. Seu antecessor, Pe. Clécio Nogueira Barros, que assumiu a Paróquia São Luiz Gonzaga, em São Luiz do Norte, foi/é muito querido na cidade e se manteve fortemente contrário às forças políticas que governam a cidade hoje, durante o pleito eleitoral. Seria este o real motivo do seu afastamento? Revolta-me pensar que o mesmo será 'usado', ficando na cidade vizinha para facilitar suas vindas a Uruaçu para lecionar no seminário.

Federação
Tomou posse no último dia quatro a nova diretoria eleita para o biênio 2009/2010 da Federação Espírita do Estado de Goiás, que ficou assim constituída: presidente: Aston Brian Leão; vice-presidente: Cauci de Sá Roriz; vice-presidente para unificação: Luiz Carlos Assis; vice-presidente administrativo e financeiro: Elmo de Lima; diretora de atendimento espiritual: Virgínia Wilson de Sá Roriz; diretor de assistência e promoção social espírita: Gualberto Fleury de Souza; diretora de comunicação social espírita: Ivana Leal S. Raisky; diretora de estudos e cursos: Maria Luiza Pinto Teixeira; diretor de infância e juventude: Eduardo Vieira Mesquita; diretor de mediunidade: Jacobson SantAna Trovão; 1º secretário: Carildo Martins; 2º secretário: Weimar Muniz de Oliveira; 1º tesoureiro: Adolaor; e, 2º tesoureiro: Mário Neves de Souza.


_______________________________________________


Carlos Henrique Alves do Rêgo – Carzem, é sócio do Lions Clube de Uruaçu; Bel. em Ciências Contábeis pela UEG/Uruaçu; e, funcionário do Banco do Brasil, agência de Uruaçu

MEGA SENA - [meus] Números mágicos

Desde que foi criada a Mega Sena, em 1996, sempre que os jogos ficam acumulados acima de R$ 10.000.000,00 (dez milhões de reais), eu faço a minha aposta... E desde então, nunca mudei meu jogo!

Os números que ainda vão me fazer milhonário são:

01 - 07 - 13 - 15 - 35 - 47!

Só espero que não demore...