quarta-feira, 31 de dezembro de 2008

segunda-feira, 29 de dezembro de 2008

Passando a Régua - Ed. n. 768

* Coluna publicada na edição nº 768 do Jornal Diário do Norte

"A hora mais escura da noite é justamente aquela que nos permite ver melhor as estrelas".

Charles A. Beard

2009
Um novo ano vem aí! O que nos espera? Para começar, novos prefeitos, vice-prefeitos e vereadores tomarão posse: mudança político-administrativa! Também teremos mudanças em várias paróquias da Diocese de Uruaçu com padres sendo alternados: mudança religiosa! Início de novos acordos coletivos, novas metas... Neste momento de festas e espera pelo ano novo, devemos refletir sobre o bem que queremos, o bem que fizemos, o bem que omitimos... O novo ano será melhor à medida que eu ou cada um de nós formos melhores. O 2009 que nos espera não será maior ou menor do que aquele que idealizarmos! Pensemos bem! Sejamos bons! Façamos o melhor! Construamos a paz!

Agende
Dia 3 de janeiro de 2009 no Parque de Exposição Agropecuária de Uruaçu o Grupo Teatral Limpando o Olho estará apresentando, a partir das 16 horas, o 'Show da Alegria'!

Agende II
O XXV Congresso Espírita do Estado de Goiás acontecerá no período do Carnaval (21 a 24 de fevereiro de 2009), no Centro de Cultura e Convenções de Goiânia. Tradicional no movimento espírita brasileiro, o congresso espírita de Goiás completará em sua próxima edição 25 anos - Jubileu de Prata! Será uma grande festa. Oportunidade para aprendizado, reencontrar os amigos e confraternizarmos uns com os outros. Como nos anos anteriores, o congresso será transmitido aos internautas de todo o mundo pelo site da TVCEI (
www.tvcei.com). Para este Congresso as inscrições serão feitas pela internet, no site da FEEGO (www.feego.org.br), desde o último dia 15 de dezembro. As Casas Espíritas e Postos poderão fazer as inscrições dos participantes que não tiverem acesso à mídia eletrônica. Quaisquer dúvidas a respeito das inscrições solicitamos entrar em contato com a Federação Espírita do Estado de Goiás pelo telefone 0xx62-3281-0200 ou e-mail congresso@feego.org.br.

Parabéns!
Dom Messias dos Reis Silveira, bispo da Diocese de Uruaçu, aniversariante do dia 25 de dezembro!

Cultive amizade
"Eu poderia suportar, embora não sem dor, que tivessem morrido todos os meus amores, mas enlouqueceria se morressem todos os meus amigos! Alguns deles não procuro, basta-me saber que eles existem. Esta mera condição me encoraja a seguir em frente pela vida... mas é delicioso que eles saibam e sintam que os adoro, embora não declare e não os procure sempre." Vinícius de Morais

_______________________________________________

Carlos Henrique Alves do Rêgo – Carzem, é sócio do Lions Clube de Uruaçu; Bel. em Ciências Contábeis pela UEG/Uruaçu; e, funcionário do Banco do Brasil, agência de Uruaçu

sábado, 27 de dezembro de 2008

O Cérebro

O cérebro humano mede o tempo por meio da observação dos movimentos.


(Artigo do jornal “ O Estado de São Paulo”)


Se alguém colocar você dentro de uma sala branca vazia, sem nenhuma mobília, sem portas ou janelas, sem relógio… você começará a perder a noção do tempo. Por alguns dias, sua mente detectará a passagem do tempo sentindo as reações internas do seu corpo, incluindo os batimentos cardíacos, ciclos de sono, fome, sede e pressão sanguínea.

Isso acontece porque nossa noção de passagem do tempo deriva do movimento dos objetos, pessoas, sinais naturais e da repetição de eventos cíclicos, como o nascer e o pôr do sol. Compreendido este ponto, há outra coisa que você tem que considerar:

Nosso cérebro é extremamente otimizado. Ele evita fazer duas vezes o mesmo trabalho. Um adulto médio tem entre 40 e 60 mil pensamentos por dia. Qualquer um de nós ficaria louco se o cérebro tivesse que processar conscientemente tal quantidade.

Por isso, a maior parte destes pensamentos é automatizada e não aparece no índice de eventos do dia e portanto, quando você vive uma experiência pela primeira vez, ele dedica muitos recursos para compreender o que está acontecendo.

É quando você se sente mais vivo.

Conforme a mesma experiência vai se repetindo, ele vai simplesmente colocando suas reações no modo automático e ‘apagando’ as experiências duplicadas. Se você entendeu estes dois pontos, já vai compreender porque parece que o tempo acelera, quando ficamos mais velhos e porque os Natais chegam cada vez mais rapidamente.

Quando começamos a dirigir automóveis, tudo parece muito complicado, nossa atenção parece ser requisitada ao máximo. Então, um dia dirigimos trocando de marcha, olhando os semáforos, lendo os sinais ou até falando ao celular ao mesmo tempo.

Como acontece? Simples: o cérebro já sabe o que está escrito nas placas (você não lê com os olhos, mas com a imagem anterior, na mente); O cérebro já sabe qual marcha trocar (ele simplesmente pega suas experiências passadas e usa , no lugar de repetir realmente a experiência).

Quando você começa a repetir algo exatamente igual, a mente apaga a experiência repetida.

Conforme envelhecemos, as coisas começam a se repetir -as mesmas ruas, pessoas, problemas, desafios, programas de televisão, reclamações… enfim… as experiências novas (aquelas que fazem a mente parar e pensar de verdade, fazendo com que seu dia pareça ter sido longo e cheio de novidades), vão diminuindo. Até que tanta coisa se repete que fica difícil dizer o que tivemos de novidade na semana, no ano ou, para algumas pessoas, na década.

Em outras palavras, o que faz o tempo parecer que acelera é a… R O T I N A

A rotina é essencial para a vida e otimiza muita coisa, mas a maioria das pessoas ama tanto a rotina que, ao longo da vida, seu diário acaba sendo um livro de um só capítulo, repetido todos os anos.

Felizmente há um antídoto para a aceleração do tempo: M & M (Mude e Marque).

Mude, fazendo algo diferente e marque, fazendo um ritual, uma festa ou registros com fotos. Mude de paisagem, tire férias com a família (sugiro que você tire férias sempre e, preferencialmente, para um lugarquente, um ano, e frio no seguinte) e marque com fotos, cartões postais e cartas.

Tenha filhos (eles destroem a rotina) e sempre faça festas de aniversário para eles

e para você (marcando o evento e diferenciando o dia). Use e abuse dos RITUAIS para tornar momentos especiais diferentes dos usuais.

Faça festas de noivado, casamento, 15 anos, bodas disso ou daquilo, bota-foras, participe do aniversário de formatura de sua turma, visite parentes distantes, entre na universidade com 60 anos, troque a cor do cabelo, deixe a barba, tire a barba, compre enfeites diferentes no Natal, vá a shows, cozinhe uma receita nova, tirada de um livro novo.

Escolha roupas diferentes, não pinte a casa da mesma cor, faça diferente.

Beije diferente a sua paixão e viva com ela momentos diferentes.

Vá a mercados diferentes, leia livros diferentes, busque experiências diferentes.

Seja diferente.

Se você tiver dinheiro, especialmente se já estiver aposentado, vá com seu marido, esposa ou amigos para outras cidades ou países, veja outras culturas, visite museus estranhos, deguste pratos esquisitos….. em outras palavras…… V-I-V-A. !!!

Porque se você viver intensamente as diferenças, o tempo vai parecer mais longo.

E se tiver a sorte de estar casado(a) com alguém disposto(a) a viver e buscar coisas diferentes, seu livro será muito mais longo, muito mais interessante e muito mais v-i-v-o… do que a maioria dos livros da vida que existem por aí.

Cerque-se de amigos.

Amigos com gostos diferentes, vindos de lugares diferentes, com religiões diferentes e que gostam de comidas diferentes.

Enfim, acho que você já entendeu o recado, não é?

Boa sorte em suas experiências para expandir seu tempo, com qualidade, emoção, rituais e vida.

E S CR E VA em
tAmaNhos diFeRenTes e em Cor ES di f E rEn tEs !
CRIE, RECORTE, PINTE, RASGUE, MOLHE, DOBRE, PICOTE, INVENTE, REINVENTE…..

Por Airton Luiz Mendonça


Por quê 25 de dezembro?

Por: Guilherme Lieven
Jesus nasceu no ano 6 ou 7 antes da era cristã.
A comemoração do Natal de Jesus surgiu de um decreto.
Natal é a celebração do grande amor de Deus, o dia em que Deus nasceu no mundo, trazendo paz, luz, amor, esperança, uma nova aliança, uma nova vida. O Filho de Deus, Jesus de Nazaré, nasceu em Belém, como uma criança humilde e marginalizada e encontrou todos e todas neste mundo, oferecendo-lhes a presença e a reconciliação de Deus. Em torno deste acontecimento há muitas decisões e tradições herdadas do passado.
Nos relatos bíblicos não encontramos nenhuma referência sobre a data do nascimento de Jesus. Naquela época os calendários eram muito confusos. Os antigos calendários romanos tinham, às vezes, semanas de quinze dias e meses de dez dias, de acordo com a vontade do Imperador reinante. O povo em geral não conhecia as datas de nascimento, casamento ou falecimento. Não existem registros históricos a respeito de "Festas de Aniversário" na Antigüidade.
Sobre o nascimento de Jesus sabemos muito pouco. Ele nasceu antes da morte de Herodes Magno (Mt 2.1; Lc 1.5), que faleceu na primavera de 750 da era romana, quer dizer: no ano 4 antes de Cristo. Conforme estudos o ano mais provável do nascimento de Jesus é 7 ou 6 antes da era cristã.
As primeiras comunidades cristãs não comemoravam o nascimento de Jesus. Somente a partir do ano 350 o Natal começou a ser comemorado no dia 25 de dezembro. Em torno da escolha desta data há uma longa história.
Os Celtas, por exemplo, tratavam o Solstício do Inverno, em 25 de dezembro, como um momento extremamente importante em suas vidas. O inverno ia chegar, longas noites de frio, por vezes com poucos gêneros alimentícios e rações para si e para os animais, e não sabiam se ficariam vivos até a próxima estação. Faziam, então, um grande banquete de despedida no dia 25 de dezembro. Seguiam-se 12 dias de festas, terminando no dia 6 de Janeiro.
Em Roma, o Solstício do Inverno também era celebrado muitos séculos antes do nascimento de Jesus. Os Romanos o chamavam de Saturnálias (Férias de Inverno), em homenagem a Saturno, o Deus da Agricultura, que permitia o descanso da terra durante o inverno.
Em 274 o Imperador Aureliano proclamou o dia 25 de dezembro, como "Dies Natalis Invicti Solis" (O Dia do Nascimento do Sol Inconquistável). O Sol passou a ser venerado. Buscava-se o seu calor que ficava no espaço muito acima do frio do inverno na Terra. O início do inverno passou a ser festejado como o dia do Deus Sol.
A comemoração do Natal de Jesus surgiu de um decreto. O Papa Júlio I decretou em 350 que o nascimento de Cristo deveria ser comemorado no dia 25 de Dezembro, substituindo a veneração ao Deus Sol pela adoração ao Salvador Jesus Cristo. O nascimento de Cristo passou a ser comemorado no Solstício do Inverno em substituição às festividades do Dia do Nascimento do Sol Inconquistável.
Outras curiosidades estão relacionadas com este dia 25 de dezembro. O calendário que adotamos hoje é uma forma recente de contar o tempo. Foi o Papa Gregório XIII que decretou o seu uso através da Bula Papal "Inter Gravissimus" assinada em 24 de fevereiro de 1582. A proposta foi formulada por Aloysius Lilius, um físico napolitano, e aprovada no Concílio de Trento (1545/1563). Nesta ocasião foi corrigido um erro na contagem do tempo, desaparecendo 11 dias do calendário. A decisão fez com que ao dia 4 de outubro de 1582 sucedesse imediatamente o dia 15 de outubro do mesmo ano. Os últimos a adotarem este calendário que usamos foram os russos em 1918.
O fato interessante desta correção é que o Solstício do Inverno foi deslocado para outra data. Dependendo do ano o início do inverno se dá entre o dia 21 e o dia 23 de dezembro.
A razão fundamental para a comemoração do Nascimento de Jesus no dia 25 de Dezembro se perdeu com essa mudança no calendário. Mesmo assim o Natal continuou a ser comemorado no dia 25 de dezembro.
Para nós, habitantes do Hemisfério Sul, há menos razões ainda para se comemorar o Natal no dia 25 de dezembro. Nesta data vivemos os primeiros dias do verão e não do inverno. Porém, herdamos as tradições cristãs que vieram do Hemisfério Norte.
Mesmo assim vale celebrar este ato de amor maravilhoso de Deus: Deus veio ao mundo e inaugurou uma nova vida entre nós. Este é o motivo da nossa festa. Vamos juntos, povos do norte e do sul, celebrar e festajar o Natal de Cristo, a chegada do amor de Deus ao mundo.

sexta-feira, 26 de dezembro de 2008

Várias mensagens de Natal

Suprema Contabilidade / Jair TV
Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Uruaçu

Sindicato dos Trabadores em Educação de Goiás
Diocese de Uruaçu
Subsecretaria Regional da Educação de Uruaçu
*** ***** ******* ***** ***
Feliz Natal em mais de 30 idiomas

Alemanha: Fröhliche Weihnachten
Bélgica: Zalige Kertfeest
Brasil: Feliz Natal
Bulgária: Tchestito Rojdestvo Hristovo, Tchestita Koleda
Catalão: Bon Nadal
China: Sheng Tan Kuai Loh (mandarín) Gun Tso Sun Tan'Gung Haw Sun
(cantonés)
Coréia: Sung Tan Chuk Ha
Croácia: Sretan Bozic
Dinamarca: Glaedelig Jul
Eslovênia: Srecen Bozic
Hispanoamérica: Felices Pascuas, Feliz Navidad
Estados Unidos da América: Merry Christmas
Hebraico: Mo'adim Lesimkha
Inglaterra: Happy Christmas
Finlândia: Hauskaa Joulua
França: Joyeux Noel
País de Gales: Nadolig Llawen
Galego (na Galicia): Bo Nada
Grécia: Eftihismena Christougenna
Irlanda: Nodlig mhaith chugnat
Itália: Buon Natale
Nova Zelândia em Maorí: Meri Kirihimete
México: Feliz Navidad
Holanda: Hartelijke Kerstroeten
Noruega: Gledelig Jul
Polônia: Boze Narodzenie
Portugal: Boas Festas
Romênia: Sarbatori vesele
Rússia: Hristos Razdajetsja
Sérvia: Hristos se rodi
Suécia: God Jul
Tailândia: Sawadee Pee mai
Turquia: Noeliniz Ve Yeni Yiliniz Kutlu Olsun
Ucrânia: Srozhdestvom Kristovym
Vietnã: Chung Mung Giang Sinh

quinta-feira, 25 de dezembro de 2008

Viciado em Internet I

Descubra se você é um viciado em internet e como curar-se dessa dependência

1. Você passa mais tempo com o computador do que com as pessoas
Não interessa se eles são sua família, amigos ou pessoas que conheceu aleatoriamente - o primeiro sintoma do problema é quando você gasta mais tempo com um pedaço de metal em sua mesa do que com as pessoas.

Se chegar ao ponto de não mais existirem pessoas na sua vida, é sinal que você gastou tempo demais on line. É hora de fechar o browser e reservar uma consulta com um profissional. Um bom começo seria iniciar a busca usando a versão em papel da lista telefônica.

2. Você não respeita seus próprios limites
Uma parte do desenvolvimento pessoal é saber estabelecer metas e respeitar os limites, o que acontece quando a maior parte das pessoas não sabe quando se trata de dependência. Se você acha que consegue ficar on line por apenas uma hora, e antes que perceba, já está indo para a cama com o computador, sem um motivo realmente forte, você está em apuros. Este engano é um claro sinal de dependência.

3. Você mente sobre seus hábitos cibernéticos
Este é um dos principais sintomas do vício em computadores. O viciado começa a sentir vergonha de contar aos outros sobre seus hábitos e habitua-se a mentir, especialmente para os membros de sua família. Mentir sobre o uso excessivo do computador é uma maneira de negar que precisa dosar sua vida e um grande sinal de alerta.

4. Sensação de incapacidade sem o computador / internet
Se você acha que não pode ir a lugar algum sem ter a internet por perto, está seriamente viciado. Um bom medidor é perguntar a si próprio se poderia fazer off-line tudo o que deveria fazer no computador e, depois, dar a alguém para executá-lo on line. Outra pergunta crítica é: "você consegue suportar o pensamento de passar uma semana sem internet?"

Qualquer que seja a resposta, a ansiedade quando você está separado de computadores é o principal sinal de que algo está fora do controle.

5. Gastos com o computador tornam-se mais importante do que outros
Se sua placa-mãe ou HD pifar e, apesar de estar com a prestação do carro, da faculdade e do cartão de crédito por vencer, você joga tudo para cima e compra as peças do computador, isso é preocupante. Quando a ansiedade de ter o computador sempre funcional exige dinheiro necessário para outras despesas, chegou a hora de pisar no freio.


5 dicas para acabar com o vício


1. Defina limites para o uso do computador
Não vale tentar mudar seus hábitos, se você realmente não tiver decidido a encarar novos limites. Quanto tempo você levará no computador? Para que fins? Responda a essas perguntas sempre que for usar o computador e só decida agir depois de avaliá-las.

2. Retome seus relacionamentos sociais
Limite a quantidade de tempo que você vai passar on line. Deixe claro que não haverá desculpas para a validade de uso; defina um limite de horas e minutos (assim como numa lan house) e, não importa o quê, quando seu tempo se esgotar, saia da frente do computador imediatamente.

3. Modifique sua rotina
Se você habituou-se a verificar seu e-mail antes mesmo de escovar os dentes ou assim que chega em casa, após um dia de trabalho (na frente do computador), mude sua rotina. Espere até que você tenha feito todas as suas tarefas domésticas, conversado com os filhos, brincado com o cachorro e só então, de forma racional e respeitando os limites, sente na frente do computador. E lembre-se: nada de interromper o sono na madrugada para concluir algum trabalho pendente ou dar uma passadinha para ver se chegou algum "scrap" novo no Orkut.

4. Não use o computador para fins recreativos
Este é sem dúvida um dos pontos mais difíceis. Pense: quantas pessoas com laptops no aeroporto você vê acessando o Orkut? Desnecessário? Talvez. Procure usar o computador para trabalho e e-mail. Retire todos os jogos, afaste-se das redes sociais e permaneça mais tempo com o Messenger fechado.

Encontre atividades recreativas na vida real e substitua completamente o seu entretenimento.

5. Acompanhe o seu progresso
Lembre-se dos progressos que você está obtendo ao monitorar a quantidade de tempo que gasta na frente do computador. Se você passou 8 horas on line durante uma semana, grande trabalho, tente na próxima semana reduzir ainda mais esse tempo. Certamente você terá uma vida mais saudável eequilibrada.

Viciado em Internet II

Confira os sintomas apresentados por viciados em internet
SÉRGIO VINÍCIUS
da Folha de S.Paulo
[12/07/2006 - 10h24]
O vício em internet, assim como muitos outros vícios chamados dedependências comportamentais, podem causar danos físicos e emocionais ao portador do problema.
Entre os sintomas físicos, estão incluídos a taquicardia, a sudorese, a secura da boca e as tremedeiras. A longo prazo, a longevidade diante do computador ainda resulta em problemas como comprometimento da postura, lesões por esforço repetitivo, como tendinite, obesidade ou subnutrição, devido a má alimentação, e deformidade na visão, atacada pela luminosidade do monitor.
Do lado psíquico, a incapacidade de concentração, a angústia por estar longe de um computador e o sentimento de impotência estão entre os problemas apresentados. Todas estas características comprometem oindivíduo de diversas formas, como baixo rendimento escolar eprofissional, e o sono, por passar madrugadas diante do computador.

"Há casos de dependentes que renegaram a segundo plano a higiene somente para ficar mais tempo na frente de um computador", conta Rosa. 'Mas isso não é comum em casos de viciados em internet', completa a psicóloga.
A tendência é que o vício em internet seja apenas uma ponta do iceberg. E, com o tempo, mais problemas gerados pela tecnologia comecem a aparecer. "Quanto mais presente a tecnologia em nossa vida, mais problemas haverá na relação entre homem e máquina. O vício em internet é só uma das vertentes. O tempo trará mais", diz Erick Itakura, psicólogo da clínica da PUC.
O Núcleo de Pesquisas em Psicologia e Informática da PUC preparou um relatório com alguns procedimentos comuns a pessoas viciadas em internet. Tomando por base os casos atendidos desde 1995, alguns adictos apresentam como principais características:
Preocupação
O viciado fica constantemente preocupado com a internet quando está off-line e mal consegue pensar em outra coisa.
Necessidade
O indivíduo tem a necessidade contínua e crescente de utilizar a internet como forma de obter a excitação desejada.
Irritabilidade
Quando tentam reduzir seu tempo na internet, o adicto apresenta reação irritada e grande dificuldade de aceitação.
Fuga
Utilização da internet como forma de fugir de problemas, ou de aliviar sentimentos de impotência, culpa, ansiedade ou depressão é o modo como o viciado se relaciona com ela.
Mentira
O viciado tem o hábito de mentir para familiares e pessoas próximas com o intuito de encobrir a extensão do seu envolvimento com as atividades on-line.
Prejuízos
Com o excesso de tempo na internet, o adicto compromete sua vida social e profissional, evitando compromissos off-line.
Lesões
O uso prolongado do computador causa problemas nas articulações motoras utilizadas na digitação, o que causa lesões por esforços repetitivos (LER).
Apatia
O viciado em internet tem falta de interesse em atividades que sejam realizadas fora da rede ou longe do mundo digital.
Sonho
Sensação de estar vivendo um sonho, durante um período prolongado na internet, é comum no dia-a-dia da pessoa com compulsão ao acesso.
Tempo
Tempo exagerado de conexão, aliado à má qualidade do uso da internet, é uma constante na vida do viciado. A forma da utilização da internet é o elemento determinante para definir se o indivíduo é viciado ou não.
Temas
Os temas abordados normalmente pelo indivíduo são relacionados, de forma direta ou indireta, com a própria internet.

De que precisa o espiritismo


Nos centros doutrinários: de amigos do bem e da verdade, que saibam exemplificar a compreensão e a boa vontade para o soerguimento de todos, através da elevação de si próprios.

Na ciência: de investigadores e estudiosos, que unam o raciocínio e o sentimento, elevando o coração ao nível da inteligência.
Na política: de legisladores e administradores dignos, que não menosprezem o sacrifício pessoal, habilitados a criar mais altos padrões de caráter para a mente do povo.
Na imprensa: de jornalistas humanos, construtores do bem e adversários do escândalo, livres da influência financeira, a serviço do bem geral.
No magistério: de professores devotados, que possam plasmar a alma da infância e da juventude nas linhas eternas do ideal superior.
Nos lares: de pais e mães consagrados à missão que esposaram, de filhos e irmãos que se auxiliem, reciprocamente, no testemunho leal da comunhão fraterna.
Nas organizações de trabalho: de cooperadores que se honrem no cumprimento do dever, dedicados ao progresso e ao aperfeiçoamento, para a justa exaltação da dignidade do serviço.
No campo: de colaboradores da Natureza, de amigos sinceros do solo, das plantas e dos animais, que, semeando e ajudando alegremente, se façam intérpretes dos propósitos divinos.
Na arte: de tradutores fiéis da bondade e da beleza, que auxiliem o pensamento a escalar os mais altos cimos da vida.
Na mediunidade: na pregação, na propaganda, de corações corajosos e confiantes, conscientes de suas responsabilidades e fiéis aos seus compromissos com o Infinito Bem, que se expressem com os atos, acima das palavras, plenamente integrados na execução das boas obras, a fim de que o Reino do Senhor se estabeleça, em definitivo, na Terra, assegurando a felicidade dos homens para sempre.

André Luiz
Do livro "Mandato de Amor"
Psicografia de Francisco Cândido Xavier

NAS ORAÇÕES DE NATAL


Rememorando o Natal,
lembramo-nos de que Jesus
é o Suprimento Divino à Necessidade Humana.
Para o Sofrimento, é o Consolo;
Para a Aflição, é a Esperança;
Para a Tristeza, é o Bom Ânimo;
Para o Desespero, é a Fé Viva;
Para o Desequilíbrio, é o Reajuste;
Para o Orgulho, é a Humildade;
Para a Violência, é a Tolerância;
Para a Vaidade, é a Singeleza;
Para a Ofensa, é a Compreensão;
Para a discórdia, é a Paz;
Para o egoísmo, é a Renúncia;
Para a ambição, é o Sacrifício;
Para a Ignorância, é o Esclarecimento;
Para a Inconformação, é a Serenidade;
Para a Dor, é a Paciência;
Para a Angústia, é o Bálsamo;
Para a Ilusão, é a Verdade;
Para a Morte, é a Ressurreição.

Se nos propomos, assim, aceitar o Cristo por Mestre e Senhor de nossos caminhos, é imprescindível recordar que o seu Apostolado não veio para os sãos e, sim, para os antigos doentes da Terra, entre os quais nosalistamos...

Buscando, pois, acompanhá-lo e servi-lo, façamos de nosso coração uma luz que possa inflamar-se ao toque de seu infinito amor, cada dia, a fim de que nossa tarefa ilumine com Ele a milenária estrada de nossasexperiências, expulsando as sombras de nossos velhos enganos edespertando-nos o espírito para a glória imperecível da Vida Eterna.


Livro "Os Dois Maiores Amores" - Francisco Cândido Xavier/Autores diversos

terça-feira, 23 de dezembro de 2008

4 segredos sobre gestão do tempo

Muita gente fica se martirizando por não ter tempo para fazer o que realmente importa ou gosta. Tudo isso em função das muitas coisas que não podem ser deixadas para trás. Mas será que tudo o que está na sua agenda é realmente necessário? Às vezes precisamos confiar em outras pessoas para a conclusão de projetos. Mas cuidado, você pode descobrir que não é necessário carregar todo o peso do mundo nas costas.

Desmarque - Se existe alguma coisa em sua programação que não seja necessária, desmarque e dê espaço para coisas importantes. Desmarque compromissos desnecessários como almoços sem propósito ou algo que não faça o menor sentido para você. Ninguém vai ficar magoado.

Adie - Existe uma diferença entre procrastinar e Adiar. Procrastinar é apenas evitar alguma coisa por ter medo de fazer, adiar é atrasar alguma coisa que está programada para um momento mais adequado.

Simplifique - Se você tem grandes planos como implantar um novo projeto, organizar fotos ou arquivos ou fazer um grande declutter na sua casa, mas não têm o tempo. Faça o básico que é cumprir seus deveres diários no trabalho ou no universo do lar que é manter a casa limpa, louça lavada e roupa em ordem. Você simplesmente vai encontrar um atalho para que essas tarefas sejam realizadas.

Delegue - Pode ser difícil de delegar tarefas ao redor da casa ou no ambiente de trabalho, mas se dizer exatamente o que precisa os resultados serão alcançados.

domingo, 21 de dezembro de 2008

XXV Congresso Espírita do Estado de Goiás

O XXV Congresso Espírita do Estado de Goiás acontecerá no período do carnaval (21 a 24 de fevereiro de 2009), no Centro de Cultura e Convenções de Goiânia.

Tradicional no movimento espírita brasileiro, o congresso espírita de Goiás completará em sua próxima edição 25 anos - Jubileu de Prata! Será uma grande festa. Oportunidade para aprendizado, reencontrar os amigos e confraternizarmos uns com os outros.

Como nos anos anteriores, o congresso será transmitido aos internautas de todo o mundo pelo site da TVCEI.

Para este Congresso as inscrições serão feitas pela internet, no site da FEEGO, a partir do dia 15 de dezembro. As Casas Espíritas e Postos poderão fazer as inscrições dos participantes que não tiverem acesso à mídia eletrônica.

Quaisquer dúvidas a respeito das inscrições solicitamos entrar em contato com a Federação Espírita do Estado de Goiás pelo telefone 0xx62-3281-0200 ou e-mail congresso@feego.org.br.

Inscrição Adulta - RS 35,00 (dias 21 a 24 de fevereiro)

Inscrição Mocidade* - R$ 20,00 (dias 21 a 23 de fevereiro)

Inscrição Infantil – R$ 10,00 (dias 22 a 24 de fevereiro)


* Os jovens que quiserem assistir o seminário da terça-feira, com Divaldo Franco, deverá fazer inscrição como adulto e preencher no site da Mocizade (http://www.mocizade.com/) suas oficinas e cursos.

Chaves que libertam


DESGOSTO - Qualquer contratempo aborrece. No entanto, sem desgosto, a conquista de experiência é impraticável.

OBSTÁCULO - Todo empeço atrapalha. Sem obstáculo, porém, nenhum de nós consegue efetuar a superação das próprias deficiências.

DECEPÇÃO - Qualquer desilusão incomoda. Todavia, sem decepção, não chegamos a discernir o certo do errado.

ENFERMIDADE - Toda doença embaraça. Sem a enfermidade, entretanto, é muito difícil consolidar a preservação consciente da própria saúde.

TENTAÇÃO - Qualquer desafio conturba. Mas, sem tentação, nunca se mede a própria resistência.

PREJUÍZO - Todo o golpe fere. Sem prejuízo, porém, é quase impossível construir segurança nas relações uns com os outros.

INGRATIDÃO - Qualquer insulto à confiança estraga a vida espiritual. No entanto, sem o concurso da ingratidão que nos visite, não saberemos formular equações verdadeiras nas contas de nosso tesouro afetivo.

DESENCARNAÇÃO - Toda morte traz dor. Sem a desencarnação, porém, não atingiríamos a renovação precisa, largando processos menos felizes de vivência ou livrando-nos da caducidade no terreno das formas.

Compreendamos, à face disso, que não podemos louvar as dificuldades que nos rodeiam, mas é imperioso reconhecer que, sem elas, eternizaríamos paixões, enganos, desequilíbrios e desacertos, motivo pelo qual será justo interpretá-las por chaves libertadoras, que funcionam em nosso espírito, a fim de que nosso espírito se mude para o que deve ser, mudando em si e fora de si tudo aquilo que lhe compete mudar.

André Luiz - Do livro “Paz e Renovação”- Francisco Cândido Xavier

Crônica de Maitê Proença

Adoro Gay




- Eu adoro gay!

- Como assim, minha filha, quem você conhece que seja gay?

- Todos os seus amigos, e os meus que ainda não têm idade, mas que serão.

- Como todos os meus amigos?

- Mamãe, acorda, você está lentinha, um gay já teria entendido. Tô falando dos seus amigos que são gays, e dos meus, que serão porque tá na cara. Eles gostam de conversar com as meninas, são engraçados, rápidos, vão às compras com a gente, dão palpite na roupa, reparam em detalhes fundamentais e só recomendam filmes que prestam. Os outros meninos gostam de futebol.

Essa é a opinião de minha filha de 13 anos. E juro que não é influência minha, apesar de concordar com quase tudo. Aliás, parece que o mundo concorda. Nunca se viu tanto gay assumido e com fé, e nunca se viu tanta tolerância com isso. Estive em Buenos Aires recentemente e fiquei choquita com a quantidade de bicha chique circulando por las calles. Existe um turismo gay correndo em paralelo, cheio de redutos gay-friendly (o termo não é meu e é sinal dos tempos) para apoiá-lo. São bares, restaurantes, lojas, boates, até casa de tango, aquela dança maravilhosamente chauvinista em que o homem subjuga a mulher, aquela coisa de macho, sabe? Pois é, agora existe, só pra rapazes. O mercado descobriu os gays! E os gays, encantados, responderam com um furor consumista muito acima do esperado. Eles têm dinheiro pra gastar - não têm filhos, e, em geral, num casal ambos trabalham. Gostam da rua, da balada e têm tempo e espírito pra isso. Gay não é quietinho, difícil encontrar um, parece que uma vez saídos do armário querem se exibir pro mundo com orgulho e alegria. Com o senso estético apurado, o apreço por boas roupas, o amor aos acessórios, a cremes, perfumes, loções, vinhos de qualidade, ambientes bem decorados e cidades sofisticadas, esses meninos, agora mais soltos, fazem a festa por onde passam.

Mulher gay já é outra conversa. São corporativistas, vivem em guetos e gostam de outras gays. Não gostam de homens e gostam de mulheres, mas com restrições - se forem peruas, por exemplo, já não gostam. Bebem muito, tem seus bares, suas músicas (Bethânia, Cássia, Ana, Simone, Zélia...), vestem-se com o que lhes esconda as formas e andam de perna aberta. Até de bicicleta, pode reparar, mulher hétero pedala de perna junta, enquanto elas, vão felizes de coxão aberto pelas ciclovias. Vou levar puxão de orelha, já tô vendo, tenho uma penca de amigas simpatizantes que adoram uma discussão, e tem coisa aqui, perna aberta e o escambau, que vai render no meu ouvido. Briguem comigo não, vocês sabem que, quando a coisa aperta no amor com os moços, só vocês me entendem, e um dia ainda mudo de lado. E, pra levantar, não há como negar-lhes o talento administrativo. Coloque num cargo de chefia e observe. São incansáveis, concentradas, organizadas, responsáveis, detalhistas, perfeccionistas e têm espírito de liderança. Estão cada vez mais na cabeça de grandes empresas e mandam como ninguém. Dizem os astrólogos, arrastando a sardinha, que essas características de ambos os lados se devem aos céus. Mulher gay geralmente (aqui é tudo geralmente, não se generaliza nesse assunto) tem Marte forte com Vênus fraca, e homem gay, o contrário - Marte representando o comando e objetividade, e Vênus a estética e curiosidade por outras culturas. Aquela bichinha comissária presente em todos os vôos está portanto explicada, o maquiador, o cabeleireiro, os decoradores, designers, figurinistas, camareiros, atores, também. É gay pra todo lado e já virou até refrão: tá faltando homem! A debandada é voraz e, na ala de cá, os machos que restam estão cada dia mais acuados, sem graça, e com o entusiasmo na sola do pé. Sinto dizer, meninas, mas boa parte disso se deve a nós mesmas - estamos masculinizadas! Pois se agora andam abolindo até a menstruação... Coloca-se uma plaquinha aderente no corpo e simplesmente a moça pára de sangrar. Não tem mais TPM, cólicas, inchaço, e até a celulite diminui. É perfeito, mas o romantismo, a possibilidade de procriar, o instinto maternal, as oscilações de humor, ou seja, tudo o que a faz mulher, ela também não tem. Então sai por aí no troca-troca desvairado, caçando feito homem, em nome de uma liberdade besta que está longe de satisfazer quem quer que seja. Ora, meninas, nós já ganhamos tanto espaço, será que não está na hora de aprender a lidar com isso? Esse 'faço, quero, aconteço e não dependo de ninguém' tá chato pra caramba. Sei não, mas sinto que um pouco de elegância, graça e doçura, a volta dessas delicadezas que a gente sempre teve sobrando, cairia feito uma bênção nesse momento de aperto.







Passando a Régua* Ed. nº 767

* Coluna publicada na edição nº 767 do Jornal Diário do Norte



"Se você não perguntar o por que das coisas, logo estarão perguntando o por que de você ".

Autor desconhecido



Troca-troca
Levando em consideração as necessidades da Diocese de Uruaçu e o bem pastoral da mesma, Dom Messias dos Reis Silveira, bispo da Diocese de Uruaçu, fez as seguintes nomeações e transferências: Pe. Marcelo Gualberto Monteiro foi nomeado Reitor do Seminário Maior São José, em Uruaçu, sendo transferido da função de Vigário Paroquial da Paróquia Nossa Senhora da Abadia, em Barro Alto; Pe. Clécio Nogueira Barros foi nomeado Administrador Paroquial da Paróquia São Luiz Gonzaga, em São Luiz do Norte, sendo transferido da função de Reitor do Seminário Maior São José, em Uruaçu; Pe. Wemerson de Araújo Fonseca foi nomeado Vigário Paroquial da Paróquia Nossa Senhora da Abadia, em Niquelândia, sendo transferido da função de Administrador Paroquial da Paróquia São Sebastião, em Alto Horizonte; Pe. Rodrigo Garcia Carrijo foi nomeado Administrador Paroquial da Paróquia São Sebastião, em Uruaçu, sendo transferido da função de Vigário Paroquial da Paróquia Santo Antônio, em Mara Rosa; Pe. Wolney Oliveira foi nomeado Administrador Paroquial da Paróquia Nossa Senhora Aparecida, em Montividiu do Norte, sendo transferido da função de Vigário Paroquial da Paróquia Santana (Catedral), em Uruaçu; Pe. Inocêncio Xavier (Campinorte) foi liberado para o Ano Sabático; Pe. Crésio Rodrigues da Silva (Uruaçu) foi liberado para cursar Direito Canônico; e o acólito Edvaldo Celestino de Melo, que foi ordenado diácono no dia 12 de dezembro, em Rialma, trabalhará na Paróquia Santana, em Uruaçu.

Nota 10
Muito antes do que até ela própria prometera, no dia 19 de dezembro, a prefeita Marisa dos Santos Pereira Araújo (Uruaçu) quitou a folha de pagamento do funcionalismo público municipal, referente a dezembro de 2008, o último de sua administração. Os funcionários que estão na ativa a mais de oito anos devem se lembrar de quando a prefeita assumiu o cargo e encontrou, como herança, seis meses de folha de pagamento atrasada, dentre outras coisas. Os 'críticos de plantão'/céticos/'doentes da cabeça' dirão que a gestora não fez mais que sua obrigação. Eu... digo: nota 10, prefeita! Sua missão foi cumprida! Foi sua obrigação, sim, e foi cumprida! Parabéns!

A Favorita
Novela ou filme de terror? A cena da morte de Gonçalo Fontini (Mauro Mendonça), que foi ao ar no dia 12 de dezembro, mostrou o quanto o autor não se importa em agradar ao público. Mais... Digna de um filme de terror! Foi uma cena violentíssima! Como a Globo pode transmitir cenas desse tipo para a família brasileira? Uma emissora que tenta pregar a paz, principalmente em seus comercias de fim de ano, mas que exibe em suas novelas de maior audiência cenas de violência! Enquanto a humanidade clama pela paz, a TV propaga a violência.
_______________________________________________

Carlos Henrique Alves do Rêgo – Carzem, é sócio do Lions Clube de Uruaçu; Bel. em Ciências Contábeis pela UEG/Uruaçu; e, funcionário do Banco do Brasil, agência de Uruaçu

sábado, 20 de dezembro de 2008

Reflexão

.
Nós temos os líderes políticos que escolhemos...
.

sexta-feira, 19 de dezembro de 2008

Brasil: um país de 220 mil milionários

Um relatório divulgado pelo Boston Consulting Group (BCG) mostrou que 220 mil brasileiros detêm, juntos, US$ 1,2 trilhão aplicado no mercado financeiro. Para pertencer a esse grupo, é preciso ter investido no mínimo US$ 1 milhão. Há dois anos, os brasileiros formavam grupo de 130 mil integrantes com US$ 1,1 trilhão. Apesar da crise financeira global, a riqueza pessoal acumulada no mundo cresceu 5% em 2007 e atingiu US$ 109,5 trilhões, segundo um relatório divulgado na quinta-feira pelo BCG. A concentração de riquezas, segundo esse estudo, é cada vez maior. Isso é bom?

terça-feira, 16 de dezembro de 2008

15 de Dezembro - Dia do Esperanto

Ludwig Lejzer Zamenhof (1859-1917), "La Majstro"
.
A vida admirável do Dr. Lázaro Luiz Zamenhof, cujo nome se tornou conhecido em todo o mundo pela Língua Internacional que criou, teve início na pequena Byalistok, na Polônia então dominada pelo Império Russo, em 15 de dezembro de 1859. De origem israelita e educação cosmopolita, o “médico esperançoso”, cujo cognome se vincularia de forma definitiva à sua genial criação, desde cedo foi educado para ver todos os seres humanos como compatriotas e colegas na grande obra de edificação da civilização mundial.
.
Em Zamenhof, mais que em qualquer vulto histórico, confirma-se o conceito de que a obra que imortaliza o grande homem é muitas vezes um sonho de criança, realizado na maturidade. Colocado numa encruzilhada social de preconceitos étnicos exacerbados por línguas diversas, que apartavam os seres humanos uns dos outros, Zamenhof tomou para si, desde a infância, a idéia de que um idioma comum que moderaria as dissensões oriundas da incompreensão. Esta origem altruísta do Esperanto explica, em grande parte, o seu êxito na concorrência com muitas outras línguas projetadas, que permaneceram inertes e sem vida, tanto é certo que não só o cérebro rege e domina os fatos do mundo. A “idéia interna” do movimento esperantista é, nesse sentido, a concretização da terceira parte do lema da Revolução Francesa de 1798: “Liberdade, Igualdade e Fraternidade”.
.
Por outro lado, Zamenhof, homem prático, não se deteve em vãs elocubrações, mas pôs em funcionamento o idioma que iniciara. Entabulou copiosa correspondência interncaional e escreveu excelentes obras, sobretudo traduções de várias línguas, as quais deram ao Esperanto singular flexibilidade. Sua versão da Bíblia, traduzida diretamente do original hebraico para o Esperanto, é um monumento que bastaria para assegurar a vitalidade da Língua Internacional. Mais: Zamenhof, que era inspirado poeta, preocupou-se igualmente com o aspecto estético da sua criação, convencido de que a beleza é essencial em qualquer língua. A pátria de Zamenhof, situada entre o Oriente e o Ocidente, foi o lugar de nascimento propício para o homem que construiu uma ponte entre esses dois hemisférios.
.
Dando prova da sua entranhada generosidade, Zamenhof não só renunciou qualquer direito sobre a sua criação, mas consentiu mesmo em dissociar o Esperanto de sua própria pessoa e de suas próprias idéias filosóficas, entregando-o aos cuidados da crescente comunidade de esperantistas de todo o mundo. O Mestre morreu em Varsóvia, em 1917, em pleno período da Primeira Guerra, não podendo resistir - e nisto se assemelha a outro imortal inventor, Santos Dummont - à dor que lhe causava o eclipse, embora momentâneo, do seu magnânimo ideal,em meio à matança generalizada. Vale a pena rememorar a vida desse genial benfeitor da Humanidade, cuja obra a UNESCO reconheceu em duas Conferências Gerais, recomendando o Esperanto à adoção pelos Estados membros.
.
Mundialmente reconhecido como Dia do Esperanto, 15 de dezembro é, portanto, de uma enorme simbologia para os esperantistas, que aproveitam a ocasião organizando atividades diversas, entre as quais pronunciamentos, entrevistas, eventos festivos, etc, em homenagem a Zamenhof e sua iniciativa rumo à democracia lingüística, potencializando a idéia da adoção de uma língua internacional neutra.
.
.
Esperanto
.
“O Esperanto é uma língua viva, usada por uma coletividade disseminada pelo mundo inteiro, com uma cultura própria, impregnada dos ideais que oferecem consistência ao espírito do idioma e se manifesta nas atividades do Movimento Esperantista sempre voltada para a paz, a justiça, a fraternidade nas relações entre os povos, sendo a Internet um campo por excelência para que essa coletividade prove e afirme o seu legitimo caráter internacional. Desde o dia cinco de novembro do ano passado, está em funcionamento o primeiro canal de televisão a usar exclusivamente a Língua Internacional Neutra – Internacia Televito (Televisão Inrternacional) –, e a que se pode assistir em todo o mundo através da rede de computadores acesso em http://internacia.tv/.
.
.
Fonte: Revista Reformador, ano 124, nº 2122, de janeiro de 2006
.
.
.
.

domingo, 14 de dezembro de 2008

Passando a Régua* - Ed. nº 766


* Coluna publicada na edição nº 766 do Jornal Diário do Norte

"Muita luz é como muita sombra, não nos deixa ver".

Carlos Castanheda

Parabéns, Dom José!
Dom José Silva Chaves, homem que se faz pobre com os pobres, simples, dócil à vontade de Deus e determinado, firme na defesa do evangelho de Jesus Cristo. Desejamos que seu episcopado continue dando muitos frutos para nossa mãe Igreja. Em comemoração as 52 anos de vida sacerdotal de Dom José o portal da Diocese de Uruaçu lançou uma página exclusiva do bispo emérito da Diocese de Uruaçu. Esse espaço será reservado para escritos, áudios e vídeos com catequese e depoimentos do bispo. Parabéns, bom pastor!(Fonte: www.diocesedeuruacu.com.br)

Ensinando patriotismo
Foi aprovado, em 21 de novembro, em caráter conclusivo, pela Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania da Câmara dos Deputados, o Projeto de Lei 2301/00, que torna obrigatória a execução do Hino Nacional, no primeiro ou no último dia da semana, nas escolas de ensino fundamental e médio. A proposta será analisada agora pelo Senado Federal. Atualmente, a Lei 5.700/71 já prevê a obrigatoriedade de aulas de interpretação e canto do Hino Nacional em todas as escolas desses dois níveis de ensino. (Fonte: www.goiaseducacao.com)

Curiosidade
O Lions Clube é a maior organização de clubes de serviços do mundo: está presente em 205 países do Planeta Terra.

Fechamento...
... Com chave de ouro! A prefeita (de Uruaçu) Marisa dos Santos Pereira Araújo publicou uma revista: 'Nossa Uruaçu', com prestação de contas dos oito anos do seu mandato. Um excelente trabalho em conteúdo, design e material. Um resumo dos principais atos do Executivo que, além da revista, deixará a folha de pagamento e fornecedores quitados, segundo a própria prefeita. É bom observar que há oito anos atrás, quando pegou a administração do município, a situação não era essa. Marisa se orgulha, na revista, por ter cumprido 100% de seu plano de governo.

Relatório diocesano
Em setembro passado, a Diocese de Uruaçu elaborou um "relatório diocesano em vista da XVII Assembléia RCO", sendo o mesmo o "resultado de uma pesquisa encomendada pelo Regional Centro-Oeste - CNBB-GO. Não é documento da Igreja e não se refere especificamente à cidade de Uruaçu, mas à Diocese de Uruaçu, que abrange 27 municípios", segundo o bispo Dom Messias dos Reis Silveira, à prefeita Marisa. Assim sendo, qualquer outro uso desse relatório para outras finalidades não passa de leviandade ou má intenção.

_______________________________________________

Carlos Henrique Alves do Rêgo – Carzem, é sócio do Lions Clube de Uruaçu; Bel. em Ciências Contábeis pela UEG/Uruaçu; e, funcionário do Banco do Brasil, agência de Uruaçu

terça-feira, 9 de dezembro de 2008

domingo, 7 de dezembro de 2008

Passando a Régua * - Ed. nº 765




* Coluna publicada na edição nº 765 do Jornal Diário do Norte



"Quatro coisas são difíceis de esconder por muito tempo:

a ciência, a estupidez, a riqueza e a pobreza".


Averróis


Espionagem
"O jornalista canadense Jean Guy Allard calcula que os Estados Unidos contam com 16 agências estatais de espionagem, 300 mil agentes secretos e gastam 30 bilhões de dólares anuais em todo o mundo para coletar informações, de acordo com entrevista divulgada pela Agência Bolivariana de Notícias. Ele afirmou que a DEA, a agência encarregada de combater o tráfico de drogas, na verdade age como aparato de coleta de informações, com 3 bilhões de dólares de orçamento, 86 escritórios em 62 países e a colaboração de 5 mil agentes. "A DEA, um organismo que supostamente nos defende e combate o tráfico de narcóticos, faz isso a partir do maior consumidor de drogas do mundo, onde mais dinheiro das drogas se lava secretamente e onde se dá preferência a prender os traficantes da esquina, especialmente os negros e latinos, em vez dos chefões", afirmou o jornalista. Allard destacou que o quartel-general da DEA fica em Arlington, na Virgínia, junto ao da Central de Inteligência Americana (CIA) e que a academia de treinamento de agentes fica numa base dos fuzileiros navais, também na Virgínia, vizinha à do FBI. Allard apóia a decisão dos governos da Venezuela e da Bolívia, que romperam os acordos de cooperação com a DEA." (Fonte: www.viomundo.com.br)

Matrícula on line
As solicitações de vaga para matrícula serão realizadas no período de 19 de dezembro de 2008 a 7 de janeiro de 2009. Antes de fazer sua solicitação, verifique se as escolas de sua preferência possuem curso, série e turno desejados através do site www.matricula.go.gov.br/matricula. O aluno ou o responsável deve ter em mãos o nome completo do aluno; nome completo da mãe; nome completo do responsável; data de nascimento; curso, série e turno; três opções de escolas; e, telefone para contato.

Aprender poesia
A professora Silvone Rocha, do 5º ano matutino da Escola Estadual Filomeno Luiz de França (Uruaçu) desenvolve trabalho a partir da leitura em prosa. Com isso, os alunos ampliaram o vocabulário, diferenciam gêneros textuais e avançaram no processo da produção escrita.

Natal Aciau 2008
Ao efetuar uma compra (valor mínimo de R$ 30,00), você tem direito a raspar uma cartelinha da promoção 'Natal Aciau Comprou - Raspou'. Encontrando o nome do prêmio, você será contemplado na hora. Um compromisso da Associação Comercial, Industrial e Agropecuária de Uruaçu (Aciau), que trás 153 prêmios: 5 DVDs Player, 3 rádios gravador c CD, 3 televisores 29", 1 moto Biz, 1 moto Yamaha 125K, 10 cafeteiras 14 xícaras, 20 ferros seco, 10 liquidificadores., 10 sanduicheiras, 10 ventiladores, 20 faqueiros, 20 garrafas térmicas, 10 conj. de panelas, 20 panelas de pressão e 10 batedeiras. É só comprar, raspar e torcer.


_______________________________________________


Carlos Henrique Alves do Rêgo – Carzem, é sócio do Lions Clube de Uruaçu; Bel. em Ciências Contábeis pela UEG/Uruaçu; e, funcionário do Banco do Brasil, agência de Uruaçu

quinta-feira, 4 de dezembro de 2008

O sucesso consiste em não fazer inimigos

Por Max Geringer*
Nas relações humanas no trabalho, existem apenas 3 regras.

Regra número 1: colegas passam, mas inimigos são para sempre. A chance de uma pessoa se lembrar de um favor que você fez a ela vai diminuindo à taxa de 20% ao ano. Cinco anos depois, o favor será esquecido. Não adianta mais cobrar. Mas a chance de alguém se lembrar de uma desfeita se mantém estável, não importa quanto tempo passe. Exemplo: se você estendeu a mão para cumprimentar alguém em 1997 e a pessoa ignorou sua mão estendida, você ainda se lembra disso em 2007.

Regra número 2: A importância de um favor diminui com o tempo, enquanto a importância de uma desfeita aumenta. Favor é como um investimento de curto prazo. Desfeita é como um empréstimo de longo prazo.Um dia, ele será cobrado, e com juros.

Regra número 3: Um colega não é um amigo. Colega é aquela pessoa que, durante algum tempo, parece um amigo. Muitas vezes, até parece o melhor amigo. mas isso só dura até um dos dois mudar de emprego. Amigo é aquela pessoa que liga para perguntar se você está precisando de alguma coisa. Ex-colega que parecia amigo é aquela pessoa que você liga para pedir alguma coisa, e ela manda dizer que no momento não pode atender.

Durante sua carreira, uma pessoa normal terá a impressão de que fez um milhão de amigos e apenas meia dúzia de inimigos. Estatisticamente, isso parece ótimo. mas não é. A “Lei da Perversidade Profissional” diz que, no futuro, quando você precisar de ajuda, é provável que quem mais poderá ajudá-lo é exatamente um daqueles poucos inimigos.

Portanto, profissionalmente falando, e pensando a longo prazo, o sucesso consiste, principalmente, em evitar fazer inimigos. Porque, por uma infeliz coincidência biológica, os poucos inimigos são exatamente aqueles que tem boa memória.
.
* Max Gehringer, é administrador de empresas e escritor, autor de diversos livros sobre carreiras e gestão empresarial, tornou-se conhecido por suas colunas em várias revistas (Você S/A, Exame, Época)
.
Fonte: Blog diHITT

quarta-feira, 3 de dezembro de 2008

Os 12 sintomas do veado!

Recebi por e-mail
.
01. Chegar aos 40 anos de idade sem barriga.
Aos 40 anos se você se preocupa com o físico, você é veado! Como diz o ditado "Quem gosta de homem bonito é veado. Mulher gosta de dinheiro". Você tem mais é que parar de se preocupar com a barriga e tratar do seu bolso porque aquela menina gostosona de 19 anos dá mais importância ao carro importado e ao cartão de crédito que você tem, do que aos seus músculos do abdômen.

02. Pedir caipirinha com adoçante.
Você pede caipirinha com adoçante?....Fala sério???!!! Tá de regime? Ou você bebe ou não bebe! Caipirinha é o seguinte: Limão, AÇÚCAR, gelo, pinga ou vodka. Se é pra pedir diferente, não chame de caipirinha, diga pro garçom o seguinte: Hoje vou pedir uma bebida de veado, dá pra mim um copo com limão, vodka (ou pinga), gelo e adoçante.

03. Chupar um sorvete.
Verbo "chupar" não deve fazer parte do vocabulário de um homem, um verdadeiro homem quando COME sorvete e o faz com dentadas, não com chupadas. As duas únicas coisas que um homem tem permissão de chupar são peitos e afins. O resto... é viadagem!

04. Ter como bicho de estimação um gato.
Gato por si só não passa de um cão veado; aquele lance de ficar se lambendo o dia todo e de não tomar banho é nojento. Fora o fato de o gato ter aquelas frescuras: gato faz pipi e popô, depois esconde embaixo da terrinha (entenda isso como se você sempre se metesse a abaixar a tampa a privada depois de usar o vaso). Bicho de homem é o cachorro: cachorro tá pouco se fudendo pra tudo, mija e caga em qualquer lugar, bebe água da privada e até coça o saco. Ter gato em casa é coisa de boiola!

05. Saber o nome de mais de 4 coisas na padaria.
Homem entra na padaria e fala logo o que quer, no máximo quatro itens: normalmente são o pão, o café, o leite e a manteiga. Chegar na padaria pedindo um pote de queijo Philadelfia, 250 gramas de lombo canadense "bem fininho, viu?!", ou então um salame (!!!), é sintoma grave de veadagem.

06. Sair pra dançar.
Que porra é essa? Homem sai pra beber, pra zoar, pra pegar mulher. Homem que sai pra dançar não é homem! No máximo, você pode dar uns passos na pista de dança, com a intenção, é claro, de se aproximar da mulher que te chamou a atenção. Homem que sai pra dançar é veado enrustido.

07. Bebidas com nomes exóticos.
Sex on the beach, Dry Martini, Bloody Mary....tudo coisa de veado! Homem não tem frescura, bebe aquilo que todo mundo conhece: Vodka, Pinga, Whisky, Conhaque. Cerveja muita cerveja! Detalhes em copo de homem são: limão, gelo ou palito, dependendo da bebida. Canudinho e guarda-chuvinha nem pensar. Coisa de veado!

08. Reparar como os outros estão vestidos.
Você é daqueles que repara que seu amigo está vestindo a mesma camisa de ontem? Você é veado! Qual a diferença entre seu amigo sair para tomar uma cerveja com uma camisa dessas que não sai por menos de 100 pratas (coisa de veado) e sair com uma camiseta que ele ganhou de brinde do cartão de crédito? Nenhuma! Se o cara tá ridículo, o problema é dele, ou melhor, sobra mais mulher pra você! Se você dá uma de Clodovil e repara se a roupa de seus amigos combinam, você é veado!

09. Comer bolo em festa de aniversário.
Só veado faz isso. Homem que é homem enche o prato de salgadinhos, bebe pra caralho, vomita. Quem come bolo é mulher, criança e VEADO.

10. Pedir meias porções ou meias doses.
O nome é porção ou dose porque já é calculado, ou seja, um homem come uma porção de gororoba, ou uma dose de birita. Então, quem come meia porção é meio-homem. Pior ainda são aqueles que pedem pratos terminados com "inho", por exemplo: - Garçom, traz um arrozinho por favor? Isso é muito veado.

11. Consolar ex-namoradas de amigos.
A única maneira do verdadeiro homem fazer isso, é pensando em como levar ela pra cama ou então fazendo com que ela fale algo que possa ser usado pra zoar o seu amigo em questão. Do contrário, vá chorar no ombro da mamãe... VEADÃO!

12. E tem mais uma coisa...
Se não retransmitir este e-mail... Também é veado. Só veado pega uma mensagem igual a esta e apaga sem repassar aos amigos. [repassando... kkkkkk!]

terça-feira, 2 de dezembro de 2008

O lápis


Cinco Coisas Que Aprendi Com o Lápis





1° Qualidade: você pode fazer grandes coisas, mas não deve esquecer nunca que existe uma Mão que guia seus passos. Esta mão nós chamamos de Deus, e Ele deve sempre conduzi-lo em direção à Sua vontade.



2° Qualidade: de vez em quando eu preciso parar o que estou escrevendo, e usar o apontador. Isso faz com que o lápis sofra um pouco, masno final, ele está mais afiado. Portanto, saiba suportar algumas dores, porque elas o farão ser uma pessoa melhor.



3° Qualidade: o lápis sempre permite que usemos uma borracha paraapagar aquilo que estava errado. Entenda que corrigir uma coisa que fizemos não é necessariamente algo mau, mas algo importante para nos manter nocaminho da justiça.



4° Qualidade: o que realmente importa no lápis não é a madeira ou suaforma exterior, mas o grafite que está dentro. Portanto, sempre cuide daquilo que acontece dentro de você.



E, Finalmente a 5° Qualidade: o Lápis sempre deixa uma marca. Da mesma maneira, saiba que tudo que vc fizer na vida, irá deixar traços...


Paulo Coelho

Fonte: Blog Maçã Envenenada

domingo, 30 de novembro de 2008

Passando a Régua* - Ed. 764

* Coluna publicada na edição nº 764 do Jornal Diário do Norte

"O que mexe com a libido das mulheres não é a beleza física é a inteligência. Tanto que revista de homem nu só vende para gays".

Pedro Bial

Parabéns!
Há 40 anos atrás, precisamente no dia 22 de novembro de 1968, era fundada em Uruaçu uma extensão de Lions Clube Internacional, o maior clube de serviços do mundo. O presidente fundador do Lions Clube de Uruaçu foi também o primeiro gerente do Banco do Brasil - Agência de Uruaçu e o fundador do Clube Recreativo Uruaçuense, o visionário Walter Vitório Costa. Hoje, o Lions Clube de Uruaçu está sob a presidência da Drª Cirinéa Tamietti Durães, o clube conta com 18 "leões" (sendo 14 homens - um deles este escriba - e quatro mulheres) e dez "domadoras" (denominação usada às esposas dos "leões"). Parabéns ao Lions Clube de Uruaçu, pelos 40 anos de relevantes serviços prestados à comunidade uruaçuense.

Cotas
A Câmara dos Deputados aprovou projeto de lei que reserva 50% das vagas nas universidades e escolas técnicas federais para alunos egressos de escolas públicas e para negros. O presidente da Comissão de Educação do Senado, Cristovam Buarque, criticou o projeto que tem como artigo mais polêmico o fim do vestibular para alunos que se candidatarem às vagas para cotistas. A seleção seria feita pelas universidades, com base na média das notas dos estudantes no Ensino Médio em escolas públicas.

Sou contra
Sempre fui... A idéia inicial pode até ter sido boa, mas na prática ela é preconceituosa: ora, se eu preciso reservar uma cota para alunos de escolas públicas, subentende que esses alunos não têm condições de competir de igual para igual com os de escolas particulares, ou ainda, que as escolas públicas não têm o mesmo nível das escolas particulares. Se é preciso reservar uma cota para negros, subentende-se da mesma forma, que estes não têm a competência que os de outras etnias para pleitear às vagas almejadas. Para mim, toda vez que se privilegia uma classe em detrimento de outra está se criando um grave problema social: a desigualdade. O que o Governo precisa é passar a tratar a educação com a seriedade que a mesma exige, remunerar melhor os docentes, equipar as escolas, dar a infra-estrutura mínima necessária para que todos tenham condições de, na escola, aprender e se preparar para a vida universitária de igual para igual.

Ordenações
A Diocese de Uruaçu e os seminaristas: Antonio Gilson, Cornélio José, Edvaldo Celestino, Marcelo Francisco, Valdeci José e Valdevi Augusto, juntamente com seus familiares, têm a grata satisfação em convidar-vos para a solene celebração eucarística onde, por imposição das mãos e oração consacratória de sua Excelência Reverendíssima Dom Messias dos Reis Silveira, bispo de da Diocese de Uruaçu, receberão o sacramento da Ordem no grau do Diaconato. A celebração se realizará no dia 12 de dezembro, em Rialma, 19h.


_______________________________________________


Carlos Henrique Alves do Rêgo – Carzem, é sócio do Lions Clube de Uruaçu; Bel. em Ciências Contábeis pela UEG/Uruaçu; e, funcionário do Banco do Brasil, agência de Uruaçu