quinta-feira, 31 de dezembro de 2009

quarta-feira, 30 de dezembro de 2009

Globo arma programação de seriados para este ano

Por: Flávio Ricco

O diretor de Entretenimento da Globo, Manoel Martins, só deverá anunciar no início de abril a grade de seriados da emissora para este ano. Evidente que ninguém está livre de alguma surpresa, mas a aposta geral é a seguinte:

“Vida Alheia”, de Miguel Falabella, às terças; “A Grande Família” e “Força Tarefa”, às quintas; e “Emergência”, com texto de Marcius Melhem e Daniel Adjafre, ou sexta - depois do “Globo Repórter, ou domingo – logo após o “Fantástico”.

“Emergência”, comédia ambientada em um hospital, deverá reunir Marisa Orth e Maria Clara Gueiros no elenco, e direção de Mauro Mendonça Filho.

Já para apresentação no segundo semestre, estão cotados:

“Separação”, trabalho do casal Fernanda Young e Alexandre Machado; “Batendo o Ponto”, de Paulo Cursino, com Ingrid Guimarães; “Programa Piloto”, de Cláudio Paiva, com Andréa Beltrão e Fernanda Torres; “Aline”, com Maria Flor; e ainda um trabalho de Bruno Mazzeo, entre outros.

Como a coluna já adiantou, o gênero seriados é uma aposta do diretor Manoel Martins. Ele acredita muito no formato - a exemplo das TVs americanas e europeias - e com isso tem mobilizado bom número dos autores da casa.

Pode até não acertar um ou outro, mas as perspectivas são as mais interessantes.

E ninguém pode negar os seus esforços.

segunda-feira, 28 de dezembro de 2009

Frases de Caminhoneiro - 05/10

A vida é um barato, o povo é que acha caro!

Não vou bem como quero nem mal como pensam.

Bebo para esquecer, só não lembro do que!

Nasci careca, pelado e sem dente. O que vier é lucro!

Na subida, paciência; na descida, dá licença.

Beijo é igual cigarro: vicia, mas não sustenta.

Não sou Silvio Santos, mas vivo do Baú!

Não sou detetive mas só ando na pista.

Buraco e pedágio só dão prejuízo.

Não sou notícia ruim mas ando muito e depressa.


Passando a Régua - Ed. n. 819

Coluna publicada na edição nº 819 do Jornal Diário do Norte

"Por maior que seja o buraco em que você se encontra, pense que, por enquanto, ainda não há terra em cima".

Dercy Gonçalves

Corrupção
A Revista Veja (edição 2.142, ano 42) ouviu cientistas políticos, filósofos, advogados e historiadores sobre "as raízes da corrupção". Levantamentos de entidades internacionais colocam o Brasil no patamar dos países com altos índices de corrupção. A impunidade é considerada a causa número um do problema, seguida por mais nove outras: morosidade da Justiça; distribuição política de cargos; conivência da sociedade; excesso de burocracia; caixa dois nas campanhas; ausência de políticas anticorrupção; falta de informação; tolerância política; e, falta de renovação. (Fonte: www.dihitt.com.br )

Samuzinho
O Projeto Samuzinho iniciado em Uruaçu há três meses concluiu os trabalhos do ano de 2009 em grande estilo: formou a primeira turma Samuzinho de Uruaçu. Foram 32 formandos com faixa etária de 6 a 12 anos, escolhidos entre os estudantes de várias escolas de Uruaçu. As crianças receberam noções de cidadania, meio ambiente, prevenção de acidentes, acidente de trânsito, dentre outros, sempre inspirados na imagem do Samu 192, verdadeiros heróis da criançada. A formatura foi no dia 16 de dezembro, no plenário da Câmara Municipal de Uruaçu.

Seminário
A Secretaria de Estado da Educação, por meio do Centro de Estudo e Pesquisa Ciranda da Arte, realizou no dia 17 de dezembro, o 5º Seminário do Ensino da Arte. O seminário aconteceu no auditório da Faculdade de Educação da UFG, na Praça Universitária, e contou com palestras, debates sobre arte contemporânea, encontros com artistas, apresentações artísticas e lançamentos de livros sobre como contar histórias, ensino de artes visuais, dança, música e teatro.

Cultura
A Câmara dos Deputados aprovou, no dia 16 de dezembro, benefício no valor de R$ 50 semelhante ao vale-refeição, mas para ser gasto com livros, ingressos de shows, cinema ou teatro. O projeto do Ministério da Cultura, apelidado de vale-cultura, beneficiará trabalhadores com carteira assinada que ganham até cinco salários mínimos. A estimativa é que a iniciativa injetará R$ 7,2 bilhões por ano no mercado cultural do país. Pelo projeto, as empresas poderão deduzir até 1% do Imposto de Renda se aderirem ao programa até o exercício de 2014, ano calendário de 2013. O vale-cultura deverá ser concedido por meio de cartão magnético intransferível. O trabalhador contribuirá com 10% do valor do benefício, que não poderá ser contabilizado como remuneração, além de não constituir base de incidência de contribuição previdenciária ou do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), e não se configura como rendimento tributável. (fonte: www.ofiltro.com.br)

_______________________________________________

Carlos Henrique Alves do Rêgo – Carzem, é sócio do Lions Clube de Uruaçu; Bel. em Ciências Contábeis pela UEG/Uruaçu; e, funcionário do Banco do Brasil, agência de Uruaçu

domingo, 27 de dezembro de 2009

JESUS Vida Verão - O maior evento gospel de praia do Brasil

PROGRAMAÇÃO 2010
.
PRAIA DE CAMBURI - VITÓRIA-ES
(sempre a partir das 19 horas)
08 de janeiro - Trazendo a Arca (RJ)
09 de janeiro - Soraya Moraes (SP) e Comunidade Zona Sul (RJ)
.
PRAIA DA COSTA/ITAPUÃ - VILA VELHA-ES
(sempre a partir das 19 horas)
15 de janeiro - Daniel & Samuel (GO) e Unção de Deus (RJ)
16 de janeiro - Kleber Lucas e Cristina Mel
22 de janeiro - Nívea Soares e Nani Azevedo
23 de janeiro - André Valadão
.
ESPORTES
.
PRAIA DA COSTA
11 a 21 de janeiro - 14ª Copa Jesus Vida Verão de Futebol de Areia - JESUS VIDA VERÃO KIDS
16 de janeiro - 17h - Turminha da Cristina Mel
.

sábado, 26 de dezembro de 2009

10 Mandamentos da Faculdade

1 - Não importa quão tarde é a sua primeira aula, você vai dormir durante ela.

2 - Alunos de faculdade também jogam aviões de papel na aula.

3 - Se você assistir aula calçado, todo mundo vai te perguntar porque você foi tão chique.

4 - Se você era inteligente no colegial... azar o seu.

5 - Não importa tudo o que você prometeu quando passou no vestibular: você vai nas festas mesmo que sejam na noite antes da prova final.

6 - Você pode saber toda a matéria e se ferrar numa prova.

7 - Você pode não saber nada da matéria e tirar 10.

8 - Sua casa é um ótimo lugar para se visitar.

9 - As melhores coisas você aprende fora das salas de aula.

10 - Você vai se tornar uma daquelas pessoas que seus pais falaram para você não se meter.

A evolução do Salário Mínimo

Com o salário mínimo de R$ 510, que consta na previsão do Orçamento da União para 2010, o trabalhador brasileiro remunerado pelo piso conseguiria comprar 2,17 cestas básicas.

A estimativa foi divulgada nesta terça-feira (22) pelo Dieese (Departamento Intersindical de Estatísticas e Estudos Socioeconômicos). Para o cálculo, foi considerado que a cesta básica manteria, em dezembro e janeiro, o mesmo valor verificado em novembro deste ano.

A compra de 2,17 cestas básicas com o salário mínimo é a maior relação já identificada desde 1979, de acordo com o Dieese.
.
Ano.......Relação mínimo/US$...Relação mínimo/cesta básica
1995........US$ 111,73.......................1,02
1996........US$ 112,48.......................1,14
1997........US$ 113,14.......................1,23
1998........US$ 113,91.......................1,22
1999........US$ 082,07.......................1,25
2000........US$ 084,67.......................1,28
2001........US$ 082,47.......................1,37
2002........US$ 086,28.......................1,42
2003........US$ 077,03.......................1,38
2004........US$ 089,47.......................1,47
2005........US$ 115,51.......................1,60
2006........US$ 163,35.......................1,91
2007........US$ 198,98.......................1,93
2008........US$ 253,54.......................1,74
2009........US$ 205,02.......................2
2010..............................................2,17*
.

sexta-feira, 25 de dezembro de 2009

As 10 frases mais usadas pelas mulheres para rejeitar uma homem

Mas a versao feminina é:

Eu tenho namorado e não quero trai-lo
(você é feio e pobre)

Não quero estragar nossa amizade
(você é feio e pobre)

Acabei de sair de um relacionamento quero ficar sozinha
(você é feio e pobre)

Não fico com ninguem em balada
(você é feio e pobre)

Você é um ótimo amigo não quero perder isso
(você é feio e pobre)

Você ainda gosta da sua ex
(você é feio e pobre)

Tô querendo aproveitar mais a vida, nada de namoros
(você é feio e pobre)

Meu trabalho está me sugando, quero me dedicar a ele apenas
(você é feio e pobre)

Você até que é simpatico
(você é feio e pobre)

Sejamos amigos para sempre
(você é realmente feio e pobre) rsrs

Fonte: Blog Answers

quinta-feira, 24 de dezembro de 2009

Significado do Natal em algumas religiões

O Natal é a maior festa do calendário cristão, quando se comemora o nascimento de Jesus Cristo, Filho de Deus. Porém, em outras religiões, o Natal não tem nenhum significado marcante. Muitas pessoas, mesmo não religiosas, aproveitam o clima de festa e confraternização e reunem-se com amigos e familiares, celebrando a amizade, a paz, a reconciliação e o amor.


Significado do Natal em algumas religiões

Budismo: O Natal cristão não é marcado no calendário budista e nem comemorado nos seus templos budistas. No Budismo se comemora o Vesak, quando é lembrado o nascimento, iluminação e morte do príncipe indiano Sidharta Gautama, o Budha; essa comemoração acontece na Lua Cheia no mês de Maio.

Judaismo: O Natal, como comemoração do nascimento de Jesus Cristo, não existe para os judeus. Eles estão embasados apenas no Velho Testamento (primeira parte da Bíblia), que vem antes de Cristo, e acreditam que o Messias ainda não chegou. Reconhecem Jesus apenas como uma pessoa importante para o mundo.

Islamismo (Muçulmanos): Os Islâmicos respeitam a comemoração do Natal, mas a data não tem significado religioso para eles. Jesus é apenas mais um profeta para muçulmanos. A religião islâmica (ou muçulmana) tem Jesus Cristo como um dos seus cinco principais profetas, ao lado de Abraão, Noé, Moisés, e Mohamad (ou Maomé), este último, a principal figura do islamismo, para quem teria sido revelado o Alcorão (ou Corão), o livro sagrado da religião. Jesus é citado 19 vezes no Alcorão. “Allah – Sao La Ilaha Ila Allah (não há divindade a não ser Allah – frase dita como testemunho à existência de Allah, um dos cinco pilares da religião) – descreve Jesus no seu sagrado Alcorão como um dos cinco maiores profetas, apesar de Allah – Sao La Ilaha Ila Allah – ter enviado mais de 124 mil profetas. Os cinco maiores profetas são: Abrahão, Noé, Moisés, Jesus e Mohamad. Esses são os profetas que mais se sacrificaram pela causa de Allah – Sao La Ilaha Ila Allah. Jesus, então, é reconhecido como um dos grandes profetas. Não há diferença entre um profeta e outro.

Hare Krishna: O Natal é considerado como o nascimento de uma grande personalidade, no caso, Jesus Cristo, que foi uma alma enviada a este mundo, com a missão de preservar valores religiosos e morais e proteger a sociedade humana da degradação. Não consideram o Natal como o nascimento de Deus, pois acreditam que Krishna (Deus adorado por essa religião) , encarnou por diversas vezes na terra. Comemoram o Natal como uma celebração de paz e do amor divinos, tanto em família, como com outros devotos de Krishna.

Espiritismo: O importante no Natal, não é o dia em que é comemorado, mas a razão de se comemorar. Se reunem com irmãos entre diversas religiões, para reavivar os ensinamentos de Jesus: perdão, amor e caridade. Entendem que o Natal deveria ser uma filosofia de vida e não uma data a ser comemorada. Apesar de se reunirem, fazerem ceia e trocar presentes, se esforçam para não cairem no consumismo e se lembrarem mais do Papai Noel do que de Jesus.

Catolicismo: Celebrar o Natal significa comemorar o nascimento de Jesus que veio para nos trazer paz; essa data se tornou de fundamental importância para o cristianismo. Ao longo da história, devido à onda excessiva de consumismo, o sentido principal dessa festa foi se perdendo. As Dioceses estão fazendo campanhas para que seja resgatado o real significado do Natal, reforçando a figura do menino Jesus como centro da festa, em detrimento do Papai Noel que representa apenas o sentido comercial da comemoração.

Cristianismo evangélico: O Natal significa o nascimento de Jesus, que marca o início de uma nova era, que traz esperança, libertação, perdão, paz e uma nova vida com Deus. É considerada uma das mais importantes celebrações; em todos os Templos são realizados cultos de adoração e agradecimento a Deus por ter enviado Seu Filho Jesus Cristo ao mundo, como forma de resgatar, salvar e restaurar a comunhão entre Deus e o homem. Jesus é considerado como a terceira pessoa da Trindade e não apenas um grande Profeta. Além de se comemorar o nascimento virginal de Jesus que marcou o início de uma nova era, é lembrado também, que todo ser humano pode, simbolicamente, oferecer seu coração, como uma manjedoura, para que nele, Jesus possa nascer espiritualmente, proporcionando uma nova vida de paz, alegria e dando a certeza de salvação. Os evangélicos costumam se reunir em família e com amigos. Também trocam presentes, porém, tudo é feito com modéstia e sem extravagâncias.


Significado dos símbolos de Natal

A árvore: representa a vida e significa alegria, paz e esperança.

As bolas: por seu formato e pelo colorido, simbolizam o fruto da árvore da vida.

Anjos: são os mensageiros de Deus que anunciam a paz. Convidam as pessoas a exercerem a função de mensageiros da alegria.

Arranjos secos: o que está seco é porque não tem vida. Portanto sempre que estivermos longe de Jesus, estaremos secos, pois só Ele é a Vida e comunica Vida. Jesus veio a té nós para que tudo se desenvolva e tudo tenha vida.

Balas e bombons: simbolizam a doçura das palavras divinas, a doçura de participar de sua Igreja, vivendo sua Palavra: Jesus Cristo.

Cartões de Natal: Costume que faz parte do aspecto social e cortês, através do qual se registram as mais variadas mensagens e votos de Boas Festas aos amigos, mesmo que muito distantes.

Estrela de natal: guiou os três reis magos até o local de nascimento do menino Jesus.

Sinos de Natal: representa o anúncio para a humanidade do nascimento de Jesus Cristo, o Salvador.

Guirlanda: usada como enfeite nas portas de entrada das residências na época do Natal.

Ceia natalina: A ceia é um ato cheio de significados. Na História da Humanidade a mesa tem sentido profundo de ser um lugar de celebrações, de confraternização.

O presente: alguns autores dizem que os presentes simbolizam o presente que Deus nos deu com o nascimento de Jesus.

Presépio: representa uma importante decoração natalina, pois mostra o cenário do nascimento de Jesus, ou seja, uma manjedoura, os animais, os reis Magos e os pais do menino.

Velas: as velas simbolizam a luz das estrelas que guiaram os Reis Magos.

Papai Noel: inspirado num bispo chamado Nicolau, que nasceu na Turquia em 280 d.C.; homem de bom coração que costumava ajudar as pessoas pobres, deixando saquinhos com moedas, próximo às chaminés das casas.

quarta-feira, 23 de dezembro de 2009

Liderança: seja levado mais a sério

Você já percebeu que, em qualquer grupo, algumas pessoas são naturalmente levadas a sério, e outras não? E isso raramente tem relação com ser ou não sisudo – o indivíduo de gravata com mais cara de brabo e sem graça numa equipe pode não ser levado a sério por ninguém, e o colega que está sempre de bom humor pode ser visto com respeito por todos.

O que há em comum entre as pessoas que são levadas a sério? É difícil fazer uma lista completa, mas no caso das pessoas em posição de liderança (formalizada ou não), eu gosto de uma definição de W. E. B. Griffin: o que elas dizem tem um tom especial, que indica “eu serei levado a sério” – ou “eu serei obedecido”, no caso da liderança aliada a chefia formal. Mas esse tom não é produzido pela voz, e sim pelas atitudes, que aos poucos conquistam o respeito dos que estão ao seu redor.

Chega de desculpas

E o que os outros vêem em nós, por intermédio das nossas atitudes, começa nas nossas escolhas e no modo como nós mesmos nos vemos – em outras palavras, o caminho começa quando nós mesmos começamos a nos levar suficientemente a sério. O artigo “5 Reasons People Don’t Take You Seriously and How to Fix It” apresenta uma série de razões pelas quais as pessoas podem não estar levando você a sério, e convido você a passá-las rapidamente em revista neste meu resumo. Vamos a elas:

1. Não manter a palavra: isso não significa exatamente a mesma coisa que “ser mentiroso”, neste contexto. Significa anunciar freqüentemente planos e intenções que na prática você acaba não realizando, fazer promessas que não poderá cumprir, ou mesmo que não pretende cumprir. A cada mês você anuncia que vai fazer uma dieta, que vai melhorar as condições de trabalho da equipe, e que no sábado que vem vai levar a família toda para a praia – e nunca cumpre? Então pare de anunciar que vai fazer as coisas que dependem apenas de você, e adote a política de fazê-las primeiro, e anunciar seu sucesso depois.

2. Não dar continuidade: você começa e não prossegue? Paga a academia e só vai na primeira semana? Começa o curso de inglês e deixa de ir já no segundo mês? Ninguém vai levá-lo a sério assim. Comece a compor planos de metas sucessivas, em degraus, e persiga cada uma das metas com atenção. E comece menos coisas. E… veja novamente o item 1.

3. Não separar trabalho e vida pessoal: não há problema nenhum em ir para a happy hour com os colegas de trabalho, ser próximo dos clientes, ou ter amizades reais no ambiente de trabalho. Mas – a não ser em casos específicos – colegas de equipe e clientes não deveriam ser todos os seus *melhores* amigos, e deve haver um limite a partir do qual a sua vida pessoal fica reservada em relação ao conjunto geral deles. Todo mundo tem seus desafios, e uma parte deles precisa transparecer; a outra parte deve ficar acessível apenas a quem tem interesse positivo e genuíno nela – não necessariamente seus colegas, clientes ou fornecedores.

4. Dar mais desculpas do que resultados: releia o item 1, e depois faça mentalmente uma lista das pessoas que você conhece e que têm sempre uma desculpa na ponta da língua para explicar por que não cumpriram aquilo que disseram que fariam, ou por que a culpa não é dela. Dar desculpas é um hábito companheiro da procrastinação, e leva as pessoas a não levarem você a sério. Faça acontecer, ou não se proponha.

5. Andar com a turma errada: esta tem várias alternativas – se as pessoas com quem você se associa são exatamente as que você deseja se associar, francamente, permaneça com elas e se concentre em outras formas de ser visto com seriedade pelos demais. Mas se você está associado sem razão, e freqüentemente questiona a atitude e as decisões destas pessoas, pare para pensar se quem olha de fora não faz os mesmos questionamentos em relação a você. Mas seja autêntico – nada de abandonar amizades genuínas ou virar a casaca pensando apenas na sua imagem – isso só fará com que ainda mais pessoas deixem de levar você a sério.

Fiz um rápido censo mental das pessoas em posição de liderança com quem convivo no trabalho e na pós-graduação, e que não são levadas a sério pelos seus públicos, e eu marcaria um X para cada uma delas em 4 dos 5 critérios acima.

Faça você também, e em seguida faça também uma auto-análise – talvez você reveja algum conceito! Depois compartilhe conosco nos comentários quais as características mais freqüentes que impedem os seus colegas de levarem a sério os líderes das suas equipes!

Belo texto sem a letra 'A'

Sem nenhum tropeço posso escrever o que quiser sem ele, pois rico é o português e fértil em recursos diversos, tudo isso permitindo mesmo o que de início, e somente de início, se pode ter como impossível. Pode-se dizer tudo, com sentido completo, mesmo sendo como se isto fosse mero ovo de Colombo.

Desde que se tente sem se pôr inibido pode muito bem o leitor empreender este belo exercício, dentro do nosso fecundo e peregrino dizer português, puríssimo instrumento dos nossos melhores escritores e mestres do verso, instrumento que nos legou monumentos dignos de eterno e honroso reconhecimento

Trechos difíceis se resolvem com sinônimos. Observe-se bem: é certo que, em se querendo esgrime-se sem limites com este divertimento instrutivo. Brinque-se mesmo com tudo. É um belíssimo esporte do intelecto, pois escrevemos o que quisermos sem o "E" ou sem o "I" ou sem o "O" e, conforme meu exclusivo desejo, escolherei outro, discorrendo livremente, por exemplo sem o "P", "R" ou "F", o que quiser escolher, podemos, em corrente estilo, repetir um som sempre ou mesmo escrever sem verbos.

Com o concurso de termos escolhidos, isso pode ir longe, escrevendo-se todo um discurso, um conto ou um livro inteiro sobre o que o leitor melhor preferir. Porém mesmo sem o uso pernóstico dos termos difíceis, muito e muito se prossegue do mesmo modo, discorrendo sobre o objeto escolhido, sem impedimentos. Deploro sempre ver moços deste século inconscientemente esquecerem e oprimirem nosso português, hoje culto e belo, querendo substituí-lo pelo inglês. Por quê?

Cultivemos nosso polifônico e fecundo verbo, doce e melodioso, porém incisivo e forte, messe de luminosos estilos, voz de muitos povos, escrínio de belos versos e de imenso porte, ninho de cisnes e de condores.

Honremos o que é nosso, ó moços estudiosos, escritores e professores. Honremos o digníssimo modo de dizer que nos legou um povo humilde, porém viril e cheio de sentimentos estéticos, pugilo de heróis e de nobres descobridores de mundos novos.
Escrito por: Desconhecido

terça-feira, 22 de dezembro de 2009

segunda-feira, 21 de dezembro de 2009

Mega Sena da Virada

Apostadores de plantão e candidatos a milhionários de todo o Brasil preparem seus palpites...

A Mega Sena da Virada 2009, cujo resultado será divulgado dia 31 de dezembro de 2009, deverá pagar mais R$ 100 milhões ao ganhador.

Para oferecer esta super-bolada, 5% do total destinado a prêmios em todos os concursos da Mega-Sena desde o início de 2009 estão sendo reservados para a Mega da Virada.

Além do prêmio recorde, outra novidade é que a Mega da Virada certamente fará um ou muitos milionários, pois o prêmio não acumulará. Se ninguém acertar os 6 números sorteados, a bolada será dividida entre os acertadores de 5 números.

Normalmente os canais de televisão mostram o sorteio ao vivo para que as pessoas possam acompanhar todo o processo. O horário ainda será divulgado.

domingo, 20 de dezembro de 2009

A lenda do álcool


O álcool é uma palavra de origem árabe que significa sutil. E, realmente, não há nada mais sutil do que ele. Abocanha suas vítimas como uma cobra que rasteja lentamente, escondida no mato. Ninguém inicia no vício embriagando-se na primeira vez. Aumenta-se pouco a pouco as doses, até que a vítima seja completamente dominada.

A bebida não encontra fronteiras. Freqüenta todos os lugares sem qualquer inibição. Não só se faz presente nas recepções presidenciais e nas mais altas cortes das nações, como também na confraria dos miseráveis mendigos debaixo da ponte.

Desinibe o artista que sobe no palco, traz coragem ao bandido que sai para roubar, e entorpece o pecador que não consegue dormir. Quando está frio, se bebe para esquentar. Se está calor, uma geladinha para refrescar. Se há tristeza, bebe-se para esquecer. Se há alegria, se enche a cara para celebrar. Seja nascimento, batizado, aniversário ou funeral, não há ocasião em que o sutil deixe de encontrar espaço para se achegar.

O sutil é também um rei impiedoso que governa seus lacaios com mão de ferro. Exige fidelidade absoluta. Por amor a ele, seus servos abandonam suas famílias, entregam tudo que têm e deixam até de comer. E assim, após tirar-lhes tudo, o cruel soberano os torna fracos e doentes, levando-os à morte lentamente.

Seja da cana ou da cevada, o sutil é obtido quando os excrementos de minúsculas bactérias azedam o caldo, causando assim sua fermentação. Não é errado dizer que este rei vem das fezes e em fezes torna a vida daqueles que lhe servem.

Mesmo sabendo disto, os homens mentem e escondem o caráter maligno e destruidor desse soberano. Se assim não fosse, toda garrafa sutil traria em seu rótulo: “Esta embalagem contém acidentes de automóvel, desemprego, miséria, vícios, doenças, separação do casal, destruição familiar, torpor, perda de memória, traições, imoralidades, crimes, incêndios e vergonhas. O uso contínuo fatalmente o fará dependente e louco.”

Bem, mas vamos à lenda que dá título a esta carta.

Conta-se que há muitos e muitos anos um homem, desejoso de enriquecer, fez um pacto com o maligno. Este o instruiu a plantar um grande canavial e regá-lo com o sangue de três animais: o porco, o macaco e o leão.

Por ocasião da colheita, o homem teve um sonho, no qual aprendeu a preparar a bebida que lhe daria a fortuna que ambicionava. Assim nascia a cachaça. No princípio, a dava gratuitamente para quem quisesse dela provar. E logo suas vítimas voltavam para comprar mais daquela inebriante mistura.

Fez clientes entre ricos e pobres. À sua porta batiam tanto o doutor como o mendigo. Fosse sol ou fosse chuva, nunca lhe faltavam os infelizes a estender as notas em busca da bebida.

Em pouco tempo, o homem se tornou muito rico. Seus negócios se espalharam por todo o canto. Crescia sua riqueza na mesma proporção que crescia a miséria dos que lhe batiam à porta.

Ao se entregarem ao vício, os beberrões manifestavam a conduta de um dos três animais, cujo o sangue havia regado a terra. Uns bebiam até cair, passando as noites nas ruas imundas, perdendo completamente o asseio e o zelo. Tornaram-se relaxados sem qualquer apreço pela própria aparência. Era o sangue do porco.

Outros, passavam a rir descontroladamente e a causar também riso nos que os viam. Sem qualquer senso e com a cara deformada pelo álcool, articulavam palavras desconexas, passo trôpegos e caretas ridículas, sem firmeza sequer para segurar o copo que lhes embriagava. Por onde passavam eram zombados e até as crianças lhes chamavam por nomes e apelidos. Era o sangue do macaco.

Outros finalmente, tornavam-se valentes, violentos e sanguinários. Aos primeiros goles da bebida, subia-lhes à mente um ódio selvagem que explodia sem qualquer razão ou motivo. Começavam brigas no bar e terminavam espancando suas esposas e filhos ao chegarem de madrugada em casa. Era o sangue do leão.

Assim é o álcool. Ninguém cometeu mais crimes do que o sutil. Ninguém continua tão impune quanto ele.

sábado, 19 de dezembro de 2009

HUMOR - Heresias Sexuais

Humor filósofico diverte, mas também nos faz pensar…

Se para a Igreja, a pílula do dia seguinte já é aborto… Então, surgem algumas dúvidas:

- A masturbação é homicídio prematuro?

- E o boquete? Será canibalismo?

- Podemos então considerar o ‘coito interrompido’ como ‘abandono de menor’?

- E o que dizer do preservativo? Por acaso seria homicídio por sufocamento?

A piadinha criativa me fez refletir: Como diferentes religiões lidam com o tema da sexualidade na sociedade contemporânea? E quais os limites de interferência nas esferas públicas e políticas? Estamos em 2009, minha gente! É necessário um diálogo entre diferentes visões de mundo. Não há certo nem errado, o sexo é um assunto natural, é amor, prazer, alegria…

Liberdade com responsabilidade, sempre!

Reflexão - As raízes da corrupção



sexta-feira, 18 de dezembro de 2009

Ganhadores não sabem o que fazer com o dinheiro da loteria

O ganhador de 1,3 milhão de libras (cerca de R$ 4,4 milhões) em um dos sorteios da Loteria Nacional britânica voltou a trabalhar em uma lanchonete da rede McDonald's alegando sentir falta dos amigos. "São tantos rostos familiares que foi como voltar para um grupo de velhos amigos", disse Luke Pittard, de 25 anos."Honestamente, existe um limite para o descanso. Sou jovem e um pouco de trabalho duro nunca fez mal a ninguém." (Fonte: Estadão)
.
Estamos nos aproximando do fim do ano e do sorteio da MegaSena da Virada, que promete ser o maior da história pagando mais de R$ 100 milhões. Na minha opinião, um jeito simples de fazer a pessoa repensar todos seus valores, objetivos e refletir sobre sua própria existência é, justamente esse: o que você faria se ganhasse milhões na loteria?

Uma frase que atribuem a Jim Rohn diz o seguinte: “Para ter mais amanhã, você precisa ser mais do que é hoje”. Cerca de um terço dos ganhadores de loteria entram em falência apenas alguns anos depois de receberem os primeiros milhões, segundo pesquisa nos Estados Unidos. No Brasil, também conhecemos inúmeros casos de pessoas que perderam tudo e voltaram à sua vida anterior ao prêmio. Isso vai de encontro a um fato que fica evidente quando se faz a pergunta sobre como usar tantos milhões recebidos de uma hora para outra.

As pessoas não possuem a mínima ideia do que fazer. Tudo o que conseguem responder são desejos do senso comum, como viajar, comprar uma mansão, um carro, casas na praia, etc. Sugiro que leiam os 10 grandes perdedores de loterias ao redor do mundo, citados na matéria do Terra. As pessoas vão desde o suicídio, passando por estupro e uso de drogas. Voltamos à frase de Jim Rohn, que parece ser realmente um axioma, e percebemos que as pessoas nunca serão ricas porque não estão preparadas para isso!

Luke Pittard, o ganhador da loteria britânica, percebeu isso logo. Sem possui um objetivo de vida maior do que simplesmente viver o “dia-a-dia” pacato, naquela rotina de trabalho – casa – trabalho, logo se viu inutilizado e entediado. Voltou a trabalhar para dar algum significado à sua patética vidinha. Não que aquela sua “vidinha” seja ruim. Ele é feliz e é isso o que realmente importa. Com certeza, ele poderia ser algo muito melhor, mas não tinha a capacidade, a coragem, a vontade.

Grandes bilionários que conquistaram sua fortuna ao longo de suas vidas não perdem a linha. São homens de grandes feitos e que escreveram seus nomes na história. Muito mais do que anônimos e insignificantes atendentes de um restaurante, esses grandes homens mudaram a vida de muitas pessoas, quiçá de nações inteiras. Talvez, da humanidade.

Certamente, o ganhador da loteria não precisa mais trabalhar. Ao menos, não naquilo que ele não gosta. Numa frase, resume-se esta questão: “Encontre aquilo que você gosta de fazer, e nunca mais precisará trabalhar na sua vida”. Se temos potencial e talento, por que desperdiçá-los? Porque não empregá-los, satisfazermos nossa alma e, de quebra, contribuir com o mundo de alguma forma?

Pode ser que o ganhador da loteria possa, finalmente, dedicar-se à aulas de piano e finalmente tocar nos barzinhos da cidade – quem sabe até num concerto um dia. O médico finalmente pode dedicar-se integralmente ao descobrimento de novas curas. Motivo de orgulho e satisfação para si enquanto melhora o mundo. O protetor de animais pode, finalmente, combater a crueldade imposta à inocentes animais. E logo ele se vê contente, feliz, cheio de amor dado pelos bichos e por aqueles que batalham pela mesma causa. De quebra, ajuda a fazer um mundo melhor.

O mundo está cheio de oportunidades. O fim das “amarras” que prendem um simples proletariado pode ser a chance desse finalmente extravasar todo seu talento e fazer a diferença para si e para o resto. Enfim, é apenas um ponto de vista. Mas fica aqui a pergunta: o que você faria se ganhasse dezenas de milhões de dólares de um dia para o outro?
.

Uruaçu


terça-feira, 15 de dezembro de 2009

segunda-feira, 14 de dezembro de 2009

Passando a Régua - Ed. n. 817

Coluna publicada na edição nº 817 do Jornal Diário do Norte

"O futuro não nos traz nem nos dá nada. Nós é que, para construí-lo, devemos dar-lhe tudo".

Simone Weil

Cultura
Na noite de 10 de dezembro a Escola Estadual Filomeno Luís de França (Uruaçu) realizou a noite de autógrafos do Livro 'Poesias... a gente inventa, cria'. Uma coletânea de 100 poesias dos alunos do 5° ano, das professoras Silvone Vasconcelos e Clerismar Correia, sob a direção de Maria Alves. O evento aconteceu na própria escola, com diversos convidados prestigiando as declamações dos admiráveis artistas e coreografias.

AABB comunidade
A coordenação do Programa Integração Social AABB Comunidade realizou a 'Mostra Cultural e Pedagógica' dos educandos do programa em Uruaçu. Foi na noite de 10 de dezembro, na sede da AABB de Uruaçu, quando foram apresentados: desfile de moda com material reciclado, exposição de trabalhos artesanais, danças, poesias, roda de capoeira, teatro, dentre outras apresentações.

Semana da Bíblia
Comemora-se o Dia da Bíblia no segundo domingo do mês de dezembro e a Semana da Bíblia é a semana que antecede este dia. Em Uruaçu, as igrejas evangélicas comemoraram a Semana da Bíblia de 9 a 12 de dezembro, com leitura diária do livro sagrado, da Gênesis ao Apocalipse, num total de 90 horas de leitura e cultos todas as noites no encontro das avenidas Tocantins com Araguaia.

Conciliação
O Movimento pela Conciliação teve início no dia 23 de agosto de 2006. Naquele ano, o dia 8 de dezembro foi dedicado à mobilização do Dia Nacional pela Conciliação. A primeira Semana Nacional pela Conciliação ocorreu no ano seguinte, em 2007, de 3 a 8 de dezembro. Mais de três mil magistrados e 20 mil servidores e colaboradores se empenharam e mais de 300 mil pessoas foram atendidas. Para consolidar o Movimento pela Conciliação, o CNJ e seus parceiros realizam uma série de medidas. Uma delas foi a edição da Recomendação número 8, que sugere aos tribunais o planejamento e a viabilização das atividades conciliatórias.

Lions
Tomou posse como nova associada do Lions Clube de Uruaçu a professora aposentada Maria do Socorro Assunção, apadrinhada por Iracema Pereira Lopes. A solenidade de posse aconteceu na noite de 9 de dezembro, na sede do clube, sob a presidência de Cirinéa Tamietti Durães.

Aula magna
A Universidade Aberta do Brasil (UAB) - Polo de Apoio Presencial de Uruaçu e a Unidade Universitária de Educação a Distância da UEG (UnUEAD) terão sua aula magna da primeira turma do curso de bacharelado em Administração Pública - Modalidade Educação a Distância no dia 15 de dezembro, às 19 horas, no auditório do Memorial Serra da Mesa.

_______________________________________________

Carlos Henrique Alves do Rêgo – Carzem, é sócio do Lions Clube de Uruaçu; Bel. em Ciências Contábeis pela UEG/Uruaçu; e, funcionário do Banco do Brasil, agência de Uruaçu

Dinheiro, beleza, inteligência… O que atrai as mulheres em um homem?

Por: Gustavo Gitti
Nada disso. Mulher quer se sentir escolhida e vai desejar o homem que mais puder conquistar outras. Mas o que exatamente isso significa?

Não é uma questão de grana, corpo ou cérebro

“Mulher gosta é de dinheiro” é uma frase muito comum no discurso masculino, principalmente entre homens frustrados que se consideram bonitos, já fizeram alguns cursos de sedução com mestres PUA e agora, num bar, enquanto fazem piadas com o jargão, silenciosamente desistem de entender a dinâmica do desejo feminino.

Em outro canto, um nerd investidor chega sozinho em casa, depois de levar uma garota para uma restaurante caríssimo, e inveja o rosto bonito do amigo Don Juan que parece provocá-lo com sua foto do Twitter que sorri sem parar.

O ricaço bonitão, por sua vez, em algum outro restaurante, patina em total desconforto diante dos papos iniciados pela morena deliciosa à sua frente. “Hum, acho que sei do que ela está falando… Qual era mesmo a filosofia de Hume? Era algum lance sobre não sabermos se o Sol vai nascer amanhã, é isso?”. Ele está certo e poderia até brincar com sua dúvida (ainda mais com Hume), mas permanece quieto e logo desvia o assunto ao mesmo tempo em que ela desvia seus olhos para a rua, não exatamente em busca de um historiador da filosofia, mas de um homem qualquer, menos covarde, que pudesse ouvi-la e seguir a conversa.

E enfim, numa sala de reunião ali perto, os homens com a combinação perfeita: dinheiro, beleza e inteligência. Ah, sim, muito deles são traídos por não terem tempo. E se tiverem tempo, senso de humor e treparem como animais… bem, algo me diz que não será suficiente.

O que dinheiro, beleza e inteligência tem em comum?

Todos os caras que tem dificuldades em seduzir uma mulher estão parcialmente certos ao culpar a ausência de grana, boa aparência ou plasticidade mental. No entanto, a razão para isso não é o fato de que as mulheres são atraídas por dinheiro, beleza e inteligência, como se cada um dos quesitos constituísse 33% da nota final.

Na verdade, as mulheres procuram (sem saber) um homem com uma qualidade específica curiosamente presente em homens extremamente bonitos, ricos, poderosos e inteligentes. Entretanto, ela pode muito bem existir na ausência de tais atributos – em teoria, pelo menos.

Quem é esse homem tão desejado pelas mulheres? É o homem que pode escolher.

“Você é especial”

“Os amores da vida são fundados num quiproquó tanto quanto os amores terapêuticos. Quando nos apaixonamos por alguém, a coisa funciona assim: nós lhe atribuímos qualidades, dons e aptidões que ele ou ela, eventualmente, não têm; em suma, idealizamos nosso objeto de amor. E não é por generosidade; é porque queremos e esperamos ser amados por alguém cujo amor por nós valeria como lisonja. Ou seja, idealizamos nosso objeto de amor para verificar que somos amáveis aos olhos de nossos próprios ideais.”
–Contardo Calligaris, em Cartas a um Jovem Terapeuta


Depois dessa citação do Calligaris, você já pode brincar com sua namorada quando ela soltar elogios:

“Você só me acha esperto, gostoso e charmoso porque quer ser amada e desejada por um cara esperto, gostoso e charmoso.”

Não só ela. Todos nós, homens e mulheres, somos mendigos absurdamente carentes de olhares. Queremos nos sentir vivos – e nada melhor para isso do que uma pessoa com olhos brilhantes ao nosso lado. Queremos ter uma existência com sentido, ser alguém especial. Um parceiro que acredite em vidas passadas, almas gêmeas e amor eterno, piscando em nossa direção, talvez dê conta do recado.

Já que nossos pais não são imortais para sustentar pra sempre nossa identidade de filho, empresas e projetos oscilam demais para manter nossas identidades profissionais, amizades se alternam, cidades se movem, os times caem para a segunda divisão, sobram duas opções pra quem está tentando ser alguém: casar e ter filhos. Marido e esposa, pai e mãe. Eis talvez as únicas identidades que podemos (com sorte) sustentar até a morte.

Está explicado porque o casamento é a nossa maior esperança de felicidade. Jogamos nosso ar dentro dos pulmões do outro (no começo, ele a deixa “sem ar”) e depois torcemos para que ninguém vá embora (no fim, ele não consegue mais respirar).

Mas não vamos deixar nossa vida na mão de qualquer um. De que vale um elogio “Você é um gênio!” vindo de alguém com baixo QI? Pode admitir: é muito mais gostoso ouvir “Você é um gato” de uma mulher estonteante do que de uma feiosa.

Para que a gente se sinta especial, é preciso antes que nosso parceiro seja especial! Caso contrário, a gente não acredita, o encanto não pega, a mágica não funciona.

“Ela é especial” é uma das primeiras frases na fala de um homem apaixonado. O que ele esquece de dizer é o seguinte: “Preciso encontrar razões para que ela seja especial, caso contrário eu não acreditarei quando ouvir dela que sou especial”. E então ele diz que ela também adora AC/DC, se ela for um pouco gorda. Ressalta que ela faz tudo na cama, se não for tão esperta…

Mas nenhum desses elogios se compara ao grande “Você é especial”. Inteligentes muitos são, bonitos, ricos, gostosos também. Agora, o que mais desejamos é ser únicos, singulares, ímpares, fodões, insubstituíveis. Ou melhor, sem plural: premium, VIP, edição limitada, one of a kind.

Mais do que elogiados, queremos ser escolhidos. Não entre dois, três ou dez. Mas entre todos, de todo o o Brasil, de todos os países, continentes – planetas, se possível. Se encontro alguém que poderia conquistar 4% das pessoas e ouço um “Você é especial, você é tudo pra mim, case-se comigo”, bem, sou 4% especial, ou melhor, especial num universo muito pequeno. Eu poderia confessar a um amigo: “Eu não gosto tanto dela!”. A verdade? “Ela não é especial o suficiente para me fazer acreditar que sou especial”.

O verdadeiro tesão em comer uma mulher perfeita não está na perfeição do corpo (afinal esses detalhes não fazem muita diferença no prazer sexual), mas na sensação narcísica de ser escolhido por uma mulher que poderia escolher qualquer outro homem.

É isso que Calligaris quer dizer com “aos olhos de nossos próprios ideais”: não basta que o outro me admire; eu preciso ser admirado por aquilo que eu mais considero digno de admiração e, mais ainda, por alguém que admiro. Como não consigo fazer tudo isso sozinho, chamo mais um par de olhos.

A redenção dos homens e o fracasso da esperança feminina

Do outro lado, qual é o homem que mais poderia fazer uma mulher se sentir especial?

O homem que pudesse ter todas. O homem que pudesse, sem mentir, afirmar o seguinte: “Eu poderia estar agora com qualquer outra, mas estou com você”.
.
É por isso que dinheiro, inteligência e beleza parecem ser fatores de atração: eles ampliam o leque das possíveis mulheres que um homem pode conquistar. Qualquer outro atributo que faça o mesmo (ter um blog lilás, por exemplo) fará o papel do dinheiro. Ou seja, as mulheres não querem dinheiro, elas querem o que as outras mulheres parecem querer. Jessicar Parker e Melissa Burkley, duas pesquisadoras da Universidade de Oklahoma, concordam: mulheres preferem homens casados.

O que deixa tudo ainda mais engraçado: o nosso desejo não tem base alguma, não tem um objeto rastreável que poderia ser encontrado e entregue para nosso completo gozo. O nosso desejo – e principalmente o das mulheres (pergunte o porquê para Freud e Lacan) – é montado em cima de outro desejo, que por sua vez se monta em cima do nosso, como em uma caminhada de dois cegos: “Vou te seguir, você tá olhando tudo, né?”.

Embora muitas mulheres se satisfaçam por um tempo com esse atestado imperfeito (”Ele poderia ter 90% das mulheres, mas me escolheu”), poucas desconfiam que essa impossibilidade de encontrar tal homem 100% garanhão é a prova final do fracasso desse processo de dependência. Não vai dar certo: homem algum conseguirá fazer sua mulher acreditar que é especial porque, no fundo, ela sempre vai pensar “Se ele pudesse pegar outras melhores, ele não estaria comigo”.

Aos homens, coitados, não sobra tempo sequer para relaxar um pouco depois dessa redenção. É nosso o mesmíssimo fracasso. Nenhuma mulher conseguirá atender ao que pedimos, sem saber, no começo da relação: “Seja uma mulher desejada por todos, uma mulher que possa ter qualquer um, quando quiser, e me escolha como seu homem; assim me sentirei um grande homem”. Sofremos do mesmo tipo de alucinação de Pinky e Cérebro. Não, não vamos conquistar o mundo.

Fica complicada até mesmo a vida do cafajeste que se propõe a usufruir dessa dinâmica para seduzir várias mulheres. Nenhuma delas vai conseguir estabilizar a identidade de Don Juan. Enquanto o homem comum se preocupa em seduzir mulheres, os cafajestes gozam mesmo ao conquistar desejos e assim afirmam sua identidade e seguem com sua energia. Assim que um desejo feminino for fisgado, ele será obrigado a partir para outra. Sua liberdade e possibilidade de escolha vai ter o mesmo tamanho de sua prisão.

Mas isso tem saída?
Abra qualquer livro de psicanálise – ciência maldita que começou a levantar tais questões – e vá direto ao fim. Muitas vezes a saída proposta é apenas isso: aceite esse processo e tente conviver da melhor forma com essa falta, essa impossibilidade, essa lacuna, esse vazio, esse abismo…

Eu concordo. Dentro desse jogo, não há resolução. Não há saída. Todos os condicionamentos estão bem costurados debaixo de nossa pele e não será tão fácil nos liberarmos desses padrões de comportamento narcísico, autocentrado. Adoro a visão psicanalítica justamente por ser tão impiedosa ao corroer nossas mais queridas ilusões e esperanças.

Talvez, no entanto, haja algum jeito de agirmos com liberdade em meio a esses jogos, até porque é a própria liberdade que está sendo valorizada quando desejamos o homem ou a mulher que poderia conquistar qualquer outro. Em vez de tentar sequestrar esse desejo livre para satisfazer nossa carência, haveria outro modo de relação entre dois seres nada especiais e completamente substituíveis?

Cabe a nós experimentar outras possibilidades e dar o exemplo. Há 3 anos eu me propus a fazer isso e a relatar meus percursos por aqui.

Ainda estou longe. E você?

Homens que podem escolher…
A discussão acima nasceu de um convite da BIC para responder a pergunta “O que é um homem bem-feito?”, mote da campanha de lançamento do barbeador BIC Comfort 3, que já tinha rendido um texto aqui no Não2Não1 e outro longo no Papo de Homem: “Por que muitos homens são reféns das mulheres?”.

.
Para participar e concorrer a vários prêmios (Wii, Nokia N97, iPods e camarotes para jogos do Brasileirão), assine o Twitter @homembemfeito e inscreva-se no site oficial da campanha.

Fonte: Blog Não 2 Não 1

domingo, 13 de dezembro de 2009

10 Frases mais usadas para rejeitar uma mulher

As dez frases mais usadas pelos homens para rejeitar uma mulher (e o que realmente significam):
.
Penso em você como uma irmã
(você é feia)

Existe uma pequena diferença de idade entre nós
(você é feia)

Você não me atrai 'dessa' maneira
(você é feia)

Minha vida já é demasiado complicada
(você é feia)

Tenho namorada
(você é feia)

Não saio com gente do trabalho
(você é feia)

Não é sua culpa, é minha
(você é feia)

Quero concentrar-me na minha carreira
(você é feia)

Fiz votos de castidade
(você é feia)

Sejamos amigos
(você realmente é feia)

sexta-feira, 11 de dezembro de 2009

O futebol é o espetáculo da selvageria

Eu não gosto de futebol. Nunca admirei! O que seria um espetáculo dá lugar à selvageria. E eu nem pretendo entrar no problema mais escancarado da questão, que é, o cara passar fome, ser roubado na maior cara-de-pau pelos governantes que ele mesmo elegeu e sofrer as dificuldades de um país injusto. Ainda assim ele não se rebela. Mas enfrenta a polícia e quem mais for por causa do time de futebol que perdeu.

A questão que quero falar aqui é a da violência, da truculência de um animal selvagem, de um troglodita. Por exemplo, ao final de um jogo que assiti, um torcedor parte para cima de uma policial mulher para lhe dar um soco. Por que? Porque ela estava protegendo os árbitros ou os jogadores, o que nem faz diferença para este caso. Não vou falar da covardia que é bater em mulher, pois, trata-se de uma policial treinada para o tipo de situação. A questão é a bestialidade do ato em si, a falta de motivo.

Na confusão, lá vai a polícia, plenamente dentro da razão e do dever de manter a ordem, dá pauladas, tiros de borracha, bombas de gás lacrimogêneo e depois vem ainda os “pobres” torcedores, sangrando e aos prantos, denunciar a violência policial. Ora, que inversão mais absurda é essa? Vai por mim: a polícia nunca vai querer entrar em confronto com ninguém. Eles não estão lá para isso. Mas um bando de loucos, dignos de cadeia e uma bela paulada de cassetete, vem em massa para cima dos policiais como se quisessem descontar a raiva.

Minha indignação e incapacidade de entender o que se passa na mente destes animais, começam pelo fato de que nem os policiais nem ninguém, senão o próprio time, têm culpa do fracasso. A outra questão é que não adianta brigar contra a polícia: você sempre vai perder. A outra é que o time perdendo ou ganhando talvez faça você mais triste ou feliz, mas certamente não vai mudar em nada sua vida. A outra questão é: o que um ponto de ônibus tem relacionado com o jogo? Nada, certo? Então, por que depredá-lo? Se a pessoa fica com “raivinha”, bate o pezinho, chora, faz dengo porque o timinho do coraçãozinho dela perdeu e decide descontar nos outros, é hora de entrar a polícia (porque essa gente não tem pai nem mãe) e dar uma bela surra para por cada um no seu devido lugar. Até, quem sabe, um dia estes acéfalos entenderem que... é só um jogo! E nem são eles quem jogam ou vivem daquilo! É só... uma grande ilusão! Gostosa, é verdade... mas só para quem sabe apreciar.
.
.
.

quinta-feira, 10 de dezembro de 2009

Frases de Caminhoneiro - 04/10

Os últimos serão os primeiros e os do meio, sempre serão os do meio.

O trabalho foi inventado por quem não tinha o que fazer!

Chifre é como dentadura: No começo, incomoda...mas depois a gente se acostuma!

Não passe tempo demais pensando em sua vida. Você não deve perder tempo com bobagens!

Não perca o bom humor, pois quem achar não devolverá.

Não me inveje, trabalhe.

Caminhoneiro que tem mulher feia, viaja sempre tranquilo.

Não me siga, posso estar perdido.

Carrego o progresso e levo humilhação.

Casamento não é bom e isto é fato verdadeiro, pois o diabo não se casou e Jesus morreu solteiro.

Fonte:
Blog Repórter Curioso

terça-feira, 8 de dezembro de 2009

Reflexão - Perguntaram ao Dalai Lama...


8 de dezembro - Dia da Justiça

.
O que é a justiça pra você?

O Dia da Justiça é uma homenagem ao Poder Judiciário, instituído pela Lei 1408/51, pelo então presidente Getúlio Vargas.

O que é o judiciário para você?

Nesta data temos que refletir mais do que um simples feriado judicial, temos que analisar os elementos que constituem o Poder Judiciário, ou seja, o tríplice: Juiz, Promotor e Advogado.

O que é o poder para você?

Muito além de cordialidade, respeito e urbanidade, o tríplice judiciário (formado por juizes, promotores e advogados) buscam – pelo menos em ideal – fornecer aos cidadãos elementos de paz social, obediência as Leis e Justiça Social.

O que é a verdade para você?

Na maioria das ocasiões a tríplice aliança é mais enfraquecida no lado dos advogados que são taxados como aproveitadores e oportunistas, sendo difundido aos cidadãos a visão de probidade e verdade aos outros elementos da tríplice.

O que você acredita como correto?

Não temos como buscar no Judiciário apenas aquilo que é justo e perfeito, pois somos seres humanos, temos interesses diversos e perfeição não é nossa característica.

Mas então fica a dúvida: Sendo injusto e imperfeito, temos o Dia da Justiça como feriado ou reflexão?

Leia e responda as perguntas em negrito e tire suas conclusões…
.

segunda-feira, 7 de dezembro de 2009

Passando a Régua - Ed. n. 816

Coluna publicada na edição nº 816 do Jornal Diário do Norte

"O sonho dos que estão acordados é a esperança".

Carlos Magno

Cultura
De 4 a 6 de dezembro, no Memorial Serra da Mesa (Uruaçu), grandes acontecimentos no I Encontro de Culturas Serra da Mesa.

Confiança
Em quem o brasileiro confia? Uma pesquisa feita pelo Ibope Inteligência sobre o nível de confiança dos brasileiros em relação a instituições e grupos sociais, denominado Índice de Confiança Social, fez um importante monitoramento da opinião nacional, que veio reforçar algumas impressões já consagradas e inspirar outras reflexões interessantes. Pela ordem, em primeiro lugar está a família, como a instituição mais confiável (90 pontos); depois os bombeiros (88), as igrejas (76), as forças armadas e a mídia (71 pontos cada), os amigos (67), os vizinhos (59), o sistema público de saúde e as eleições (49 pontos cada), os sindicatos (46), os partidos políticos (31)... (Fonte: www.akatu.org.br )

Caixa
A Caixa Econômica Federal anunciou, dia 1° de dezembro, a compra de parte do capital do Banco PanAmericano. O negócio de R$ 739,2 milhões foi realizado por meio da Caixa Participações (Caixapar) e ainda depende da aprovação do Banco Central. Se aprovada, a operação representará a compra de 35,54% do capital total do banco PanAmericano. Segundo a presidente da Caixa, Maria F. Ramos Coelho, a aquisição reforça a estratégia de democratizar a oferta de crédito.

Leilão
A Prefeitura de Uruaçu promoverá em 10 de dezembro leilão para a venda de máquinas, veículos, caminhões, vans, trator, sucatas e outros bens. O leilão é aberto ao público e, na ocasião, todo e qualquer interessado pode dar o seu lance. Os bens a serem leiloados estão à disposição para visitação pública, na Garagem Municipal (62-3357-3689), desde o dia 23 de novembro, até o dia 10 de dezembro. O leilão está agendado para às 14h, no Plenário da Câmara Municipal de Uruaçu. Os bens oferecidos no leilão podem ser conferidos pela internet, no site da empresa leiloeira MC Leilão - www.mcleilao.com.br.

Reconhecimento
Os Correios ficaram em oitavo lugar no Top 10 do Anuário Época Negócios 100 - As Empresas de Maior Prestígio no Brasil. Na mesma premiação, foram os vencedores na categoria Serviços. A lista das empresas campeãs foi revelada na noite de 1º de dezembro, em São Paulo. O presidente dos Correios, Carlos Henrique Custódio, recebeu os prêmios. O anuário, em sua segunda edição, fez um grande levantamento nacional em que 15 mil brasileiros avaliaram mais de 200 marcas, numa pesquisa coordenada pelo Grupo Troiano de Branding. (Fonte: Correios)

______________________________________________

Carlos Henrique Alves do Rêgo – Carzem, é sócio do Lions Clube de Uruaçu; Bel. em Ciências Contábeis pela UEG/Uruaçu; e, funcionário do Banco do Brasil, agência de Uruaçu

domingo, 6 de dezembro de 2009

Mudar hábitos exige sacrifícios

Certa vez, um profeta e seu discípulo, estando em viagem, pediram pousada em uma das residências que encontraram ao longo do caminho.

Na hora do jantar, foi-lhes servido como alimentação apenas um copo de leite. Era a única coisa que o dono da casa tinha para oferecer, embora todos que ali moravam fossem pessoas saudáveis, tanto os pais como os filhos. A terra era boa, tinha bastante área para plantio, porém a família nada cultivava.

Em toda a terra possuíam apenas uma vaca leiteira, de onde vinha o leite que sustentava toda a família.

Pela manhã, o profeta e o discípulo levantaram, agradeceram a hospedagem e continuaram viagem. Um pouco adiante da casa, viram que a vaca pastava à beira de um precipício.

O profeta, então, ordenou ao discípulo:

- Vá até ali e empurre a vaca para o penhasco.

O discípulo inicialmente relutou, mas como era obediente a seu mestre fez o que o profeta mandara e empurrou a vaca no precipício. A vaca morreu na queda e o discípulo ficou bastante consternado.

Alguns anos se passaram e o profeta e o discípulo voltaram novamente àquela região e novamente pediram pousada na mesma casa.

Observaram, imediatamente, que alguma coisa havia mudado naquela família.

Já se viam plantações ao redor da casa, animais pastavam no terreno, todos se movimentavam e ocupavam-se com alguma tarefa.

Na hora do jantar, lhes foi servida uma comida excelente, preparada com os alimentos colhidos da própria terra, o que foi motivo de orgulho para todos.

Pela manhã, o profeta e o discípulo despediram-se da família e continuaram viagem.

O profeta disse então ao discípulo:

- Se não tivéssemos empurrado a vaca no precipício, essa família nunca poderia ter se desenvolvido, trabalhando e cultivando a terra que possuíam.

Essa parábola nos mostra que devemos expandir nossas habilidades para coisas novas.

E nos ensina também, que mudar hábitos e comportamento às vezes requer sacrifícios e rompimentos drásticos com os padrões de trabalho e vida que adotamos.

sábado, 5 de dezembro de 2009

Memorial Serra da Mesa - I Encontro de Culturas


5 de dezembro - Dia Internacional do Voluntariado

.
O voluntariado é uma atividade inerente ao exercício de cidadania que se traduz numa relação solidária para, com o próximo, participando, de forma livre e organizada, na solução dos problemas que afetam a sociedade em geral. Reconhecendo que o trabalho voluntário representa, hoje um dos instrumentos básicos de participação da sociedade civil nos mais diversos domínios de atividade a Lei n.° 71/98, de 3 de Novembro, estabeleceu as bases do enquadramento jurídico do voluntariado.
.

sexta-feira, 4 de dezembro de 2009

Aa 7 Leis Espirituais do Sucesso

.
O Dr. Deepak Chopra nos convida a participar da Rede Global para o Sucesso, praticando diariamente as "Sete Leis Espirituais do Sucesso". Ele sugere que nos concentremos em uma lei a cada dia da semana. Lei é o processo pelo qual o não-manifesto se torna manifesto. Portanto, qualquer coisa que desejamos pode ser criada, porque as mesmas leis que a natureza utiliza para criar uma galáxia, um planeta, um corpo humano, podem realizar nossos desejos mais profundos.

DOMINGO - Lei da Potencialidade Pura:

- Reserve um momento do dia para ficar só e fazer uma
meditação silenciosa.

- Reserve um período do dia para comungar com a natureza

- Pratique diariamente o preceito: "Hoje não julgarei nada".

SEGUNDA-FEIRA - Lei da Doação:

- Ofereça sempre algo às pessoas com quem tiver contato(cumprimento, pensamento positivo, oração, benção).

- Agradeça as dádivas oferecidas pela vida, como a beleza da natureza e tenha abertura para continuar recebendo-as.

- Deseje em silêncio, toda vez que entrar em contato com alguém, que tenha uma vida próspera e feliz.

TERÇA-FEIRA - Lei do Karma:

- Observe sempre as escolhas que vai fazer e se pergunte: Quais serão as conseqüências dela para mim e os outros?

- Peça orientação ao seu "coração", que é muito intuitivo.

QUARTA-FEIRA - Lei do Mínimo Esforço:

- Aceite pessoas e fatos como se manifestarem.

- Não se volte contra o Universo lutando contra o presente.

- Seja responsável pelas situações e não culpe ninguém.

- Desista de impor sua opinião aos outros.

- Tenha abertura à todos os pontos de vista e não se prenda a nenhum.

QUINTA-FEIRA - Lei do Intenção e do Desejo:

- Faça uma lista de todos os seus desejos. Olhe para ela antes de meditar e, também, antes de dormir e ao acordar.

- Libere a lista de seus desejos no plano cósmico, que tem desígnios maiores para você do que possa conceber.

- Confie.

- Esteja consciente do momento presente.

SEXTA-FEIRA - Lei do Desapego:

- Comprometa-se com o desapego.

- Dê a si próprio e aos outros a liberdade de ser o que é.

- Participe de tudo, mas com envolvimento distanciado.

- Saiba que, estando disponível para aceitar a incerteza, a solução virá do próprio problema.

- Tenha abertura para uma infinidade de escolhas, experimentando toda a magia, mistério e aventura da vida.

SÁBADO - Lei do Propósito de Vida: Nutra, com amor, a divindade que habita em você.

- Tenha consciência da atemporalidade, do ser eterno.

- Faça uma lista de seus talentos únicos e do que adora fazer, e saiba que, quando os põe a serviço da humanidade, cria abundância na sua vida e na de outras pessoas.

- Pergunte-se diariamente: "Como posso servir?"

Gostou do conteúdo do livro? Encontre-o nas melhores livrarias do país.
.
.