sábado, 18 de outubro de 2014

Convite: 'É o fim da democracia?', tema do Café Filosófico da FaSem


18 de Outubro - Dia do Médico


O médico é um dos mais importantes profissionais presentes em nossa sociedade. Sua função está ligada à manutenção e restauração da saúde. Este profissional utiliza o saber específico, técnicas e abordagens que lhe permitem promover a saúde e o bem-estar físico, mental e social dos indivíduos. 
O dia 18 de outubro é considerado o dia do médico em muitos países, como Brasil, Portugal, França, Espanha, Itália, Bélgica, Polônia, Inglaterra, Argentina, Canadá e Estados Unidos. Esta data foi escolhida por ser o dia consagrado a Lucas, o "amado médico", segundo o apóstolo Paulo. 
Lucas teria estudado medicina em Antioquia, além de ser pintor, músico e historiador; um dos mais intelectuais discípulos de Cristo. A tradição de ter Lucas como o patrono dos médicos se iniciou por volta do século XV. 


Fonte: Facebook - Datas Comemorativas 


sexta-feira, 17 de outubro de 2014

17 de Outubro - Hoje é meu aniversário! - 'Dia do Carzem'


Imagem: Facebook - foome 

"Aquele aniversário em que assoprar as velas e fazer um pedido são óbvios-- kkkkk" 

Muito obrigado a você que dedicou alguns segundos de seu tempo para me felicitar pelo meu aniversário! Gostaria imensamente de realmente ter um bolo lindo desse e poder comer dele junto com os meus amigos! Que em 2015 possamos estar juntos novamente comemorando o 'Dia do Carzem'! Oxalá, com um bolo de verdade e num contato não apenas virtual! Deus os abençoe!

Música Para Todos Os Ouvidos - GAFFURINA III


O Gaffurina 2014, em sua 3ª edição, evento de cunho cultural patrocinado pelo Governo de Goiás, através do Fundo de Arte e Cultura de Goiás (SECULT – Secretaria de Estado e Cultura de Goiás), aconteceu no sábado, 11 de novembro, a partir das 19h30, na Praça Roberto Izidoro de Almeida (antiga Praça Castro Alves), em Uruaçu.
O festival de musica independente faz parte da grade de programação do “Musica para todos os ouvidos”, aberto a toda a comunidade. O mesmo oportuniza aos músicos independentes a possibilidade de mostrarem seu trabalho autoral assim como a comunidade a conhecer a produção independente que existe em Uruaçu e região!
As bandas Apollo 11, Conselho deClasse, Kayro, Casulo Fantasma e Os Rolhas, genuinamente uruaçucenses, abriram o festival que contou ainda com a participação das bandas Evening (Anópolis), Pedrada (Goiânia), Gonorants (Brasília-DF), Chimpanzés de Gaveta (Goiânia) e Nevilton (Umuarama-PR), mostrando os destaques da cena independente de Uruaçu, região e também nacional, tendo agregado a esta edição mostra de artes, colocando em destaque os artistas Camylla Maia, Pablo Leones e Jordane Silvestre.
Numa expressão emocionada de ‘missão cumprida’ o agente cultural Rodrigo Kramer desabafou: “Que noite bacana! Que sabadão! O Festival Gaffurina de Cultura Alternativa 2014 (3ª edição) se fez valer! E é interessante dizer que se fez valer porque o público se apresentou, acreditou, e ajudou a fortalecer o movimento da musica independente... Desta forma agradecimento todo especial ao público que se fez presente e abrilhantou a festa!”
Vale destacar que além dos jovens e adolescentes, o público do Gaffurina se fez por vovôs e vovós, papais e mamães que vieram acompanhar seus filhos e netos, pessoas diversas ligadas à cultura musical de diferentes seguimentos, profissionais liberais, agentes culturais de diferentes gerações e seguimentos.
Acertou em cheio o coordenador do Samu-Uruaçu, Dã das Graças quando afirmou que o evento “aqui [na Praça Castro Alves] ficou melhor que no Parque das Araras apesar de que lá o pessoal ficava mais solto na grama, correndo, pulando...”, mas se equivocou quando afirmou que terminaria às 22 ou 23 horas: “Eu já fui a outros eventos deles e eles tem público até umas 10, 11 horas. Depois disso esses adolescentes vão embora. Eles estão demorando demais a passar de uma banda para outra, mas o evento está muito bom”. O show só parou às 3h40 do domingo (dia 12).
Reforçando o entendimento do Dã, a jovem Luana Veloso (Unimed-Serrado e Agencia de Viagem Serra da Mesa) disse: “O local aqui ficou mil vezes melhor que o Parque das Araras. O público do evento foi muito participativo e educado, sem nenhuma confusão. Eu só desejo que esse evento aconteça outras vezes, que venham mais pessoas de outros lugares”.
O secretário municipal de Cultura, Belchior Cabral, com sua esposa Andreia Freire, diretora de teatro, e seu filho Eduardo esteve presente, visitou os trabalhos artísticos da Camylla, do Pablo e da Jordane, comeu na praça de alimentação da Feira da MAB (Movimento dos Atingidos por Barragens) e disse: “Acho legal ver um grupo artístico juntando com um grupo comunitário, que é o pessoal da feirinha. É uma atitude de agente cultural mesmo. Vejo o pessoal do comercio comentando que tinha que ter isso mais vezes...”.
Animadíssima e emocionada a mãe dos jovens Pedro e Daniel, da Banda Kayro, Silvina Maria disparou: “Meu filho é guitarrista e esta tocando em cinco bandas. Ele toca guitarra, violão, baixo, bateria, gaita. Mas sabe o que eu gosto de ouvir ele tocar? Gaita!”.
O pessoal da velha guarda, também presente e se divertindo comentou: “O que eu tenho a dizer e uma palavrinha simples: PARABÉNS!” – Ranfley Albuquerque Vieira, vocalista da banda Contra Indicação – a mais antiga banda de rock de Uruaçu, ainda na ativa! –; e o Rhalder do Prado Diniz, vocalista da extinta banda Frutos do Vício (anos 80 no CNSA) e hoje vocalista banda Jeremias na Estrada – banda de reggae: “Só tenho que elogiar! Na verdade, fico até emocionado, porque querendo ou não, eu também plantei uma sementinha disso aqui – nós plantamos! Lembra o tempo do rock in rua! O Rodrigo [Kramer] está de parabéns!”.

Outros comentários:

“Participação em massa. Muito massa! Participar aqui é uma fase muito importante pra gente!” – Luiz Augusto, vocalista da Apolo 11

“É um público jovem, quase não usa álcool, vem pela música, pelo rock 'n roll. É uma coisa que eles herdaram dos pais.
O mundo todo vai ouvir rock o resto da vida. Música boa! Rock tem poesia, tem letra, fala de política, de corrupção... é uma expressão forte de liberdade e igualdade.
O ambiente está com um palco divino! Um presente que a Marisa [ex-prefeita] deixou para a cidade! O coreto é um paradigma para mim... cabe música, teatro...
O Gaffurina teve incentivo porque tem público alvo, que sai do rock underground ou tecno-sertanejo, da música de mídia. Quem consome o rock 'n roll é uma pessoa antenada com o mundo. Ele é crítico, é culto, tem o rock na veia.
Vejo que o rock ressurge com a juventude, com o que tem de melhor, com a poesia e a música!” – Nilva Ferreirade Souza, publicitária

 “Achei ótimo, maravilhoso! Devia ter sempre! Gostei da iniciativa e do local, porque em Uruaçu não tem opção de lazer noturno, somente bares e, com essa iniciativa a gente pode sentar na praça, comer um lanchinho... É algo diferente! Olha o tanto de gente que veio prestigiar, o tanto de jovem se divertido!” – Lucia V. Souza, pedagoga e esteticista

“Estou com meus amigos, na praça, ouvindo rock 'n roll, no centro da cidade! Massa!” – Charles Dias, Agencia de Turismo Serra da Mesa

“Acho fundamental eventos como esse. Pela primeira vez que estou em Uruaçu, vim para cantar, num espaço público, com um palco desse! Dá outro clima para a cidade, o pessoal comendo seu lanchinho e prestigiando! Vim de Umuarama-PR, eu e meu parceiro Tiago Lobão.” – Nevilton, compositor e vocalista da banda Nevilton

“O evento, ele reforça essa identidade que o Norte Goiano, apesar de que Goiás é identificado com a música sertaneja, mais tem espaço para a música alternativa. Ainda é importante para que as bandas tenham oportunidade de mostrar seu trabalho, acreditando ser uma opção alternativa, já que Goiás abre muito espaço para o sertanejo e segrega os outros estilos.” – Marcos Roberto Pereira Moura, professor universitário UEG-Porangatu

"(...) Estou aqui pra parabenizar e acima de tudo agradecer a família Kramer e todos envolvidos na produção deste mega festival que se realizou na cidade de Uruaçu e devo destacar que foi o festival que mais fomos bem tratados, não só a gente como todos com uma estrutura de altíssima qualidade e uma programação fantástica com super bandas.
Fico bastante feliz por poder contribuir com tudo isso que vocês estão construindo em Uruaçu e saber que aquilo que iniciamos no interior goiano ao lado dos parceiros de Anápolis, Inhumas, Rio Verde e Piracanjuba ainda é uma realidade e jamais será ignorado.
Parabéns, Uruaçu, parabéns bandas, parabéns Anderson pela sonorização e parabéns norte goiano." – RodolfoSantos, vocalista da banda Pedrada

“A dupla Marcos e Paulo parabeniza toda equipe da banda Os Rolhas por essa iniciativa. Um evento que está abrindo espaço, mostrando e demonstrando que em Uruaçu temos talentos que da um show para galera... Parabéns, Rodrigo Kramer e Larissa Kramer, tamos juntos parceiros...” – Marcos e Paulo

"Gostaria de agradecer e parabenizar o casal mais foda de Uruaçu, Rodrigo Kramer e Larissa Kramer, por toda a atenção e dedicação na produção desta edição do Festival Gaffurina! Sensacional a estrutura e organização impecável de vocês! Fico muito feliz por vocês terem conseguido dar esse salto gigante e proporcionado a Uruaçu momentos impares de cultura e Rock!
Valeu também todo público presente que incendiou o show junto com a Evening Rock! Vocês foram sensacionais esperamos voltar aí mais e mais vezes! Um abraço a todas as pessoas que conhecemos também e demonstraram muito carinho por nós!
Longa vida ao Festival Gaffurina que venham muitas e muitas outras edições!" – Leo Carneiro, vocalista da banda Evening

 “Achei muito bacana, pois demonstrou que nossa Uruaçu também tem seus artistas que curtem o rock! Além do mais isso fica como incentivo para os demais que segue essa linha musical! De fato meu estilo é o sertanejo, porém escuto pop rock, rock dentre outros ritmos. Uruaçu necessitava e necessita de mais espaço e apoio aos artistas da nossa terra. O 3º Gaffurina já é um evento que tem destaque. Gostei muito de ver meus amigos roqueiros apresentando seus trabalhos.” – Henrique Ludy, cantor e compositor sertanejo de Uruaçu

 “Sem nenhum incidente, nenhuma briga... Apenas recolhimento de garrafa de bebida!” – Dione e Rogério – Segurança Anapool

“Uma excelente oportunidade para o pessoal sair e se divertir, já que em Uruaçu quase não tem novidade nenhuma. Precisa ter mais eventos como esse. Está muito bom!” – Raul Filho, barraca Rauzada, Feira da MAB

“Um evento muito bom! Não tenho nada do que reclamar... tanto para a gente trabalhar quanto para a cultura.” – Edsonia Alves de Souza, barraca Mistura Brasileira, Feira da MAB

Por parte dos organizadores, ficam os “agradecimentos para o pessoal que desbrava território, desbrava barreiras culturais, as bandas: Apolo 11, Conselho de Classe, Kayro, Casulo Fantasma e os Rolhas de Uruaçu; ao pessoal companheiro da Evening de Anápolis; ao Gonorants galera simpaticíssima de Brasília; ao pessoal parceiro do Pedrada e do Chimpanzés de Gaveta de Goiânia; a galera finíssima do Nevilton que se deslocou do Paraná pra cá (Uruaçu) e fechou com Chave de ouro o evento... Agradecimentos mais do que especiais ao senhor Anderson e toda a sua equipe que deixou impecável o som... agradecimentos a equipe de produção do evento que cuidou da estrutura, decoração, discotecagem e deslocamento; agradecimentos à Secretaria de Cultura de Uruaçu, à Secretaria de Estado da Cultura (Secult), ao Fundo Estadual de Cultura e ao Governo de Goiás... e mais uma vez ao público que fortaleceu este tipo de iniciativa!!! Valeu!!!”

Minha opinião: Gostei do evento! Gostei da iniciativa dos organizadores, que mesmo sendo de duas bandas (Os Rolhas e Casulo Fantasma), deu oportunidade para outras bandas locais! Gostei da escolha do local! Gostei de ver crianças, jovens e adultos ‘interagindo com rock’! Gostei de ver ‘junto e misturado’ a cultura do rock com a cultura popular (os feirantes da MAB)! Gostei de rever amigos das antigas, Ranfley e Rhalder (por exemplo)!... Gostei de ver amigos de outros estilos musicais (Henrique Ludy) prestigiando o Gaffurina! Gostei da mostra de desenhos da Jordane! Gostei do stand da loja Harley Prado, Cuba Street Wear – tudo haver com o evento! –, onde teve a mostra dos trabalhos artesanais da Camylla e do Pablo! Gostei de participar de um show com apresentação de dez bandas de rock, com 8 horas de duração, sem nenhuma briga ou a menor confusão entre os participantes! E, embora não seja crítico de música, gostei demais da apresentação da banda Nevilton (banda de duas pessoas), a que mais interagiu com a plateia, na minha opinião! Valeu cada segundo ter esperado para ouvir Nevilton, a banda que ‘fechou com chave de ouro’ o Gaffurina 2014!

Por fim, fica o convite para outras apresentações, uma vez que a programação do “Musica para todos os ouvidos” se dará em seis datas diferentes, sendo: 11, 16 e 30 de outubro, 6 e 20 de novembro; e, 4 de dezembro, contemplando os mais diversos gêneros musicais que se destacam em Uruaçu.  

quinta-feira, 16 de outubro de 2014

Contra os números não existem argumentos. MEU VOTO É DILMA 13!


Imagem: Facebook - Claudio Gonzalez 

***** ***** ***** ***** ***** 

DADOS DOS GOVERNOS ANTERIORES E DO GOVERNO DO PT

Aqui vão alguns dados colhidos em fontes seguras e confiáveis. 

1 - Lucro do BNDES: 
2002 – 550 milhões    
2013 – 8,15 bilhões 

2 - Lucro do Banco do Brasil 
2002 – 2 bilhões 
2013 – 15,8 bilhões 

3 - Lucro da Caixa Econômica Federal:       
2002 – 1,1 bilhões 
2013 – 6,7 bilhões 

4 - Produto Interno Bruto: 
2013 – R$ 1,48 trilhões 
2013 – R$ 4,84 trilhões 

5 - PIB per capita: 
2002 – 7,6 mil 
2013 – 24,1 mil 

6 - Dívida líquida do setor público: 
2002 – 60% do PIB 
2013 – 34% do PIB 

7 - Produção de veículos: 
2002 – 1,8 milhões 
2013 – 3,7 milhões 

8 - Safra Agrícola 
2002 – 97 milhões de toneladas 
2013 – 188 milhões de toneladas 

9 - Investimento Estrangeiro Direto: 
2002 – 16,6 bilhões de dólares 
2013 – 64 bilhões de dólares 

10 - Reservas Internacionais: 
2002 – 37 bilhões de dólares 
2013 – 375,8 bilhões de dólares 

11 - Índice Bovespa: 
2002 – 11.268 pontos 
2013 – 51.507 pontos 

12 - Empregos Gerados: 
Governo FHC – 627 mil p/ano 
Governo PT – 1,79 milhões p/ano 

13 - Taxa de Desemprego:                               
2002 – 12,2% 
2013 – 5,4% 

14 - Valor de Mercado da Petrobras: 
2002 – 15,5 bilhões 
2014 – 104,9 bilhões 

15 - Média de Lucro da Petrobras: 
Governo FHC – 4,2 bilhões p/ano 
Governo PT – 25,6 bilhões p/ano 

16 - Falências Requeridas em Média p/ano: 
Governo FHC – 25.587 
Governo PT – 5.795 

17 - Salário Mínimo: 
2002 – 200 Reais (1,42 cestas básicas) 
2014 – 724 reais (2,24 cestas básicas) 

18 - Dívida Externa em Relação às Reservas: 
2002 – 557% 
2014 – 81% 

19 - Economia do Mundo: 
2002 – 13ª 
2014 – 7ª 

20 - PROUNI 
1,2 milhões de bolsas 

21 - Salário Mínimo Convertido em Dólares: 
2002 – 86,21 
2014 – 305,00 

22 - Passagens Aéreas Vendidas: 
2002 – 33 milhões 
2013 – 100 milhões 

23 - Exportações: 
2002 – 60,3 bilhões 
2013 – 242 bilhões 

24 - Inflação Anual Média: 
Governo FHC – 9,1% 
Governos PT – 5,8% 

25 - PRONATEC 
6 Milhões de pessoas 

26 - Taxa Selic: 
2002 – 18,9% 
2012 – 8,5% 

27 - FIES 
1,3 milhões de pessoas com financiamento universitário 

28 - Minha Casa Minha Vida 
1,5 milhões de Famílias beneficiadas 

29 - Luz Para Todos 
9,5 milhões de pessoas beneficiadas 

30 - Capacidade Energética: 
2001 – 74.800 MW 
2013 – 122.900 MW 

31 - Criação de 6.427 creches 

32 - Ciência Sem Fronteiras 
100 mil beneficiados

33 - Mais Médicos 
(Aproximadamente 14 mil novos profissionais): 50 milhões de beneficiados

34 - Brasil Sem Miséria 
Retirou 22 milhões da extrema pobreza

35 - Criação de Universidades Federais: 
Governos do FHC – zero 
Governos do PT – 18 

36 - Criação de Escolas Técnicas:                    
Governo FHC – 0 
Governo PT – 214 

37 - Desigualdade Social: 
Governo FHC – Queda de 2,2% 
Governo PT – Queda de 11,4% 
De 1500 até 1994 – 140 - no Governo PT – Queda de 11,4%

38 - Produtividade: 
Governo FHC – Aumento de 0,3% 
Governo PT –   Aumento de 13,2% 

39 - Taxa de Pobreza: 
2002 – 34% 
2012 – 15% 

40 - Taxa de Extrema Pobreza: 
2003 – 15% 
2012 – 5,2% 

41 - Índice de Desenvolvimento Humano: 
2000 – 0,669 
2005 – 0,699 
2012 – 0,730 

42 - Mortalidade Infantil: 
2002 – 25,3 em 1000 nascidos vivos 
2012 – 12,9 em 1000 nascidos vivos 

43 - Gastos Públicos em Saúde: 
2002 – 28 bi 
2013 – 106bi 

44 - Gastos Públicos em Educação: 
2002 – 17 bi 
2013 – 94 bi 

45 - Estudantes no Ensino Superior: 
2003 – 583.800 
2012 – 1.087.400 

46 - Risco Brasil (IPEA): 
2002 – 1.446 
2013 – 224 

47 - Operações da Polícia Federal: 
Governo FHC – 48 
Governo PT – 1.273 (15 mil presos) 

48 - Varas da Justiça Federal: 
2003 – 100 
2010 – 513 

49 - 38 milhões de pessoas ascenderam à Nova Classe Média (Classe C). 

50 - 42 milhões de pessoas saíram da miséria. 

FONTES:
42 – OMS, Unicef, Banco Mundial e ONU
37 – índice de GINI: http://www.ipeadata.gov.br
45 – Ministério da Educação
13 – IBGE
26 – Banco Mundial




16 de Outubro - Dia do Engenheiro de Alimentos


Fonte: Facebook - Rosana Goldbeck 


quinta-feira, 9 de outubro de 2014

A oposição goiana venceu Marconi Perillo no primeiro turno e pode vencer outra vez


A oposição em Goiás venceu o primeiro turno das eleições. 54% dos eleitores que foram às urnas no último domingo disseram não a um governo que destruiu a carreira dos professores, que, segundo a Polícia Federal e o STJ, se associou ao criminoso esquema comandado por Carlos Cachoeira, montando uma verdadeira rede de corrupção em Goiás nunca antes vista por essas bandas. A maioria do eleitorado goiano disse não à violência que assola Goiás e os goianos, disse não à condição de 4º estado mais violento do país, vergonhoso título conquistado pela leniência, omissão e incompetência do governo do PSDB. Só nesse terceiro mandato de Perillo foram quase 9 mil homicídios e mais 9 mil tentativas de homicídios registradas. Nesse 2º turno, a oposição unida no propósito de salvar Goiás, de devolver a segurança e o prazer de se viver aqui, ira ratificar o resultado do primeiro turno das eleições. Os goianos dirão não a Marconi Perillo e encerrará um ciclo de 16 anos de um governo que se segura na propaganda. Foram mais de R$ 500 milhões gastos com publicidade, mostrando um estado que não existe em detrimento das prioridades que o povo goiano anseia, como segurança, saúde e educação. Iris Rezende, homem que tem uma história de mais de 56 anos na vida pública dedicados a Goiás e ao Brasil, é o representante da oposição em Goiás. É ele quem conduzirá o processo da redemocratização do estado, que porá fim aos esquemas e aparelhamento da máquina estatal. Hoje a oposição é Iris Rezende e, por amor a Goiás, marchará unida no propósito de retomar Goiás para os goianos. 

Fonte: Blog Opinando  


segunda-feira, 6 de outubro de 2014

Fim da greve para o Banco do Brasil


Greve continua na CAIXA.
BB e privados voltam ao trabalho nesta terça-feira, 7

O Sindicato dos Bancários de Goiás realizou nesta segunda-feira, 6, assembléias dos bancários da rede privada, do Banco do Brasil e da Caixa Econômica Federal. Foram realizadas separadamente em razão das propostas das instituições financeiras serem específicas para cada rede.
Rede privada e Banco do Brasil
Os bancários da rede privada e do Banco do Brasil deliberaram pela aceitação das ofertas patronais e a volta ao trabalho acontece nesta terça-feira, 7.
CAIXA
Os bancários da Caixa Econômica Federal rejeitaram a proposta da empresa e a greve continua por tempo indeterminado. 



*****     *****     *****     *****     ***** 
Nota do autor [bancário]: 

FIM DA GREVE PARA O BANCO DO BRASIL

Muito contrariado com a deliberação da assembléia de hoje... Estou me sentindo USADO, MAL REPRESENTADO... Uma greve que esteve/está forte desde o início, no dia 30 de setembro, terminar aceitando as migalhas das ofertadas patronais. 
PARABÉNS AOS COLEGAS CAIXA! Não é atoa que as conquistas de vocês sobrepõem às do Banco do Brasil ano após ano. Vocês lutam pelo que querem conquistar, fazem a greve com paralisação total (incluindo envelopes). Em minha opinião, GREVE TEM QUE INCOMODAR MESMO! E, ao final, conseguem o que querem e merecem! 
Para nós, do Banco do Brasil, resta voltar ao trabalho com ‘cara de tacho’, fingindo estar feliz com reajuste de 8,5% (sendo que 7,35% nós já tínhamos antes da greve). 
‘Sambarilove’!  

sábado, 4 de outubro de 2014

Meus escolhidos nas Eleições 2014!

Para deputado estadual: 
Marcos 3M - 15333 (Marcos Antônio Menezes Marques, genro do Dr. Oswaldo Barroso (Uruaçu));

para deputado federal: 
Daniel Vilela - 1510 (Daniel Elias Carvalho Vilela, ex-vereador por Goiânia, atual deputado estadual e filho do ex-governador, ex-senador e atual prefeito de Aparecida de Goiânia, Maguito Vilela); 

para senadora: 
 
Marina Sant'Anna - 131 (Marina Pignataro Sant'Anna); 

para governador:  
Vanderlan Cardoso - 40 (Vanderlan Vieira Cardoso, duas vezes prefeito de Senador Canedo); e, 

para presidente da República: 
Dilma Rousseff - 13 (Dilma Vana Rousseff, primeira mulher eleita para presidente do Brasil). 



terça-feira, 30 de setembro de 2014

Greve: Bancários param por tempo indeterminado


Após recusar nova proposta de reajuste dos bancos, os bancários confirmaram a decisão de greve a partir de hoje em todo o País. No Brasil, são cerca de 500 mil bancários, sendo 10 mil no Estado de Goiás.
A paralisação, que já havia sido aprovada na quinta, foi referendada em assembleias realizadas na noite ontem. “Aqui, a decisão foi unânime”, afirma o presidente do Sindicato dos Bancários de Goiás e da Federação dos Bancários de Goiás e Tocantins, Sergio Luiz da Costa.
Ele informa ainda que o sindicato irá montar hoje dois escritórios em Goiânia - um na Superintendência da Caixa Econômica Federal, na Avenida Anhanguera, e outro na Superintendência do Banco do Brasil, na Avenida Goiás -, além de comitês de esclarecimentos em agências da Avenida Goiás, Centro, e interior do Estado.
No sábado, a Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) aumentou de 7% para 7,35% a oferta de correção salarial, o que inclui aumento real de 0,94%, em vez de 0,61% da primeira proposta. A categoria recusou o novo reajuste oferecido e quer 12,5%, o que inclui 5,8% acima da inflação medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) (6,35% no acumulado em 12 meses), além de melhores condições de trabalho.
Os bancários são uma das categorias profissionais em campanha em busca de reajuste acima da inflação. Apesar de a economia estar mais fraca neste ano, as categorias têm conseguido obter ganhos acima da inflação, segundo o Dieese. Em nove acordos fechados entre julho e setembro o ganho real médio foi de 1,59% em negociações que incluem seis Estados. 

Como acertar suas contas 
  • O consumidor pode fazer seus pagamentos via internet banking, mobile banking, caixas eletrônicos, casas lotéricas, correspondentes bancários, supermercados e agências dos Correios, quando as empresas tiverem convênio com esses locais; 
  • Mensalidades de escolas, planos de saúde e boletos diversos podem ser pagos diretamente no estabelecimento do emitente ou ainda por débito em conta; 
  • Caso não consiga efetuar o pagamento, o consumidor deve procurar a sede do Procon ou um dos dez postos de atendimento Vapt Vupt para registrar a reclamação, pois é muito importante documentar o fato para apurar responsabilidades; 
  • É válido que, ao entrar em contato com a empresa, solicitando alternativa para pagamento, o consumidor anote o dia e hora desse contato, além de pedir o número de protocolo do atendimento e demais documentos pertinentes; 
  • Em caso de dúvidas ou problemas, o consumidor pode buscar orientação no Procon Goiás ou por meio do telefone 151. 

Fonte: Jornal O Popular